Eles não cumprem as leis

Há anos os miliares estaduais vivem açoitados por um regulamento arcaico, ditatorial, que não lhes permite viver à luz da Carta Magna, a Constituição Federal de 1988, que elege no inciso III de seu artigo 1º, como fundamentos da República Federativa a DIGNIDADE! Ademais, é gritante a afronta que os militares vivem em relação aos seus direitos, ainda mais quando o inciso II do artigo 5º da mesma carta assegura:
ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei”.
Vejamos um vídeo:

Vejamos agora um texto do Advogado Welton Roberto:
Sobre a Prisão de Militares, Lei e Bom Senso
Neste final de semana, a “cantora” Rita Lee chamou os policiais militares de Sergipe de “cachorros”, “cavalos” e “filhos da puta” por, simplesmente, estarem cumprindo sua espinhosa – e honrosa – missão de garantirem a segurança do público presente ao show dela, assim como dela própria.
O governador Marcelo Déda, prontamente, defendeu seus praças e oficiais, condenou as agressões verbais de Rita Lee e parabenizou seus bravos militares.
Mas o assunto que quero abordar nada tem a ver com Rita Lee, ou com o governador sergipano.
Muito menos com o governador de Alagoas que, a priori, nada tem a ver com a ilegalidade, o descalabro, a vergonha, a insegurança e a falta de critério a qual o Conselho Estadual de Segurança Pública do Estado de Alagoas (Conseg) submeteu um grupo de militares acusados de crimes e delitos, no apagar das luzes de 2011.
Vamos lá!
Nosso Conseg, que é formado por gente de quilate, conhecimento, nobreza, honradez e sobriedade, determinou que os militares acusados de crimes e presos no Quartel deveriam ser transferidos para o presídio Baldomero Cavalcante.
E assim foi feito.
Repito: militares acusados. Não militares condenados!
Reforço que o Conseg é um organismo essencial no combate a este fantasma que aterroriza nossa sociedade. Destaco o papel aguerrido e grandioso deste Conselho, ressaltando minha confiança e a esperança do povo de Alagoas em suas sábias e consistentes decisões.
Mas, desta vez, o Conseg errou!
E errou feio!
Assim como errou a Vara de Execuções Criminais ao ratificar com a tutela do Judiciário este equívoco crasso, perigoso e temerário cometido pelo Conselho Estadual de Segurança Pública do Estado de Alagoas.
Enquanto em Sergipe o policial é respeitado, em Alagoas ele é vítima de flagrante falta de respeito. Já não bastassem os míseros salários que recebem e a falta de condições de trabalho a que são submetidos, ainda são subjugados a decisões em nada producentes, em muito falhas e desproporcionais.
É a Lei, é o Estatuto Militar, quem garante prisão especial em Quartel da corporação aos policiais militares ora transferidos para o Baldomero. Não se trata de um capricho, de uma mordomia, de uma benesse. Trata-se de uma prerrogativa.
E mais: os militares transferidos não foram ainda condenados. Ou seja, estão sob regime de custódia. E penitenciária é para réus condenados por seus crimes. O que não é o caso dos militares em questão.
Mas para além da grave afronta legal, há a questão da garantia de vida destes homens. Ora, se os presídios alagoanos não oferecem segurança para os presos civis, o que dirá da segurança a ofertar aos presos militares?
O militar é, nacionalmente, objeto de caça para parcela dos criminosos brasileiros. Sabemos que são os militares as primeiras vítimas, os primeiros a serem alvejados e assassinados em casos de assaltos e roubos, quando o bandido homicida descobre a profissão da vítima.
Também sabemos que muitos militares são obrigados a “esconderem” suas fardas e identidades de caserna quando não em serviço, sob risco de serem alvos de meliantes que não respeitam mais nem a Lei, nem o Estado, vendo no policial um inimigo a ser abatido impiedosamente.
Ora, em caso de uma rebelião, quem garantirá que os militares hoje “guardados” no Baldomero Cavalcante não serão os primeiros vitimados pela ira de reeducandos ensandecidos.
O militar, que realiza o policiamento ostensivo e é responsável por todo tipo e sorte de prisão, constrói involuntariamente uma série de “inimigos” em sua carreira. Inimigos que ele ou prendeu ou ajudou a prender em decorrência de sua missão policial.
Logo, colocar quem prende e quem é preso no mesmo ambiente não parece ser a medida mais cautelosa.
Muito pelo contrário, é apagar incêndio com álcool. É colocar galinha em meio à alcateia.
Ora, se os militares cometeram crimes, que sejam julgados e condenados, com direito a defesa. Se perderem a farda e condenados forem, que sejam privados da liberdade em penitenciárias comuns. Até porque se condenados forem e a farda não perderem, continuarão a ter direito à prisão especial em Quartel da corporação.
Se a Lei está falha aos olhos do Conseg, que se proponha uma alteração desta no parlamento. Mas que jamais se atropele a supremacia de nosso ordenamento jurídico e legal.
Se concordarmos com este arbítrio, abriremos um precedente nocivo.
Que o Conselho Estadual de Segurança Pública do Estado de Alagoas repense sua decisão que, por inócua, somente ameaça desestabilizar a já frágil harmonia de nosso sistema prisional.
Em tempo: comecei o texto citando o caso de Sergipe e a postura do chefe do Executivo sergipano no caso patético da cantora Rita Lee.
Claro que os casos são díspares, mas mesmo assim eles refletem o nível de deferência do Estado para com sua tropa.
Por isso, fica um apelo ao governador Teotônio Vilela Filho, que neste caso pouco pode fazer a não ser tentar sensibilizar nossos conselheiros estaduais de segurança para o fato de que a Lei e o bom senso precisam imperar em nosso estado.
Fonte: Blog do Welton Roberto
Para endossar as palavras do nobre companheiro causídico, bem como para corroborar com o que falamos no início do texto, apresentamos um ofício (logo a baixo) através do qual o Auditor Militar José Cavalcanti Manso Neto determinou – em 05 de janeiro – que o Comando da PMAL providenciasse a imediata transferência dos policiais militares presos no Baldomero Cavalcante para as suas respectivas unidades:
Passados quase 30 dias da ordem judicial, que foi recebida no dia seguinte à sua emissão, ou seja, em 06 de janeiro, vê-se claramente que nada foi feito, muito menos não houve qualquer mobilização das associações no sentido de fazer cumprir a determinação do outro Manso, a quem os amigos próximos carinhosamente chamam de “mansinho” – palavra esta que para os descumpridores da lei tem um sentido pejorativo. E assim, tal qual fez com o pai, o Coronel Luciano Silva vai fazendo também com o filho.

27 comentários :

BLOG DA SEGURANÇA DE PERNAMBUCO disse...

NO INICIO DO TEXTO VC DIZ:
"VEJAMOS O VÍDEO", MAS NÃO EXISTE VÍDEO.

Anônimo disse...

dr julho o senhor estar de parabens pela matéria.

Anônimo disse...

DESMORALIZOU PAI E FILHO KKKKKK

Anônimo disse...

BOPEANOS TOTALMENTE DESMOTIVADOS COM O COMANDO DO BOPE. O TC. THÚLIO VAI PRA FRENTE DA TROPA E PEDE PRA TROPA ``OLHAR PARA ELE COM ELE REALMENTE É!``; MAS A TROPA NÃO É MAIS BURRA COM ANTIGAMENTE. PARA DE ME ENGANAR eNTULIO E PEDE PRA SAIR QUE TEU FILME JA TA QUEIMADO, VC NADA MAIS É QUE UM POLÍTICO SEBOSO!!!!!!!!!!
cAVEIRA!!!!!!!!!!!

obs: A PROVA MAIOR DO DESCASO COM A TROPA, FOI NO ENTERRO DO SD. RODRIGUES , SE FOI UM OFICIAL AS COISA SERIAM DIFERENTE!!!

SAMURAI disse...

esse assunto deve tbm fazer parte da pauta da assebleia de amanhã!

sd.pmal. disse...

b.s.p,como assim não existe vídeo?o vídeo tá aí,você é que não sabe acessar filhinho.a policia de SE foi fraca,era pra ter entrado no palco e ter prendido a maloqueira,maconheira em flagrante(apologia ao uso de entorpecentes,injuria,calúnia, desobediência,é só escolher!),e no bando todo dela!se na terra dela o povo fuma maconha e dá o c... no meio da rua,aqui no nordeste é bem diferente,ainda tem pessoas de vergonha,sem essa desculpa de gente atrasada e careta usada para tentar minimizar a falta de vergonha,são maconheiros safados mesmo!que alimentam o tráfico e todo tipo de delitos!

Anônimo disse...

Depois das turmas de 2002, 2006 e 2010 a PMAL não é mais a mesma...2002 rasgaram o RDPMAL, os de 2006 queimaram e os de 2010 nem viram pois já era cinzas...Começamos uma revolução e não podemos mais voltar ao passado, portanto, vamos até o fim. Somos guerreiros, somos PMs de ALAGOAS.

Unknown disse...

o que fode os movimentos são as ASSOCIAÇÕES E os ANTIGÕES, raça peste de conformistas.

tava conversando com um cabo que já foi sargento e foi rebaixado a cabo de novo, ele reclamando que só tinha recebido merreca esse mês, eu disse vai ter assembleia amanhã, o sr vai lá pra engrossar o caldo da manifestação, ele disse vou nada, ele decidem lá sozinhos.

putz deu uma raiava e me calei, esses antigões ae se derem MERDA para eles no rancho eles comem e ainda mostram os dente.

PARALISAÇÃO JÁ!

Uma Policial disse...

Isso está muito "estranho":

i) O Dr Elton Roberto lança um texto...
ii) Vocês soltam as fotos do ofício determinando a transferência dos militares do presídio...
iii) O Dr Elton Roberto pega as fotos do ofício, que ele não teria acesso, as quais foram publicadas no portal onde ele tem um blog, e logo em seguida ele [o advogado] diz que vai apresentar este documento no CONSEG...

Em resumo: aí tem coisa, nada disso aconteceu isoladamente.
Será? Será? Será?

Anônimo disse...

vocês são da tropa de elite porra vocês não sentem dor,não são humildes,não têm coração,vocês e os canalhas pitbull´s se julgam mais policia do que os outros batalhões de aréa estão reclamando do que,vocês são tão ingênuos a ponto de pensar que algum oficial iria ao enterro de um praça.

Anônimo disse...

Guerreiro despeitado que chamou de canalhas pitbull's, só lamento por vc, somos doutrinaados a fazer abordagens padrão, seriedade na rua. não temos que ser simpáticos com ninguem e não nos achamos melhores que os outros, sofremos até mais que os batalhões de area, só fazemos o nosso trabalho assim como vc tem que fazer o seu!
Vai trabalhar gato de armazem!!!!!!!
" É FACIL FALAR DE NÓS, DIFICIL É SEREM NÓS OS PITBULL'S"

SAMURAI disse...

Unknown,se esse antigo depois lhe perguntar como foi a assembleia, mande ir pentear macacos,q se ele realmente tivesse algum interese compareceria, essas mazelas não merecem sequer nosso respeito é bem feito a despromoção de uma laseira desta, se ele não defende seu proprio direito por achar q não possui, como irá respeitar o direito do cidadão.
Ao companheiro q xingou BOPE e RP: Já passei pelas duas casas e digo, o mais macetoso destes guerreiros faz o dobro do que a maioria dos nossos companheiros, vamos parar de nos agredir e vamos comparecer em massa a assembleia. Eu já to me preparando pra ir.

Anônimo disse...

Soberano Deus e Eterno Pai!Entro em sua presença nesta
hora, para pedir que abençoe essa pessoa que está orando comigo, Nas áreas: Física, financeira, espiritual, conjugal, sentimental e familiar.

Pai! Se por algum motivo, o inimigo estiver tramando algo, para atrapalhar os planos e sonhos dessa pessoa que é tão importante pra ti e para mim! Nessa hora seja desfeito todo mal, em nome do Senhor Jesus, envia anjos ao redor da vida dela, e faz dela mais que vencedora...

Para que o nome do senhor seja glorificado através dessa oração. E se você crê! Estará concordando, enviando esta oração a todas as pessoas que você sentir a vontade em seu coração, inclusive para mim, e assim todos nós seremos abençoados, em nome do Senhor Jesus. Recebi essa mensagem e lembrei de vc! Deus te abençoe poderosamente em nome de Jesus, amém.

Você crê?! Quando Deus tira algo de seu alcance, Ele não está punindo-o, mas apenas abrindo suas mãos para receber algo melhor. Concentre-se nesta frase ...

"A vontade de Deus nunca irá levá-lo aonde a Graça de
Deus não irá protegê-lo." Alguma coisa boa vai acontecer com você hoje, algo que você tem esperado ouvir. Por favor, não quebre! Apenas 27 palavras. Deus, nosso Pai, CAMINHE pela minha casa e leve embora todas as minhas preocupações e doenças, e POR FAVOR, vigia e cura a minha
família em nome de Jesus

... AMEM Esta oração é muito poderosa.

Este é um teste. Será que Deus está em primeiro lugar na sua vida? Se assim for, pare o que estiver fazendo, e envie para todos os seus contatos. Observe o que ele faz!

Anônimo disse...

Polícia Civil ameaça parar a qualquer momento por melhores salários
14:33 - 01/02/2012


Os policiais civis de Alagoas podem paralisar suas atividades antes do carnaval. É isso que afirma o diretor do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol), Carlos Jorge. No lançamento do Fórum Permanente pela Vida e Contra a Violência, realizado na manhã desta quarta-feira (1º), lideranças da categoria anunciaram que os policiais podem entrar em greve a qualquer momento.

“Estamos em estado de greve. E a possibilidade de paralisação é concreta”, afirmou Carlos Jorge. O sindicato reivindica melhores condições de trabalho e estrutura das delegacias, além do Plano de Cargos, Carreira e Subsídios (PCCs). A categoria espera um posicionamento do Governo nos próximos dias.

O diretor do Sindpol criticou o governo e disse que Alagoas vive um clima de abandono na segurança pública. “O que acontece no Estado é uma carnificina. É necessário mais compromisso por parte do Governo”, disse.

http://tudonahora.uol.com.br/noticia/maceio/2012/02/01/172201/policia-civil-ameaca-parar-a-qualquer-momento-por-melhores-salarios

pitbull2002 c/10 anos de rp,só filhinho. disse...

canalha pitbull...é filhinho,é melhor do que se vender por dois reais,fazer vista grossa na boca de fumo a bem do bolso ou ser pego com viado,entre outros...procure o seu lugar,você nem conhece a gente!furão comedor de bola.vai arrumar um maloqueiro pra trocar tiro e deixa a gente em paz,rafamé.

Anônimo disse...

ô babaca pitbull realmente é dificil estourar bôca de fumo e levar os pertences dos coitados traficantes,é dificil tomar 80 reais de um pai de familia ao sair de um certo posto de gasolina,é dificil ser espancado e humilhado na periféria vai furar e bater na ponta verde,babaca você e alguns alibabas têm mais é que morrerem de trabalharem enquanto eu descanso otário.

Anônimo disse...

isso q faz o sistema fort, enquanto nós decidimos qm são os melhores, eles se engrandecem e nós perdemos tempo, sou d bpm d area mas trabalho serio a 5 anos 1/2, não me enntrego sem lutar e faço da minha profissão minha missão e minha vida!!!
vms nos unir e pensar em fazer o melhor, 5, 6, 7 horas para fazer um flagrant isso é vergonha!!!
BO on line cmt d guarnição preparado e salario d vergonh só isso falta p/ está realizado profissionalmeent.

VIVA CALABAR, VIVA CAP LAMARCA, VIVA ANTONIO CONSELHEIRO!!!

pmse 1998 disse...

pessoal vcs estao demorando os outros estados ja comecaram os movimentos essas trocas de farpas entre cias nao resolve nada o momento e de uniao valeu

Sócio da ASSOMAL disse...

Líderes militares realizam Assembleia Geral

A primeira assembleia do Movimento Unificado dos Policiais e Bombeiros Militares de Alagoas, realizada nesta quarta-feira (01) resultou em vários encaminhamentos e a aprovação de cinco itens expostos e debatidos. A categoria decidiu pelo movimento exclusivo dos militares, pelo pedido de exoneração do secretário da Defesa Social e do comandante-geral da PM e também aprovou a divulgação de uma nota oficial na imprensa em repúdio ao descaso com a segurança pública, visitas às Companhias, batalhões e bases da capital e interior para aumentar a mobilização, além de rejeitar a proposta do Governo que seria a de beneficiar os militares apenas com os 7% de resíduo (débito antigo), excluindo as seis datas-bases e o quinquênio. O Movimento deu um prazo de oito dias para que Teotônio Vilela, por meio da Secretaria de Gestão Pública, se posicione sobre as reivindicações.

Para maiores informações clique aqui.

Anônimo disse...

pitbull 2002 ta na hora de pagar o serviço para sair nas peçinhas de maceio va gastar o dinheiro que vôces tomam dos coitados da periféria,aproposito vão tomar dos filhinhos de papai na ponta verde ótarios.

Anônimo disse...

Se esse cara, o Luciano Silva, for preso, será que vai para o Baldomero?

Anônimo disse...

Engraçado como vemos os proprios PMs se agredindo nestes comentários. Pense num povinho mediocre e fraco! Que só sabe criticar e agredir uns aos outros. Agora diante dos comandantes e governador, cagam na cueca.

Anônimo disse...

Para o @Anônimo que falou sobre: "...VIVA CALABAR, VIVA CAP LAMARCA, VIVA ANTONIO CONSELHEIRO!

...Viva o anonimato, viva na moita, porque se der as caras, o sistema será implacável!

Ah, mais uma coisa: "viva, para poder voltar para casa e cuidar da sua família!".

Anônimo disse...

MP investiga se policiais militares dirigem sem treinamento e até CNH

A habilitação de policiais militares escalados para dirigir viaturas em Alagoas virou tema de investigação no Ministério Público Estadual (MPE). Nesta quinta-feira (02), a instituição envia ofício ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran) solicitando detalhes sobre as exigências legais para condução de veículos durante o trabalho policial.

O MPE quer entender o que determina o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) a respeito da condução das viaturas policiais e se a PM alagoana está cumprindo essas determinações.

A apuração do MPE começou no início do ano, quando o soldado Luiz Alberto Alves Teixeira, do 4º BPM, foi preso por desobediência, após se recusar a dirigir uma viatura sem possuir treinamento específico para o serviço. A prisão ocorreu no dia 04 de janeiro e chamou a atenção da Promotoria Coletiva de Controle Externo da Atividade Policial e Investigações Especiais do órgão, que solicitou esclarecimentos ao comando da PM.

O que diz o Código e o que diz a PM

Em ofício de resposta aos questionamentos do MPE, o comandante-geral da PM, coronel Luciano Silva, informou, entre outros itens, que para conduzir as viaturas são escalados “prioritariamente” os policiais que possuem Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e certificado do curso de treinamento de condutores de viaturas policiais. Além disso, ele afirmou que os cursos são oferecidos periodicamente pela PM, mas “não possuem caráter obrigatório”.

Entretanto, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a aprovação em “curso especializado e em curso de treinamento de prática veicular em situação de risco, nos termos da normatização do CONTRAN” é um dos requisitos para conduzir os chamados “veículos de emergência”, como as viaturas policiais.

Para a promotora Karla Padilha, a situação é “preocupante” e precisa ser mais bem explicada pelo comando da PM.

“Se estamos falando de uma seleção ‘prioritária’ e treinamentos ‘não obrigatórios’, então policiais sem capacitação adequada podem estar dirigindo viaturas e enfrentando situações perigosas pelas ruas, como perseguições em alta velocidade. Mas essa é uma análise preliminar e não podemos tirar conclusões precipitadas. Vamos consultar o Detran sobre o assunto e decidir que providências tomar”, explicou Padilha, coordenadora da Promotoria de Controle Externo, responsável pela apuração.

Em entrevista ao Tudo na Hora, o presidente da Associação dos Oficiais Militares de Alagoas, major Wellington Fragoso, também comentou o assunto. Ele afirmou que são frequentes as queixas de policiais alagoanos escalados para dirigir viaturas sem o curso de treinamento e, ainda mais grave, que há casos em que os motoristas não possuem sequer a carteira de habilitação.

“Esses casos eram mais frequentes anos atrás. Hoje em dia são raros, mas ainda existem. Numa situação de urgência, por exemplo, o policial até se predispõe a dirigir. Mas não basta a CNH, os policiais precisam passar pelo treinamento, afinal eles fizeram concurso público para policiais e não para motoristas”, defende o major Fragoso.

Viatura do BPTran atropelou trabalhador

No dia 24 de janeiro, uma viatura oficial do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) protagonizou um grave acidente em Marechal Deodoro. O veículo era dirigido por um policial militar e atropelou o trabalhador autônomo Joseph Lima, de 23 anos, que conduzia uma motocicleta.

Segundo os relatos do trabalhador, a viatura fez uma entrada brusca na alça viária do trevo do Polo, sem respeitar a sinalização do local, sem acionar setas indicando o movimento e sem absoluta atenção com o tráfego ao redor.

Resultado: Joseph foi arremessado da moto, quebrou uma perna em dois pontos diferentes e precisou fazer uma cirurgia para inserir uma placa de metal, procedimento que deve deixá-lo cerca de quatro meses imobilizado, de acordo com avaliações médicas.

Anônimo disse...

Se os "os cursos são oferecidos periodicamente pela PM, mas 'não possuem caráter obrigatório'". Logo, QUEM NÃO QUEIZER FAZER QUE NÃO FAÇA. Até mesmo porque, não se trata de interesse publico sobre o privado, pois a CF é bem clara: "ninguém é obrigado a fazer ou deixar de faze alguma coisa senão em virtude de lei".

Anônimo disse...

SE OS CURSOS NÃO OBRIGATÓRIOS, PORQUE É QUE EU FUI PUNIDO POR ME RECUSAR A FAZER O CURSO?

E PORQUE VOCÊ NÃO ACATOU AS MINHAS JUSTIFICATIVAS, BEM INDEFERIU O MEU RECURSO ADMINISTRATIVO?

RESPONDE ISSO, SEU PALHAÇO!


OBS: O PALHAÇO EM QUESTÃO É UM COMANDANTE DE UNIDADE QUE ME PUNIU, SOB DETERMINAÇÃO DO PALHAÇO GERAL.

Jenésio, o Pecador disse...

O Povo de Deus cumpre as normas, por isso tem como certeza a promessa da Salvação. Coronel Luciano, cumpra ao menos os mandamentos do Senhor antes que seja tarde.

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver