Armamento, coletes, viaturas e alimentação balanceada

Outro dia eu entrei de serviço e não me dei conta que o armeiro havia reservado uma pistola para mim. Essa situação, a de que o armeiro tivera feito a reserva da arma "para o oficial", somente chegou ao meu conhecimento porque o motorista da viatura do oficial de operações me expos que o sargento que havia chegado antes, mas não recebeu a pistola do armeiro, tendo de ficar com um 357, estava chateado com isso. Aquele serviço, ainda mais porque em duas ocasiões eu estava com a guarnição do referido sargento fazendo abordagens, ficou com um clima pesado no ar. Tenho em meus princípios que quanto a equipamentos devemos todos ter a mesma qualidade, independente de posto ou graduação. Explico: como é que eu posso sair para combater um assalto a banco se apenas a minha pessoa na guarnição conta com pistola .40 e o restante da equipe se encontra de revolver 38 ou na melhor das hipóteses com algum 357? Aí amigão, é complicado pedir sangue no olho a qualquer um...
É muito fácil o comandante da Unidade pedir que o tenente pegue a guarnição e vá enfrentar uma gangue com cerca de 10 homens, mas esquece que difícil é ir ao confronto em uma VTR sem as mínimas condições de segurança, podendo quebrar a qualquer instante, e o que é pior, quebrar na hora do resgate a um companheiro ferido devido a esse confronto. Nessa questão de meios, deve-se ter a consciência que todos nós estamos no mesmo barco, e que se tiver que se atolarem até o pescoço na merda, todos vão ter de entrar também.
Quanto ao acautelamento de pistolas, em diversas coirmãs (PMPE e PMSE, só para citar exemplos mais próximos desse Estado miserável) e em destaque a PMSE, nossos irmãos de farda já andam com pistolas acauteladas. Mas existem diversos peixes e tubarões que andam com pistolas da PMAL, e olha que os tubarões ganham bem e poderiam teoricamente comprar suas pistolas particulares. Lembrando que não basta dar a pistola, deve-se dar todo equipamento de proteção individual aos PMs (EPI). Um kit de segurança pública, composto por uniforme, coturno (do bom, não aquele miserável Chebel, que arromba com nossas articulações; muito menos esse atual, que também não serve), pistola e colete balístico.
Colete balístico? Isso mesmo, pois é equipamento individual e não de uso coletivo, pois se a Vigilância Sanitária der uma batida em qualquer uma de nossas unidades vai notificar, pois é anti-higiênico ficar passando os coletes suados pós-serviços para os outros companheiros. Vocês já tinham pensando nisso? Quantos militares já não pegaram micoses usando esse material? Sem contar o cheiro... Mas como Alagoas é um Estado miserável, isso é uma coisa impensável na nossa Briosa, passível de punição disciplinar para todo aquele que tocar nesse assunto. Conversar para se chegar a solução? Zero!
É como alguém falou outro dia "não é 'bom' ficar expondo as nossas fraquezas para o restante da sociedade...", e a caravana passa...
No tocante a escalas de serviço, minha opinião é de que não existe mágica, pois se você tem poucos militares não vai ter jeito, não tem o milagre de extrair leite de pedra, alguém vai ter sua folga sacrificada. Só tem dois jeitos de mudar: ou com contratação de novos militares ou com a implantação de hora extra para os PMs, esta ultima acarretará na contratação de novos PMs.
O que? Sim! Você acha que o governo vai pagar todas as horas extras? Pois quando ele observar que saí muito mais barato contratar do que pagar hora extra, o governo vai abrir concurso rapidinho! Primeiro temos que focar na regularização de nossa carga de trabalho (30 horas, 33 horas, 40 horas semanais) e depois criar leis que definam o pagamento de hora extra. Todas as categorias tem direito constitucional de ter sua carga horária definida e não me venha com essa balela de que nos somos militares e somos diferenciados. Ei, representantes das associações, tenham peito e honrem as calças e mandem os projetos necessários para que a PMAL rompa os grilhões.
Infelizmente para os companheiros do interior não existe proposta, pois tal qual acontece com os equipamentos (no interior só recebe viaturas velhas, pistolas que eram do BOPE e da RP e o refugo dos uniformes), essa regulamentação de escalas extras vai demorar. Primeiro porque nossos batalhões do interior não tem o efetivo que é previsto (tem batalhões que o previsto é cerca de 600 policiais e têm 190, 200 policiais) e segundo porque a própria escala de serviço não deixa brechas para escalas extras de acordo com a nossa constituição e isso vale para todos, oficiais e praças.
Concluindo: outro dia, no site da PM, em uma nota de esclarecimento sobre a alimentação, quase morri de rir quando falaram que a nossa alimentação é balanceada e equilibrada, atendendo às necessidades básicas dos PMs que se encontram de serviço... Me façam uma garapa por favor!

10 comentários :

Anônimo disse...

Pessoal, façam uma materia sobre as PT que foram adquiridas pelos PMs no último lote, pois já vai para o quinto cheque e nada de arma. Entrei em contato com a fábrica e me enviaram o e-mail dizendo que a arma esta aqui desde mesde fevereiro.

Vejam:

Mauricio Oliveira 4 de março de 2011 14:06

A arma já foi embarcada no inicio de fevereiro. Favor entrar emcontato com Cmdo da PM em Maceió/AL

Enviada em: sexta-feira, 4 de março de 2011 07:02
Para: Mauricio Oliveira
Assunto: Taurus Armas - Formulário de Contato

Contato pelo Site Taurus Armas
Assunto : Compra Calibre Restrito
Mensagem : Comprei uma pt 840 no plano aqui para a policia militar de Alagoas e gostaria de saber se esta arma ja foi enviada, pois ja vai ser descontado o 4º cheque e nada. Já recebi uma nota eletronica noformato XML. Desde de já agradeço!

Se o cara compra uma merda dessa é porque precisa da arma e ainda temque ficar esperando a boa vontade do "Rei Sol" Cmt da Briosa.

Anônimo disse...

É TÉO, É TEO, É TÉO. TÔ DIZENDO QUE SINTO, QUEM AMA ALAGOAS VOTA NO 45 ... ÊTAAAAA QUE BLZZZZZZZZZZ É TÉO, É TEO, É TÉO. TÔ DIZENDO QUE SINTO, QUEM AMA ALAGOAS VOTA NO 45 ... ÊTAAAAA QUE BLZZZZZZZZZZ E O FUMO ENTRANDO.

Anônimo disse...

ENQUANTO ISSO, NO QCG, OS RATOS COMEM GOIABADA COM QUEIJO, ACHOCOLATADO, FILÉ MIGNON (É ASSIM MESMO QUE SE ESCREVE? EU PERGUNTO PORQUE NEM SEI O QUE ISSO...), BEM COMO TOMAM REFRIGERANTES E SUCO DE POUPA DE FRUTAS, TUDO PUBLICADO EM BGO.

OBS: TUDO ISSO É GUARDADO EM FRIGOBARES QUE CUSTARAM CADA UM, NADA MENOS QUE 2.000 (DOIS MIL) REAIS

um pm disse...

uma fonte me disse que tem gente ligada ao comando passando informações para os autores dessa página, para poder ganhar confiança, justamente para depois dar o bote; essa mesma fonte disse que quatro dos autores já foram descobertos, mas o comando está aguardando para ver se consegue chegar aos outros, pois já se sabe que existem (pelomenos) umas oito pessoas envolvidas nas atividades desse blog.

pot isso, meu caros, fiquem bem atentos!!!

Jenésio, o Pecador disse...

"Não é 'bom' ficar expondo as nossas fraquezas para o restante da sociedade."

Por isso, a recomendação é: façam tudo 'na baixa'.

Guarda do QCG disse...

A cada justificativa que o cel Luciano tentava dar aos deputados (na assembléia) era uma saia justa cada vez menor que a anterior. No final, a conclusão que se destacou foi o que todo mundo já sabia: "algumas mudanças precisam ser feitas para o bem da corporação e da sociedade." Asim sendo, pronho que se comece mudando o comando, ou seja, que o cel Luciano seja substituído.

Anônimo disse...

Mudar o comandante geral sem leis que normatizem nossa carga horária, sem aumento de salário, e sem o mínimo de condições de trabalho, é trocar um feitor por outro; e diga-se de passagem é cada um pior do que o outro. Temos é que mudar nossa postura de clamar pela mudança de comando quando podemos mudar as leis, classificá-las e botar, se preciso for, qualquer comandante geral na cadeia por não acatar lei fundamentada em juízo, vide RDPMAL. Nós reclamamos, mas se olharmos o número de apreenssões de armas, vemos que só aumenta. Olhem o BGO e os comentários da unidade. Temos simplesmente que parar. Ponham o dedo no PTT que paralisa toda a rede de rádio, ao invés de dar macete rodando por aí sem fazer nada, simplesmente avaliem as péssimas condições da viatura em oficina especializada e não embarquem, o P.O. é só passar as seis horas em pé, em geral em frente as lojas que dão aquelas "doações" enquanto a maior parte da cidade vai ficar à mercê do bandido motorizado fazendo arrastão nos prédios de luxo. Aí cai comandante de tudo quanto é lugar, a sociedade vai ver o quanto nós padecemos com carga horária excessiva, sem aumento de salário, e sem o mínimo de condições de trabalho. Pois, se ficarmos só rodando, a população vai achar que tá tudo bem e a venda da falsa sensação de segurança vai continuar. Sem falar que se cada unidade fizer uma arrecadação entre cabos e soldados, e pagar uma avaliação ortopédica do tênis que nos deram, o comando vai ter que recolher e dar, realmente, um com qualidade. Tudo de ruim e de mal só acontece na terra do marechal.

Anônimo disse...

A TROPA VIVE RECLAMANDO DAS ESCALAS DE SERVIÇO E DAS CONDIÇÕES DE TRABALHO, MAS BASTOU EXPLODIREM UM CAIXA EM MACEIÓ, ISSO NO DIA 31/03, E EM MENOS DE 10 MINUTOS TINHA MAIS DE 10 VIATURAS NO LOCAL.

É POR ISSO QUE O GOVERNADOR NÃO LIGA PARA OS ANSEIOS DA TROPA. É POR ISSO QUE OUTRO DIA O VICE-GOVERNADOR FOI DIZER NA IMPRENSA QUE O PROBLEMA DA PM É DE MÁ DISTRIBUIÇÃO DO EFETIVO.

DO JEITO QUE A COISA VAI, LOGO LOGO O BATINGA VAI INVENTAR DE RECRIAR OS POs DA MADRUGADA NA ORLA (AQUELES DO PASSADO), E OLHE LÁ SE ELE NÃO COMEÇAR COLOCANDO O PESSOAL DE SERVIÇO EXTRA EM POs PELA MADRUGADA...

É TÉO, É TÉO, É TÉO...
CADA UM TEM O GOVERNO QUE MERECE TER.

Mãe Diná disse...

Depois do jogo do CSA X CRB, podem esperar mais uma "grande idéia" do comando...

Cb PMAL Gilberto Omena disse...

Companheiros da briosa PMAL, recebi esses dias alguns emails de policiais militares de nosso estado solicitando um maior empenho dos compaheiros de farda na luta por melhores condições de trabalho. Sabemos que na atual gestão não estamos sendo tratados como deveriamos e que, se não corrermos atrás de nossa valorização, vai continuar assim por muito tempo. Então estou repassando abaixo uma lista com os emails de nossos "nobres" Deputados Estaduais. Peço que envie-lhes mensagens de apoio, mensagens solicitando melhores condições de trabalho, respeito, a questão das exessivas escalas extras, salários defasados e etc. Vamos encher a caixa de entrada dos emails dos Dep Estaduais. Mais de 10 deputados já responderam meu email e prometeram analisar essa questão com bons olhos.

Também solicito que essa luta seja ampliada para outros companheiros que ainda não se encontram engajados. Conquiste mais um guerreiro para essa trincheira e envolva também a sua família. Repasse essa mensagem para os compaheiros que voçê tem adicionado aí.

Se continuarmos parados, nada nem ninguem se importará conosco! Pensem nisso!

JUNTOS SOMOS FORTES!!!!

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver