As três cores "primárias"

O empirista em segurança pública, Cel. Gilmar Batinga, parece ter encontrado a fórmula mágica para a resolução do deficiente policiamento da capital do Estado: colorir!
Em recente reunião com os comandantes e subcomandantes de unidades, foi repassada a nova cartada do "senhor das ações" do CPC buscando resolver o Calcanhar de Aquiles atual da nossa corporação – a falta de efetivo –, já compensada com pesadas escalas em horários ortodoxos; na contramão da realização de um concurso que venha a suprir os defasados quadros – agora passa pela simples e ideia da divisão (e desconstrução) daquilo que é elementar: a superioridade numérica em detrimento do policiamento "para o povo ver".
Isto porque, pelo que chegou a nosso conhecimento, as áreas nossa cidade agora serão divididas de forma lúdica. O militar (e também o leitor atento) pode questionar a razão, simples e objetiva. Determinadas através das cores azul, amarela e vermelha, esta separação refletiria a quantidade de PMS a bordo das viaturas para o serviço: na vermelha quatro homens, na amarela três, e na azul, apenas dois.
A bandidagem é claro, agradece!
******
Após a divulgação da postagem A RP agoniza, as represálias começaram a ser vistas naquela unidade operacional. Esperávamos que, com a matéria, aquele comando intermediário atentasse pelo menos à razoabilidade de colocar trancas adequadas em seus portões de acesso, aumentar o número de militares na guarda e, com humildade, retirar os colchonetes novos que se encontram estocados no almoxarifado e passasse-os para os alojamentos, para que o descanso dos militares fosse menos atenuado.
Infelizmente, houve o contrário: a abertura de um PDO para apurar a matéria e a responsabilidade sobre a feitura das imagens.
Com esta determinação, o BEF, em apoio a nossos companheiros procederá da seguinte forma: vamos relatar semanalmente todos os abusos cometidos naquela unidade, bem como citar nomes e fatos além de aguardar melhorias naquela OPM, principalmente no que tange ao alojamento citado e na higiene dos banheiros. Inclusive no tocante à divulgação de mais imagens estruturais, cópias de escalas de serviço, gravações de declarações de oficiais em preleções pré-serviço e outras situações que ainda não divulgamos, pois não desejamos macular a imagem pessoal de nenhum profissional, e nem das OPMs da nossa caserna. No entanto, não podemos permitir que os combatentes sejam expostos a situações dessa natureza.
Por muito menos do que isto, promotores de justiça estão recusando-se a trabalhar por falta de estrutura em fóruns. Por que nos deveríamos agir de forma diversa?
Se as situações narradas acontecerem novamente, divulgaremos, inclusive com nomes e registros, a exemplo da imagem e áudio de um Tenente que após a divulgação da matéria, mostrou-se profundamente irritado com a exposição das mazelas daquela caserna e inclusive sugeriu a transferência de toda a guarda. Estamos de olho, Tenente! Cuidado no que diz e na tentativa de nos intimidar.
Aos companheiros, continuem filmando e fotografando e enviando para nós, só assim com a ajuda dos senhores, poderemos contribuir para uma policia cada vez melhor.

7 comentários :

Cabo Êta disse...

Digam logo que foi o Cletiano, digam!

Sócio da ASSOMAL disse...

Quanto as represálias da RP, realmente o que foi relatado na postagem procede. Um colega meu que é do "Raio que os Parta", confirmou que a represália foi grande e, como bem revelou o "Cabo Êta", acima, o tenente Cletiano é um dos que vivem ameaçando "dar parte", "dar banguela", caso descubra quem são "os traidores". Tenente, antes do senhor falar de traição, procura esclarecer a todos aquela história dos dois quilos de droga (sob sua guarda) que sumiram a caminho da delegacia. Isso sim, é um exemplo de trairagem (com a polícia, e com os princípios inerentes a "ser policial"). A propósito, tenente, dar macete com o joelho para não trabalhar ou pegar certos tipos de serviço também é trairagem.

Uma Policial disse...

Só faltou dizer os locais inerentes às cores!

Aproveitando o momento, quero parabenizá-los pela atitude de não mais permitir os comentários anônimos, pois muitos nãos estava sabendo como se comportar diante de tanta liberdade; quero também agradecer pela remoção dos comentários impertinentes, os quais não contribuiam em nada com o blog. Mais uma vez vocês fizeram a coisa certa. Eu, particularmente, só tenho a agradecer!

Proverbio X disse...

Aê truta, tô estreando aqui, firmeza? Aqui é o mano Proverbio, porque Jesus é o caminho, a verdade e a vida, mano!
O que tá faltando meu truta, é esses comandantes terem Jesus no coração... Em maceio o que impera hoje é o panico, polvora pa pa pa!
Agora eu quero mandar um salve, tá ligado? Um salve para esse Tenente Cletiano ai firmeza? Aê Truta: noiz não somos parafuso pra levar aperto não, namoral! Se o parceiro continuar pressionando os irmao de farda, vamo te denunciar mano, moro o boio, truta?

Jenésio, o Pecador disse...

Seja bem vindo, "Provérbio X", eu sou Jenésio, o pecador!

Rafaela de Almeida disse...

Qual será a cor da área em que o GB mora? Acredito que independente da situação da ára em quel o GB mora, ele deve classificá-la como vermelha!

Indouto disse...

Qual é a cor do Estado mais violento do Brasil???

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver