Cordel do Malvadeza (o Comando do Coisa Ruim)

No dia que se assubiu
No seu comando gerá
O Luciano se riu
Dispois butô pra chorá
Mas os praça quando viu
Custô nisso acreditá
O homi fingia está emocionado
Mas suas lágrima era pura arnera
Cumeçava seu reinado
Partindo na diantera
Cum salaro melhorado
Inchandu a sua cartera
Enquanto esses homi sorbe
Os praça num é promovido
E eles nada arresorve
Acha que praça é bandido
Num sabem a prova dos nove
Mas pra otras coisa são sabido
Pra entrá logo de sola
Luciano arresorveu
Botá todos na gaiola
Que cum ele se meteu
Ou então dá bandiola
Lá pras banda de onde Judas se perdeu
Pra aumentar a disgraça
Batinga permaneceu
Lascando escala nas praça
Só livrando os qui são seu
Ele tá achando é graça
Purque já se promoveu
Batinga é coroné "full"
Num si engane cum safado
Sempre segurou o c... (cargo)
Por traz de um deputado
E agora cum o Lulu
O homi tá impolgado
Mas o nosso cumandante
Pra jogar mais água fria
Butô um terrive infante
Lá na Corregedoria
E quando ele sai bufante
É que a jurupoca pia
Pro comando da RP
O Jojorda foi mandado
O Luciano disse: ocê sabi o que fazê
"Meta a ripa nos folgado"
E se isso num aresorvê
Transfira pra "coqué lado"
O Jojorda é bem casado
C’uma praça muito quirida
Mas ele, alienado
Tomou "rasteira" "da vida"
Pois muntaro im sua bicicreta
Tonando sua fama incardida
O comando proibiu
Os praça de adoecê
Coisa que nunca se viu
E feiz os dotô istremecê
Purque pra "homolagá as dispensa"
Eles num qué nem é vê
Eita medo disgramado
Do coroné marvadeza
Ninguém vive sossegado
E qui num seja surpresa
Tem oficiá cagado
Temendo de tanta dureza
Inquanto Lulu piora
O salaro diminui
Isqueça quarqué milhora
Governo é feito cuzcuis
Abafa as coisa, e agora
Mente jurando na cruis
A situação tá feia
Tá de cortá o coração
Um governo que tapeia
Num merece voto não!
Quando o praça diz: "é cabra de peia"
É purque tá rim de arrumá o pão
Luciano malvadeza
Nunca sabe quando erra
De tantu causá tristeza
A bondade ele enterra
Mas deseja a realeza:
"Rainha da Inglaterra"
E quando dexá o comando
E fô um dia pra reserva
E um praça lhe encontrando
Não vai nem querer conversa
Vai dizer "óia o carcamano"
Agindo com tegiversa
E o praça vai falar:
O sinhô foi o mais vil!
Não soube comandar,
E purisso qui ocê caiu!
Faça o favor de vazá,
Vá a p... que o pariu!

16 comentários :

Anônimo disse...

Uma bosta esse cordel!!!!

Anônimo disse...

kkkkkkkkk

CAPITÃO CAVERNA disse...

QUEM NUM GOSTÓ
QUI FAÇA MIÓ
KKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

Ô BAIN DE DESOCUPADO!!!!!

Anônimo disse...

i os anônimo incomodado
que gosta do coroné marvado
pende pro mermo lado
pq tb gosta de dá o r...

Anônimo disse...

Acho que o primeiro comentário foi feito pelo personagem principal da obra. kkkkkkkk

Anônimo disse...

E quem lê a matéria que um 'desocupado' faz é o q????
Esses 'desocupados' incomodam pra caramba,não é????
kkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Irmão Sadan, vamos passar a sacolinha. disse...

Misericoooooordia! O povo de Deus fica expressamente horrizado com esse tipo de cordel do ANONIMO que nao une alhos com bugalhos (ou serão outros verbetes rimatórios de "alhos"?)
êta God! Derrama senhor!!!!!!

Anônimo disse...

e o corder incomodô
e parece que foi um coroner
qui leu e nada gostô

puto di raiva das marvadeza
vive as praça cum a "realeza"
butando lenha nas desgraça
de vê a tropa trabaiar "de graça"

i só resta rir das rima
pq aumento, mermão
ng dá a mínima

Uma Policial disse...

Achei interessante, acho que tem muito a ver com clima junino, e mais ainda com os dias atuais!

Assessoria BEF disse...

Não queremos tomar a decisão de fazer a moderação dos comentários, pois entendemos que dessa forma essa ação poderia soar como algo “tendencioso”, onde para muitos somente seria publicado as coisas que nos interessassem! Não é essa a nossa intenção. Contudo, se continuarem havendo comentários depreciativos em termos vulgares, conforme estão ocorrendo em muitas postagens, teremos de restringir a publicação à censura, ou excluir definitivamente a possibilidade de permitir comentários!

Atenciosamente, Assessoria da BEF.

St Frazão - 4º BPM Alagoas disse...

Parabéns, belíssima rima!

Jenésio, o Pecador disse...

Esse cordel, não pelo que está escrito, mas pelo que está revelando, é mais uma situação para deixar horrorizado o Povo de Deus! E pensar que Judas e Pilatos foram os piores canalhas...

Anônimo disse...

PARABÉNS PELO CORDEL, ACHO QUE DEVE TER INCOMODADO MUITA GENTE, AQUELES QUE NÃO LARGA O OVO DO SUPERIOR POR NADA.

Anônimo disse...

ESSE CORDEL CAIU BEM
AGRADOU FOI TODO MUNDO
DE SOLDADO LEAL
A OFICIAL VAGABUNDO.

VAI PRA EXPEDIÊNTE
DIZENDO EM CASA QUE
FOI TRABALHAR
MAIS NA VERDADE
FOI MESMO VAGABUNDAR.

CHEGA DE 07 SAI DE 13
NÃO LEU NEM ASSINOU
UM SÓ PAPEL,ESPERANDO
O PRAÇA DÁ UM VACILO
E ELE LEVAR PRO CEL.

E ASSIM CONTINUA A FARRA,
O CEL RECEBE A TROPA,
PASSA PRO SEU SUB CMT
QUE FAZ A DISTRIBUIÇÃO,
SAI DANDO MISSÃO PRA TODOS
DO SD. AO SUB. TEN,
DE TEN. A CEL. FICA DE FORA
DE TUDO, ATÉ PORQUE SERIA
UMA INJUSTIÇA VER ESSES
HOMENS TRABALHAR.

AQUI FICA MEU RECARDO,
AOS MEUS SUERIORES
HIERÁQUICOS,TRABALHEM
SÓ UM POUQUINHO,
E PARA DE SUGAR O SD.

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver