Retrospectiva Anual

Durante a última formatura matinal do ano, ocorrida terça-feira (27), o Comandante Luciano Silva "fez uma breve explanação sobre as atividades no âmbito da segurança pública no ano de 2011". A imprensa, e o "inimigos" de plantão, como tem acontecido nos últimos tempos, prestou atenção ao que o comandante tinha a dizer; e a razão é bem simples: a crise da PMAL. Se é verdade que há que se comemorar o alto índice de armas apreendidas, por outro é de ser reconhecer que se não fosse a opressão, as escalas apertadas e os altos índices de LTS que disso decorre, associados à greve branca (não admitida pelo comando), o resultado seria muito superior ao que foi apresentado.
"Apesar dos problemas na área de segurança, temos enfrentado todos os dias e de forma bastante esforçada a violência", disse o comandante. Que não assume os fiascos e as suas falhas, bem como a de pessoas proeminentes em cargos estratégicos. Este ano, definitivamente, não temos o que comemorar no âmbito da segurança pública. E nem ao menos podemos admitir que o comando tenha feito algo de significativo em prol da sociedade. Se estivéssemos diante de uma guerra, em meio a tantos assassinatos, poderíamos dizer que estas mortes foram desastres naturais, mas nós não estamos em uma guerra – embora o que vivenciamos tenha status de guerrilha.
Temos muitos problemas, em amplo sentido, os quais não são admitidos em sua plenitude pelos nossos gestores, que reportam-se aos mesmos como "desafios". Apesar disso, em plena falta de recursos, não esquecendo que em 2012 a atenção dos políticos estará voltada para as eleições municipais, nosso comandante alienadamente ainda soltou mais essa: "A expectativa para o próximo ano é a melhor possível. Nas reuniões acerca do PPA (Plano Plurianual), observei que a segurança pública é uma das áreas que mais receberá investimentos". Mal sabe o nosso comandante que todo ano é a mesma coisa: eles (os políticos) criam essa expectativa, tal qual aconteceu quando da divulgação do concurso público para a área da segurança pública cujas provas, conforme divulgado em meados do ano, eram para ter acontecido agora em dezembro. Reprise: foi assim com o Secretário Sá Rocha, com o Rubin, e agora com o Dário César.
Há pouco mais de cinco anos este mesmo governo disse em campanha eleitoral que "contrataria mil policiais a cada ano". O mais surpreendente nisso tudo é que em seus cinco anos de governo não houve concurso público para área da segurança pública, e até mesmo os policiais da reserva técnica são oriundos do concurso da gestão do Ronaldo Lessa. Disso, tem-se a seguinte conclusão: as situações mais gritantes geralmente ficam no topo da lista das pretensões, mas as que são menos importantes são as que tem a devida atenção; a exemplo da milionária verba anual de publicidade, que poderia salvar milhares de vidas se fosse revertida para a segurança pública.
E o ano está acabando... Se você fizesse uma retrospectiva deste ano que passou, a nível de segurança pública, claro, o que apareceria em sua lista? Pense! Será que alguma ação do comando o fez acreditar que nossos comandantes estão profundamente preocupados com a segurança pública ou com a tropa?
Depois da decretação da prisão do Coronel Luciano Silva as suas ações demonstraram o quanto ele está abatido, aflito com a futura condenação penal e alheio ao convívio com a tropa, bem dizer com a segurança pública em si; ao contrário de Dário César que para manter-se no cargo faz questão de se mostrar atuante e participativo. E essa constatação pode ser confirmada nas formaturas matinais em que o Coronel Luciano não comparece(u), na solenidade natalina e mais recentemente na solenidade de juramento ao primeiro posto, onde Dário César "exitosamente" foi o centro das atenções.
Por fim, ao relembrar este ano que passou, pensei em não escrever sobre os acontecimentos negativos em nossa área! Por isso fiz este texto em forma de reflexão. Quanto ao ano que vem, não tenho receio de revelar que embora proclamemos perspectivas de melhoras, não podemos ignorar que o mesmo será um ano de decepções e dificuldades, bem como de dezenas de centenas de vidas ceifadas sem que possamos ao menos dar a essa onda de criminalidade uma resposta à altura. A minha esperança é que não quebremos o recorde de homicídios desse ano, que já passa da casa dos 2.300 assassinatos.
Em tempo: se tudo continuar correndo dentro do previsto, e se o presídio militar for realmente construído (ano que vem), aposto que – dentro de uns três anos, no máximo – o Coronel Luciano vai passar uns tempos por lá, não na condição de diretor ou de intendente. Lembrem-se que o nosso comandante está sendo processado e que para as penas até quatro anos o regime é o aberto; para as penas superiores a 4 anos ano o regime é o semiaberto e para as penas superiores a 8 anos a regra é o regime fechado. Contudo, é de entendimento pacificado que ao reincidente condenado à pena de reclusão, independentemente do quantum da pena aplicada, deverá ser submetido ao regime inicial fechado. Logo, basta que seja reincidente para ter que transitar pelos três regimes prisionais pela via da progressão. OBS: existem, até a presente data, 7 processos contra o Coronel Luciano Silva, 4 deles pelo mesmo motivo: descumprimento de ordem judicial.

23 comentários :

Cel Luciano Silva disse...

Nossa, nossa, assim você me lasca...
Ai seu eu te pego...
Ai, ai, se eu te pego...

Anônimo disse...

Pense num bagaço que era brabo e ficou manso, ou seria Manso, kkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Eu desejo que em 2012 o Cel Dário César e o Cel Luciano tenham muita folga: NA RESERVA, é claro. Deixem o controle da Segurança Pública alagoana nas mãos de quem entende, realmente, do assunto.

Anônimo disse...

Acredito que novos tempos virão! E garanto que ele não terá 7 processos apenas...garantos mais alguns,que ele tenta driblar ou brincar com o Judiciário! Mas ordens judiciais foram feitas para que sejam cumpridas. Aprenda Cel Luciano você estará sozinho daqui alguns dias, e não terá amigos para protegê-lo, porque amigos se ganha não se compra, e você só ganhou inimigos e desafetos!
Acredito na lei do retorno, e não gostaria de estar na pele dele e de alguns que cometem os desmandos na segurança pública. A lei do retorno vem em dobro coronéis e TICK(esse ainda mais que é pau mandado, covarde e protetor de criminosos ambientais).
Não estamos sozinhos, somos muito agora...E acreditem somos cada vez mais, e trabalhamos pelo que é correto e justo, pelo que é decente e honesto...E a justiça tarda mais não falha(dito popular válido) e junto a justiça dos homens teremos a Justiça de Deus, que é implacável!
Que 2012 venha abençoado e que seja maravilhoso para os homens de bem e seus familiares, e os outros? Bem, esses vão arder, vão pagar todo mal que fizeram a tantos pais e mães de famílias.
E que Deus nos proteja e nos livres dessas pragas humanas.
Carla Gouveia

Anônimo disse...

CAPACIDADE & HUMILDADE - TEMOS MUITO O QUE COMEMORAR!!!

NÃO PEDI PARA ASSUMIR, DIZ CORONEL
Edição do dia 29 de maio de 2011 da Gazeta de Alagoas
Nomeado por indicação pessoal do secretário de Defesa Social, coronel PM Dário César, o novo perito oficial-geral, coronel PM Roberto Liberato, diz que não pediu para assumir o cargo.
“Não pedi para assumir. Foi-me formulado um convite pela Secretaria de Defesa Social por conta da situação vivenciada por mim na corporação [Polícia Militar]. Nos 8 anos em que atuamos como subdiretor e diretor de Finanças fizemos várias gestões que dinamizaram o custeio da corporação. Por conta dessa atuação, nas áreas administrativa e operacional, e por ser médico, foi-me feito o convite”.
Ele fez um apelo para que a situação seja contornada. “Eu vim para agregar. Não quero dividir. O que quero é dar condições para que os órgãos que compõem a Perícia Oficial possam trabalhar, funcionar bem e prestar um bom serviço”. Edição do dia 29 de maio de 2011 da Gazeta de Alagoas
http://gazetaweb.globo.com/gazetadealagoas/imprimir.php?c=183502

CADÊ O NOSSO PÃO?
As declarações do Cel. Liberato são claras ao afirmar: “Nos 8 anos em que atuamos como subdiretor e diretor de Finanças fizemos várias gestões que dinamizaram o custeio da corporação.”
Ele infelizmente não cita aqui quais foram estas gestões que tanto dinamizaram o custeio da corporação.
1. Será que foi com a diminuição da alimentação dos policiais que há tanto tempo só se reduz e da péssima qualidade desses alimentos.
2. Será que foi com a falta do fardamento dos policiais? Haja visto em muitos lugares o policial militar trabalhando desuniformizado, policiais de forças especiais como pelopes, bope, RP, tendo que comprar fardamento.
3. Será que foi com o corte do combustível das viaturas?
4. Será que foi com o corte das diárias das praças?
5. Será que foi com o recente corte do pão da corporação?
6. Será que foi com as terríveis escalas extras não remuneradas?
7. Agora qual será o próximo item que vai dinamizar os custos da nossa corporação?
Fica essa reflexão.
Os gestores da segurança pública alagoana deveriam fazer um curso de administração, pois não se reduz gastos com necessidades essenciais, como as aqui citadas, isto mostra o grau de capacidade e qualificação das pessoas indicadas para gerirem nossas instituições.
Aqui em Alagoas ainda prevalece à força do apadrinhamento e não a da capacidade técnica, o tão conhecido (QI).
Contudo encontrar felicidade na atividade profissional é fator cada vez mais desejado. O trabalho deixou de ser apenas uma obrigação e as instituições públicas e privadas devem dar totais condições para reter seus talentos e mantê-los satisfeitos.

"Não há caminho fácil para a Liberdade." Nelson Mandela

Anônimo disse...

O advogado da Associação dos Subtenentes e Sargentos Militares de Alagoas (Assmal), Anaxímenes Fernandes, disse que deverá ingressar nesta sexta-feira, dia 30, com um mandado de segurança pleiteando a transferência dos 19 militares que estavam recolhidos no Presídio Militar e foram transferidos para o Centro de Observações Criminológicas (COC) do Presídio Baldomero Cavalcanti.
Equipamentos proibidos entraram com aquiescência de superiores’, diz associação.

O advogado da Associação dos Subtenentes e Sargentos Militares de Alagoas (Assmal), Anaxímenes Fernandes, disse que deverá ingressar nesta sexta-feira, dia 30, com um mandado de segurança pleiteando a transferência dos 19 militares que estavam recolhidos no Presídio Militar e foram transferidos para o Centro de Observações Criminológicas (COC) do Presídio Baldomero Cavalcanti.

Segundo Fernandes, a expectativa é que o mandado seja analisado ainda nesta sexta. O representante jurídico da associação informou que o estatuto da Polícia Militar prevê que os militares aguardem pelo julgamento em qualquer unidade militar, seja grupamento ou batalhão.

Alagoanos isso é mais um escândalo no comando ditador do Lulu. Até quando esse cara vai comandar a tropa? Ele conseguiu ser o pior comandante até hoje. Ele manchou a tropa como nenhum outro comando. Ele não é lider, não é bem quisto, não é cumpridor de ordens judiciais.

Highlander disse...

Calma Cel Luciano kkkkkk

Anônimo disse...

esse lulu desmoralizado ate para foto ele faz cara feia

Anônimo disse...

QUE SIRVA DE EXEMPLO PARA OS ARROGANTE OFICIAS SUPERIOR DA PMAL,QUE ACHA ACIMA DA LEI,PARABEM DESEMBARGADOR MANSO.

ASCOM da PMAL disse...

MENSAGEM DE FIM DE ANO DO COMANDANTE GERAL

Nesta feliz oportunidade, nos dirigimos aos nobilíssimos milicianos e servidores civis, pessoas necessárias e fundamentais à sobrevivência de nossa Corporação para parabenizar e demonstrar a nossa fiel gratidão a cada um que na sua esfera de atribuição, cumpriu com dignidade, eficácia, sinergia e competência a missão de bem servir e proteger a sociedade alagoana.

Tenhamos a consciência de que a Polícia Militar, legado do povo alagoano, possui uma longa história em seus quase 180 anos, construída com muito sacrifício, mas acima de tudo com lisura, hombridade e coragem dos nossos antecessores, e que precisa ser perpetuada por cada integrante, para a glória das gerações futuras.

Que nesta profícua e valorizada caminhada, de mãos dadas, ombro a ombro e pensamentos silenciados alcemos os nossos corações para pedir ao Filho de Deus Pai que nos permita a continuar enfrentando os desafios correntes com fé, otimismo, responsabilidade, lealdade e bravura, desprezando a rotina e encarando o novo, com criatividade, simplicidade e audácia nesta desafiadora missão de fazer segurança pública.

Que os festejos de final de ano robusteçam nossa fé em Deus e fortaleçam nossa convicção de que estamos no caminho certo de proteger o nosso Estado e nossa Nação, seguindo as diretrizes do nosso lema: sua segurança nossa missão.

Muita paz, saúde, vitalidade, respeitabilidade, confiança e prosperidade são os nossos sinceros votos para os bravos militares e funcionários civis, sendo extensivos aos familiares e a todos que de uma ou outra forma têm contribuído para o enaltecimento da nossa briosa.

Feliz Ano Novo!

Luciano Antonio da Silva – Cel QOC
COMANDANTE-GERAL

Uma Policial disse...

As palavras do comandante parecem até piada!

Associação dos Advogados de São Paulo disse...

Reincidência motiva mudança de regime

A Terceira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) deu provimento a recurso impetrado pelo Ministério Público do Estado (MPE), reformando a sentença de um condenado pelo crime de furto qualificado em Campo Novo do Parecis (396km a noroeste a Cuiabá). Inicialmente, a pena foi fixada em três anos de reclusão e ao pagamento de 30 (trinta) dias-multa, a ser cumprida em regime inicialmente semiaberto. O MPE pleiteou o cumprimento em regime fechado, conforme prevê as circunstâncias judiciais do art. 59 do Código Penal .

Além de invadir um restaurante da cidade e furtar objetos, que no total foram avaliados em R$ 3.760,00, o réu é reincidente, sendo considerado um agravante. Para o órgão ministerial, a situação motivaria a alteração do regime de cumprimento do semiaberto para o fechado, mesmo sendo a pena inferior a quatro anos.

Consta dos autos que a legislação prevê que, para a imposição do regime inicial do cumprimento de pena, devem ser observados vários requisitos: primeiro, o montante da pena, isto é, quando a pena for inferior a quatro anos, o réu não for reincidente e as circunstâncias do art. 59 do CP forem favoráveis, o regime será o aberto; e quando o réu for condenado a pena inferior a quatro anos, sendo reincidente, pode iniciar o cumprimento da pena no regime semiaberto, desde que as circunstâncias do art. 59 lhe sejam favoráveis.

Conforme o revisor, desembargador Luiz Ferreira da Silva, pela edição da Súmula 269 do Superior Tribunal de Justiça, a imposição do regime inicial semiaberto aos condenados reincidentes passou a ser admitida nos casos em que a pena é igual ou inferior a quatro anos, se favoráveis as circunstâncias judiciais do art. 59 do Código Penal. Porém, os autos mostram que o acusado não se enquadra nessas condições, pois foram consideradas na sua maioria como desfavoráveis.

O magistrado entende que além da análise dos critérios legais, considerando como desfavoráveis a culpabilidade, os antecedentes, a conduta social, a personalidade, os motivos e as consequências do crime, feita pela Primeira Instância, deve-se, ainda, levar em consideração que o recorrido é reincidente específico, possuindo duas condenações transitadas em julgado (pelo delito de furto). "Situação, essa, que reforça a necessidade de imposição de regime mais gravoso, tal como pleiteia o órgão ministerial", pontuou o magistrado.

Assim, o desembargador acatou pedido do MPE, reformando a sentença e estabelecendo o regime inicialmente fechado para o cumprimento da sanção imposta. A decisão foi seguida pela vogal convocada, juíza substituta de Segundo Grau Graciema Ribeiro de Caravellas.

O relator do recurso, desembargador José Jurandir de Lima, teve o seu voto vencido por entender que o réu deveria ser contemplado com a benesse do regime semiaberto, uma vez que preencheria o requisito, qual seja: pena inferior a quatro anos, embora fosse reincidente.

Autor: Tribunal de Justiça do Mato Grosso
Fonte: http://aasp.jusbrasil.com.br/noticias/2979706/reincidencia-motiva-mudanca-de-regime

Jenésio, o Pecador disse...

O Povo de Deus tem orado muito pelo comandante Luciano Silva, para que ele seja penalizado por tudo que tem feito aos seus subalternos.

Anônimo disse...

DEUS É JUSTO, É AMOR, É IMPARCIAL, É MISERICORDIOSO,ENTRE TANTOS ATRIBUTOS. NA REALIDADE NÃO SEI DE QUE DEUS ELE ESTÁ FALANDO; SE CONVERTE LUCIANO.

Anônimo disse...

estão fazendo uma escala só pra quem é universitário em janeiro de 2012 12 x 36 só serviço da noite( 19h às 07h)ha uma perseguissão VELADA dos todos os praças que fazem faculdade...pelo amor de deus vcs que fazem o briosa em foco nos socorram ou se puderem façam uma matéria sobre isto...que deus proteja todos que façam parte deste blog...pois são a única voz ativa no momento pra nós brobres coitados praças desta PMAL...socorro!!!

Anônimo disse...

Militar que assumiu relação gay pede aposentadoria do Exército

Ele fez pedido com base em laudo que o julga 'incapaz' para serviço militar. Laci de Araújo vive há 13 anos com outro sargento do Exército

Pergunta: Quem na PMAL poderia fazer o mesmo?

josehilton andrade disse...

JOSEHILTON ANDRADE LEAL,

EU TÔ FELIZ DA VIDA GENTE,ESSE MÊS ASSINEI MINHA CARTA DE ALFORRIA(meu requerimento solicitando licenciamento a pedido),FUI NOMEADO PARA O CARGO DE AGENTE PENITENCIÁRIO DO ESTADO DE PERNAMBUCO,ONDE A ESCALA DE SERVIÇO É DE 24x96,ISSO MESMO,24x96! OU SEJA UM DIA DE SERVIÇO POR QUATRO DE FOLGA NÃO PODENDO ULTRAPASSAR 7 PLANTÕES DURANTE O MÊS E SALÁRIO INICIAL DE 2100,VALE ALIMENTAÇÃO 154,VALE TRASPORTE DE 100,GRATIFICAÇÃO MOTORISTA 120,GRATIFICAÇÃO DE SERVIÇO EXTRA DE 400 REAIS,GRAÇAS A DEUS NÃO VOU MAIS SER ESCALADO PARA TRABALHAR DE GRAÇA,NO FORROGAÇO,NO CARNAVAL DE PIRANHAS,NO FESTIVAL DE INVERNO DE ÁGUA BRANCA,NAS ELEIÇÕES ETC...
UM ÓTIMO PLANO DE CARGOS E SALÁRIOS,UM BOM PLANO DE SAÚDE,UM SINDICATO ATIVO,REAJUSTE SALARIAL JÁ DEFINIDO EM LEI ATÉ 2014,UFA!!!
UM COLETE E UMA PISTOLA .40 CAUTELADA EM MEU NOME,POSSO LEVAR PRA CASA!
NÃO VOU SENTIR SAUDADES DESSES 9 ANOS E 5 MESES QUE FUI ESCRAVO NA PM DE ALAGOAS.
UM ABRAÇO A TODOS DA TURMA DE 2002 E AOS AMIGOS QUE FIZ DURANTE ESSE TEMPO DE SERVIÇO!

UM FELIZ 2012!
JOSEHILTON ANDRADE LEAL 9-BPM

Anônimo disse...

COMO AS LIDERANÇAS MILITARES ESTÃO ENGANANDO TODOS OS ASSOCIADOS:

LÍDERES MILITARES QUE “SABEM” USAR SEUS CARGOS PARA BENEFÍCIOS PRÓPRIOS:

Os Coronéis Dario César – Secretário de Defesa Social – e coronel Luciano Silva – Comandante Geral da Polícia Militar de Alagoas – , conseguiram cargos comissionados no governo do Estado para parentes dos líderes das associações militares. Por este motivo que a PM não aquartelou, e dificilmente irá aquartelar em 2012.

Fazendo ainda parte do acordo entre os coronéis e as lideranças militares, está a realização semanal de assembléias para desestimular todos os Policiais Militares e Bombeiros Militares, os quais em contrapartida continuam recebendo valores diferenciados em espécie.

A associação dos subtenentes e sargentos tem no orçamento de 2011 recursos de R$ 100.000,00...

SE OS POLICIAIS MILITARES E BOMBEIROS MILITARES FIZEREM UMA RESTROSPECTIVA, NOTARÃO QUE NENHUM AVANÇO OCORREU NAS NEGOCIAÇÕES E EM TODAS AS ASSEMBLÉIAS OS LÍDERES MANIPULARAM A VOTAÇÃO.

Todas as manifestações que aconteceram e outras mais que possam acontecer foram e continuarão sendo mero jogo de cena.

Onde estão a ética e os valores morais das lideranças, assim como o brio dos associados que não reagem?

TODOS OS ASSOCIADOS SE FOREM INTELIGENTES DEVERÃO PEDIR DESLIGAMENTO DAS ASSOCIAÇÕES EM 2012.

Sargento Gilberto disse...

Fora a afirmação de que os parentes dos diretores das associações foram "agraciados" com cargo no governo (pois não tenho provas e nem sou testemunha), eu concordo com o depoimento acima.

Anônimo disse...

MAIS UM AVEZ PARABENS A TODO QUE FAZEM ESSE BLOG!!!!!E UM FELIZ ANO NOVO PARA VCS E TODOS OS MILITARES REVOLTADOS COM ESSA POLICIA!!!!!!! QUE EM 2012 SEJA MELHOR PRA TODOS NOIS!!!!!!! VAMOS LA PRAÇAS VAMOS NOS UNIR E VAMOS A LUTA!!!!!! DIVULGUEM ESSE BLOG PRA FAMILIARES E AMIGOS, PARA QUE ELES SAIBAM QUE SÃO ESSES COMANDANTES BAGAÇOS, PAU MANDADO DESSE CARA DE BURACO SAFADO!!!!!!!!E PARA OS PRAÇAS BABÃO DE OVO DE OFICIAIS E ENTREGÃO, QUE 2012 SEJA DE MUITA ESCALA EXTRA, MUITOS FIM DE SEMANAS DE TRABALHO, E MUITA GAIA NA CABEÇA, PQ DÃO SUAS MULHERES PRA OS OFICIAIS SE DIVERTIREM!!!!!!RAÇA MISERAVEL

Anônimo disse...

JOSEHILTON ANDRADE LEAL parabéns e que DEUS te abençôe nessa nova missão.

Anônimo disse...

POR NAO ACREDITAR NESSA ASSOCIAÇÃO QUE NADA FAZ, QUE DESDE QUE ME FORMEI,EM 2006, NUNCA FUI ASSOCIADA. NÃO VOU BANCAR UMA FACHADA, UMA FALTA DE RESPEITO E DESVIOS DE DINHEIRO

Anônimo disse...

só para lembrar aos desemformados,existe no mpe um nuléo especifico só para apurar os desmandos das policias, sela ela civil ou militar.tais como perseguições ordens absurdas e outros desmandos,voçes precisam ver quando alguns oficiais metidos a brabos ficam de frente com a promotora de justiça parecem umas moçinhas.

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver