A operação "FARDA LIMPA!"

"– Você tem autorização para comercializar este fardamento?" Perguntou o Oficial à humilde balconista do outro lado da loja. "– Infelizmente vamos ter de apreender o material...", sentenciou. E assim, em resumo, foram feitas a maior parte das abordagens realizadas numa manhã de 07 de abril, em mais uma operação para aparecer idealizada e realizada pelo nosso Comando Geral.
Poucas vezes, ao longo dos meus 20 anos a serviço do Estado, vi uma sucessão de planejamentos e operações de cunho tão pirotécnico quanto as que recentemente estão sendo deflagradas na nossa instituição. Desta vez, 115 uniformes foram apreendidos pelo TC Lucena (a mando do supremo-chefe, evidentemente).
Até ai, nenhuma novidade, pois o controle das "fardas" deveria, sim, ser feito pela Corporação. O problema reside no verdadeiro "oba-oba" que é feito a cada atitude que o Comandante Geral toma na Caserna. Novamente não faltaram as viaturas de retaguarda: Imprensa local e a belíssima – e cada dia mais reluzente – blazer da ASCOM-PMAL (por sinal, a mais bela ainda estacionada entre os FIATs UNO da DAL e da PM-1, todos caindo aos pedaços). Foi um verdadeiro CONTO DE FARDAS, se me permitem.
Foram mobilizadas três viaturas de serviço, e mais o efetivo do BOPE, para fiscalizar estabelecimentos que vendem nossos uniformes; material controlado por "lei". Enquanto isso, a população, que cada dia mais carece de segurança e clamando por mais policiais nas ruas para realizar a atividade fim, no atual momento crucial em que a quebra de braço entre governo e lideranças – com a participação de setores importantes dentro da briosa – debatem sobre quem teria a real razão: o chefe de pessoal e, por conseguinte, o comando geral da PM, a reclamarem o pouco efetivo disponível; ou o vice governador, risonho e bem alimentado (como podemos supor pela verba para alimentação que entra em seu gabinete – trataremos disso em uma postagem futura) a sustentar que o problema que, em sua visão, incide não na falta de efetivo, mas na sua má distribuição.
Quem estaria "coberto e alinhado", como se que diz em termos militares? Respondo, em final, com um ditado que meu velho pai deixou-me de legado, antes de sua morte: "Numa casa onde falta o pão, todo mundo briga, mas ninguém tem razão."
Antes fosse só o pão que nos faltasse em nossa caserna, ainda mais nestes tempos em que a tradicional padaria foi extinta. Faltam uniformes, para uns, não para outros. Nos batalhões de área, o que estamos vendo é a entrega de uniformes a alguns em detrimento de outros, quando o que deveria ser feito era o pagamento do uniforme a todos. E o que tem de oficial desfilando em serviço trajando o novo rip-stop, que deveria ser pago aos cabos e soldados, apenas,  isto envergonha a qualquer um e dá vexame até de contar.
E depois do que aconteceu com o Major Buriti, todos estão convencidos de que é proibido falar das nossas mazelas. Isso sem falar do interior do Estado... Lá é que os uniformes não chegaram (ainda) mesmo. A verdade – e nosso comando poderia ser transparente e admitir em público – é que não há uniformes para todos, infelizmente.
Mas a missão dada, foi efetivamente cumprida.
Hoje, pode até ser que se mate, pode ate ser que se venda crack e maconha, pode até ser que se venda armas de fogo, mas vender uniformes de forma irregular, não! Isso o comandante não pode tolerar! Quanto a isto, a sociedade pode dormir um pouco mais sossegada em saber que não será assaltada por ninguém usando uma túnica bege canavial ou o 4º A.
E, alheio a isso tudo, nosso secretário de (in)segurança, continua twittando... Twittando e fazendo a "média". Já posso imaginar a próxima "twittada": @dario(o)cesar_: Parabéns à Polícia Militar pela belíssima apreensão de hoje! São estas ações que enaltecem o glorioso nome de PMAL.
Durmamos com este "barulho", mas durmamos bem; pois amanhã, provavelmente, estaremos de serviço novamente!

4 comentários :

O resenheiro disse...

kakakakakakakaka, como esse comandante é besta botar os pulicia tudo catando farda no comercio, eu tava no comercio hj de manha e era tanta da pulicia e tanta da camera que eu pensei ate que fosse a filmagem de algum novo filme do tropa de elite kjakakakakakaka

Eita que resenha!

Coronel Trem Bala disse...

Realmente Lamentável, concordo em genero, numero e grau.

Anônimo disse...

Olha, sinceramente esse comando tem atitudes que não dá para entender.

Falem mais da farra das diarias, nos estamos gostando.

Voce estao de parabens, sao verdadeiros herois!

Pegando o slogan antigo

VAI PRA CASA LUCIANO!!!!

Jenésio, o Pecador disse...

Parabéns ao Comando Polícia Militar pela belíssima apreensão de hoje! São estas ações que enaltecem inversamente o glorioso nome de PMAL.

Apenas para constar: alguma apreenssão foi feita nas lojas dos "parentes" dos oficiais superiores?

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver