A Prisão Dourada

"Tenta fazer esta experiência, construindo um palácio. Equipa-o com mármore, quadros, ouro, pássaros do paraíso, jardins suspensos, todo o tipo de coisas... e entra lá para dentro. Bem, pode ser que nunca mais desejasses sair daí. [...]. Está lá tudo! 'Estou muito bem aqui sozinho!'. Mas, de repente [...]! O teu castelo é rodeado por muros, e é-te dito: 'Tudo isto é teu! Desfruta-o! Apenas não podes sair daqui!'. Então, acredita-me, nesse mesmo instante quererás deixar esse teu paraíso e pular por cima do muro. Mais! Todo esse luxo, toda essa plenitude, aumentará o teu sofrimento. Sentir-te-ás insultado como resultado de todo esse luxo... Sim, apenas uma coisa te falta... [...] liberdade."
Fiodor Dostoievski, in "O Movimento de Liberação".
O texto de Dostoievski transcrito acima é uma perfeição de exemplo sobre como é cara a nós, humanos, a liberdade. Tudo, então, pode se resumir numa indagação:
Existe sentido, prazer ou alegria para uma vida humana sem liberdade?
De outro modo não se demonstrando, tudo vem a indicar que o homem, uma vez privado do doce afago da liberdade, é um animal como outro qualquer. É isso, caros briosianos, a liberdade é a pitada de sal que dá sabor à vida. "E se o sal for insípido, com que então se há de salgar?"
Podemos dizer que atualmente o comando caolho da PM se esforça a transformar o nosso ambiente de trabalho na "prisão dourada" de Dostoievski. Se muito já se disse que o trabalho dignifica o homem, eu prefiro dizer que é o homem o dignificador do trabalho. Todo e qualquer tipo de trabalho digno não pode prejudicar ou mutilar a liberdade, porque sem esta a dignidade não passará de palavra vazia.
Liberdade, moradia, trabalho... Quase o lema da revolução francesa: Liberté, Égalité, Fraternité.

Nada é mais caro ao homem do que a "Lili". Porém, mesmo sendo assim, é próprio do homem, e isso parece circular na medula óssea do ser pensante, o maior obstáculo para o exercício da liberdade. Imagine só.
Miserável ironia: o homem, animal que mais reclama liberdade é, ele próprio, seu pior inimigo.
O imbecil que não aceita ou não respeita a liberdade do semelhante, principalmente, diga-se, a liberdade de expressão, é um selvagem, um rude, uma serpente venenosa a ser aniquilada com pauladas na cabeça.
O militarismo, quando comandado pelos despreparados da vida, sempre foi um obstáculo à liberdade. Em seu nome, fizeram guerra, na guerra, se inventou a deserção, o pelotão de fuzilamento, a prisão arbitrária, a ordem absurda, o abuso de poder, a imbecilidade fardada e a intolerância à liberdade da palavra e do pensamento.
O maior milagre da vida foi o pensamento. Parece-nos a nós, homens e mulheres de fé e de luta, que todos os esforços de Deus pelos caminhos da natureza buscam o alcance do pensamento e da expressão do homem, a torná-lo o ser superior à semelhança do Grande Criador.
Então vem um asno fardado, um ridículo, querendo represar as águas do pensamento e o fogo das ideias humanas, que não se controla. Esse insignificante milico de birô tenta imitar a Deus, e busca sem sucesso desfigurar a natureza do homem. Na verdade, ele é o capeta fardado tentando em vão desfazer o trabalho divino.
"Sim, senhor. Não, senhor". O militarismo é, em si mesmo, contrário à ideia de liberdade. Imagine o militarismo mal conduzido, ou conduzido para interesses mesquinhos e safados.
Quando o comandante é um patife, o militarismo é um ambiente ideal para um oficial menino-mimado começar a brincar com o sentimento, a honra e a liberdade das pessoas. Esses crimes contra o ser humano são cometidos desde o primeiro dia de comando do crápula Luciano Silva.
Esse comandante, que se excita como uma mula no cio quando veste sua farda suja de autoritarismo, alimenta a ideia esquizofrênica de fazer da Polícia Militar de Alagoas a sua grande "Prisão Dourada".
Esse comandante psicologicamente doente e desequilibrado acha que nós, servidores do quadro da segurança pública do século XXI, viveremos felizes para sempre entre os muros do castelo dourado do Comandante Geral, habitado, segundo sua doentia concepção, por seres fardados, "oficiais honrados", praças felizes e "motivados", hierarquia e disciplina a gosto do freguês, receita de RDPMAL para tudo e mais alguma coisa, e nenhuma liberdade de expressão.
Esse "comandante louco" chegou a dizer na Gazeta de Alagoas que a "motivação do policial militar é servir à sociedade".
Um senhor de engenho diria que a motivação dos seus escravos era ter o que comer e beber todos os dias...
"A gente não quer só comida,
A gente quer comida
Diversão e arte
A gente não quer só comida
A gente quer saída
Para qualquer parte..."
Tudo é prova de que o "fora-da-lei" que fede a 1964 surtou de vez. Ele se desligou da realidade da PM e montou um mundo de fantasia militarista que só ele vê.
O comandante geral é o nosso Dom Quixote, o cavaleiro ridículo com uma fantasia na cabeça que acredita que todos o levam a sério. Ele quer os militares como prisioneiros em seu castelo sem liberdade.
O Castelo dourado de Luciano não nos interessa. Quero trabalhar e servir à sociedade, é verdade. Só que aí, meu velho, tem a contrapartida. Motivação é uma via de mão dupla. O militar de Alagoas não é hermafrodita. Auto-estimulação e motivação autônoma, com o prazer que quer Luciano, só com masturbação. E, na verdade, o comando de Luciano é altamente brochante. Um harém sem tesão...
Vai aqui um aviso a Luciano e seus asseclas imbecis que sempre fugiram do compromisso e se esconderam por trás do poder em Alagoas: vocês não vão conseguir manter a gente na "prisão dourada" dessa filosofia militar imbecilista. Nós vamos pular os muros, não importa a altura, até porque a "engenharia" da PM só faz murinho mesmo.
Essa vergonhosa gestão da cretinice tem transformado vocês, aliados do Lulu, em ratos habitantes dos esgotos da democracia, moradores do apodrecido "castelo dourado" do QCG. Construa o seu castelo, Luciano, e se enfurne dentro dele, porque só um doido pode achar que meia dúzia de artigos de um regulamento decadente como você vão impedir que as pessoas se manifestem como bem entendam. Viva a liberdade de expressão tão cara às democracias – viva a internet.
Use o mesmo trator que você usou para derrubar o presídio militar e mande demolir o seu castelo de loucura, ou então ele vai desabar na sua cabeça medíocre.
Ou então, se meta no seu palácio-prisão, ignore a advertência de Dostoievski e viva sozinho com sua loucura. Morra entre as paredes sujas de sua masmorra, abandonado e esquecido, como um rei louco que perdeu o poder e o amor de seu povo, ou que nunca o teve.
Você não vai conseguir isolar a PM do mundo moderno. A sua ridícula ilha da fantasia não está aqui. Olhe para dentro de si. O seu oásis de opressão habita os limites de sua cabeça doentia.
Morte ao tirano, com ou sem um mártir. "A árvore da liberdade deve ser regada, de tempos em tempos, com o sangue dos patriotas e dos tiranos. É o seu adubo natural."
Como diria o Tiririca (sobre o seu comando): "RIDÍCULO, LULU"!

50 comentários :

Albino disse...

O comando estava fazendo reuniões onde o tema era "O Movimento da PMSE". "Eles" estavam traçando planos para caso isso venha a acontecer em aqui em Alagoas. A primeira coisa a ser feita, segundo ficou deliberado, é calar as possíveis vozes que se levantem (ameaçando, transferindo e prejudicando, assim como, se for o caso, prendendo por "insubordinação"), e pelo que já estou sabendo, de acordo com o que aconteceu no 10º BPM, onde um soldado – pautado na lei – se recusou a dirigir, já está sendo feito a pressão, ou seria melhor dizer: a opressão? Segundo o que fiquei sabendo, a estratégia do comando para os próximos dias é a seguinte: a depender do andamento das coisas, cito, a adesão da tropa ao "janeiro vermelho", o negócio vai ser emplacar todas as vtrs com urgência (as novas viaturas já estão sendo entregues com placas e lacradas) e a determinação é que a partir de agora TODAS as vtrs sejam entregues com placas e cópia do CRLV. Porém a cópia não é documento válido, segundo o que estabelece a legislação de trânsito.

Anônimo disse...

TEMOS DE FAZEER A NOSSA MOBILIZAÇÃO EM PARALELO À DE SERGIPE, PARA QUE O BRASIL VEJA A NOSSA INDIGNAÇÃO, NÃO COMO FATOS ISOLADOS, MAS COMO UM SENTIMENTO INERENTE A TODAS AS PPMM DOS ESTADOS !!

Sócio da ASSOMAL disse...

Em resumo, caro coronel, o que podemos dizer é que a cúpula está em polvorosa e a reunião aconteceu na segunda-feira e contou com a presença do alto escalão da PMAL (EMG e diretorias). Segundo o que fiquei sabendo por colegas, parece que a SEDS também fez uma...

CB desiludido disse...

O que é interessante é o silencio das associações de Alagoas sobre a reunião do dia 26 e sobre as manifestações da PMSE, nem sequer uma notinha nos sites da ACS, ASSMAL e ASSOMAL.

Rafaela de Almeida disse...

Dia 07 de fevereiro vai dar inicio ao "Fórum pela Vida e contra Violência discute segurança pública de Alagoas". Por lá vão se reunir todas as personalidades da segurança publica que nos representam, ou seja, os líderes da ASSMAL, ASSOMAL, ACS, ABMAL, ASPRA, SINDPOL, SINDAPEN E SINDGUARDA.

Gostaria de propor a todos que acessam este site e que fazem (a maioria das vezes) maravilhosas críticas, que compareçam nesse evento para criticar a fraca atuação dos nossos representantes. Essa pode ser a jogada de mestre para que possamos reverter o descaso com que é tratado os servidores públicos militares. Será um ponta pé inicial do que não vai ser o "janeiro vermelho", mas sim o "fevereiro vermelho", pois teremos um carnaval pela frente. Temos que cobrar das nossas associações e essa seria uma boa a hora... A mídia deve estar por lá também, e como eles gostam de algo para poder falar, eis aí uma boa hora da tropa por para fora tudo o que está sentindo!

Esta é apenas uma ideia, não sou mais sócia, mas sou PM e estou desanimada com tal situação que estamos vivendo.

Anônimo disse...

Cabo da PM e filho são mortos em emboscada em Rio Largo

Pai e filho foram vítimas de uma emboscada na manhã desta quarta-feira, dia 18, na cidade de Rio Largo. Eles foram executados quando trafegavam numa mesma motocicleta pela Vila Betel, no bairro Mata do Rolo.

As vítimas foram identificadas como Genival Brito da Silva e Genival Brito da Silva Júnior. O pai é cabo da Polícia Militar do estado de Pernambuco e pilotava a moto – de placa KLS-3621/PE - no momento do crime.

Os primeiros levantamentos policiais apontam que o primeiro alvo dos algozes foi o filho. Genival Júnior foi baleado e caiu da motocicleta em movimento. O militar ainda teria tentado fugir dos assassinos, mas foi atingido e morto a cerca de 50 metros do local onde o filho morreu.

Segundo informações da PM, familiares das vítimas informaram que Genival Júnior havia sofrido um atentado em Rio Largo há cinco meses. O jovem teria, depois do atentado, ido morar com o pai em Pernambuco e retornado para o município alagoano após conseguir um emprego como técnico em telefonia. “A família informou que ele vinha trabalhar em Rio Largo, mas voltava todos os dias para Pernambuco”, destacou o policial.

No atentado, ocorrido em agosto do ano passado, Genival Júnior foi atingido com dois tiros no braço. Ele trafegava de moto pela principal avenida da Mata do Rolo quando foi abordado por dois homens a pé. Na época ele chegou a apontar o enteado como responsável pela tentativa de homicídio.

Apesar da grande quantidade de pessoas na Travessa Santa'Ana, onde ocorreu o crime, a polícia tem dificuldade para identificar os responsáveis pelo duplo homicídio.

Equipes do Instituto de Criminalística e do Instituto Médico Legal Estácio de Lima já foram acionados para o duplo homicídio. O caso deverá ser investigado pela Delegacia de Rio Largo.
Fonte: Alagoa 24 horas
http://www.alagoas24horas.com.br/conteudo/?vCod=118165

Esse é o segundo cabo morto em menos de uma semana, e nada da ACS Alagoas emitir alguma nota a respeito.

Anônimo disse...

Cabo da PM e filho são mortos em emboscada em Rio Largo

Pai e filho foram vítimas de uma emboscada na manhã desta quarta-feira, dia 18, na cidade de Rio Largo. Eles foram executados quando trafegavam numa mesma motocicleta pela Vila Betel, no bairro Mata do Rolo.

As vítimas foram identificadas como Genival Brito da Silva e Genival Brito da Silva Júnior. O pai é cabo da Polícia Militar do estado de Pernambuco e pilotava a moto – de placa KLS-3621/PE - no momento do crime.

Os primeiros levantamentos policiais apontam que o primeiro alvo dos algozes foi o filho. Genival Júnior foi baleado e caiu da motocicleta em movimento. O militar ainda teria tentado fugir dos assassinos, mas foi atingido e morto a cerca de 50 metros do local onde o filho morreu.

Segundo informações da PM, familiares das vítimas informaram que Genival Júnior havia sofrido um atentado em Rio Largo há cinco meses. O jovem teria, depois do atentado, ido morar com o pai em Pernambuco e retornado para o município alagoano após conseguir um emprego como técnico em telefonia. “A família informou que ele vinha trabalhar em Rio Largo, mas voltava todos os dias para Pernambuco”, destacou o policial.

No atentado, ocorrido em agosto do ano passado, Genival Júnior foi atingido com dois tiros no braço. Ele trafegava de moto pela principal avenida da Mata do Rolo quando foi abordado por dois homens a pé. Na época ele chegou a apontar o enteado como responsável pela tentativa de homicídio.

Apesar da grande quantidade de pessoas na Travessa Santa'Ana, onde ocorreu o crime, a polícia tem dificuldade para identificar os responsáveis pelo duplo homicídio.

Equipes do Instituto de Criminalística e do Instituto Médico Legal Estácio de Lima já foram acionados para o duplo homicídio. O caso deverá ser investigado pela Delegacia de Rio Largo.

Fonte: Alagoa 24 horas
http://www.alagoas24horas.com.br/conteudo/?vCod=118165

Esse é o segundo cabo morto em menos de uma semana, e nada da ACS Alagoas emitir alguma nota a respeito.

Anônimo disse...

sou soldado/pm em sergipe, peço aos irmãos de alagoas que não se curvem,não temam nem mesmo a morte,como diz o texto o que é a vida sem a liberdade? não podemos deixar que esses tiranos que se escondem atrás de funções de cmt geral e gorvenador dobrem nossos joelhos, vamos a luta ou a guerra se preciso for.

EXTRA disse...

ESTIVE NO CULTO ECUMÊNICO DE TERÇA-FEIRA E VI A INSATISFAÇÃO DA TROPA , POR TRÊS VEZES OUVI O COMANDANTE (CHEFE) SAUDAR A TODOS COM UM "BOM DIA", PORÉM NÃO OUVIR RESPOSTA. OUTRA COISA, CULTO OU MISSA, A PRESENÇA DEVE SER VOLUNTÁRIA, DE CORAÇÃO, NÃO ATRAVÉS DE ESCALA, É SEMPRE BOM E AGRADÁVEL PARTICIPAR. CONTUDO A PALAVRA DE DEUS DIZ: NÃO POR FORÇA, NEM POR VIOLÊNCIA, MAS PELO ESPÍRITO DE DEUS. OUTRA SITUAÇÃO É O PROJETO "PM É SAÚDE", QUE SERIA VOLTADOS PARA OS PMS QUE PERDERAM O GOSTO PELA ATIVIDADE FÍSICA, OCORRE O CONTRÁRIO, OS ESCALADOS SÃO JUSTAMENTE AQUELES QUE PRATICAM ALGUMA ATIVIDADE.SOU ESCALADO, MARCO PRESENÇA, ENTRETANTO NÃO PRATICO AEROGAY, QUEREM DEIXAR OS PMS MASC. EFEMINADOS; EU VEJO A FISIONOMIA DELES QUANDO A PRATICAM, DE FORMA OBRIGATÓRIA DIGA-SE.NÃO SOU HOMOFÓBICO, CADA UM VIVA NA CONDIÇÃO QUE ACHAR MELHOR, ATÉ PORQUE A SALVAÇÃO É INDIVIDUAL, E CADA UM DARÁ CONTA PELO QUE FEZ POR MEIO DO SEU CORPO.

Anônimo disse...

Valeu Cel Albino queremos o senhor afrente do janeiro vermelho até agora dos oficiais q se sentem prejudicados com esse comando,o senhor foi o primeiro a da a cara a tapa. Coronel a tropa ta com o senhor força.

Cogumelo disse...

Texto maravilhoso! Cheguei agora da labuta cansado, preocupado e triste com os destinos de nossa PM, pois sou comandante há tempo; homem, realmente, de rua e percebo nos semblantes e no fundo da alma dos meus comandados a real situação que nos encontramos. Porém peço a Deus que me guie e me dê forças para, apesar de tudo, motivar-me e ser motivador de uma classe tão sofrida, que encontra-se esquecida e desmoralizada, cujo caos se refete em nós mesmos e na sociedade alagoana.

Jenésio, o Pecador disse...

O Povo de Deus, em relação às mobilizações aqui em Alagoas, está aguardando o(s) pastor(es) que irá(o) guiarnos para a vitória.

"liberdade, liberdade...
meu povo clama, clama: lili".

DisCRENTE disse...

PUTS GRILA! esse texto da 'Prisão Dourada' me fez atinar com uma coisa que eu não tinha parado pra pensar ainda: O CORONEL LUCIANO REALMENTE PODE TÁ SOFRENDO DE SÉRIOS PROBLEMAS MENTAIS. Só isso justifica as aitudes tresloucadas do homi. Pena que ele não quer ir se consultar com o DR Abel. Mas, ajuda aí o comandante gente. QUAL É MESMO O NOME DAQUELE REMÉDIO TARJA PRETA QUE O POVO CHAMA DE 'SOSSEGA LEÃO?'É...

Anônimo disse...

cel.Albino,não o conheço pessoalmente,mas aqui na rp o sr. já ganhou uma legião de seguidores.vá em frente meu peixe que a gente não vai lhe deixar só!

Cada Minuto disse...

Ofício enviado a Conseg solicita direito de voto a polícias

por Assessoria

Em ofício enviado ao Conselho Estadual de Segurança Pública (Conseg), nesta quarta-feira (18), o advogado Marcelo Brabo, representante da Ordem dos Advogados do Brasil em Alagoas (OAB/AL) no órgão, propôs a adoção de medidas que garantam a policiais civis, militares e bombeiros em serviço, o direito ao voto durante as eleições.

De acordo com Brabo, é comum que policiais sejam obrigados a fazer uso da justificativa eleitoral por estarem trabalhando longe do local de votação. Ele lembra que o artigo 14 da Constituição Federal assegura a todos o sufrágio universal, que, além de secreto, tem valor igual entre todos os eleitores. “Este direito também é garantido ao militar, ao bombeiro e ao policial civil. A única exceção à regra legal e geral é relativa aos militares conscritos”, complementou, referindo-se aqueles que estiverem efetivamente prestando o Serviço Militar obrigatório.

“O secretário de Defesa Social, o delegado Geral de Polícia, o comandante do Corpo de Bombeiros e o comandante Geral da Polícia Militar do Estado de Alagoas devem organizar o trabalho de suas instituições, permitindo que os policiais trabalhem, preferencialmente, nas localidades onde votam. Assim, poderão exercitar o direito constitucional, se desejarem”, afirma.

No documento encaminhado ao presidente do Conseg, Paulo Breda, Brabo solicita que, em caso de aprovação, o Conseg determine os procedimentos adequados para regulamentar a iniciativa, por meio de resolução. Ele ainda lembrou os avanços do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que, em 2010, permitiu aos presos provisórios o exercício legítimo do voto. “Não seria justo, muito menos aceitável, que os presos provisórios possam exercer o direito de sufrágio, enquanto que os policiais (civis e militares) e os bombeiros, que defendem a vida e a segurança não tenham assegurado idêntico direito” conclui.

Anônimo disse...

O espetáculo

A arte do circo já chegou a Alagoas e, aos poucos, contagia instituições das quais a população espera mais de seriedade. Não se trata, necessariamente, de se descartar a arte circense, mas de colocar as coisas no seu devido lugar e diferenciar espetáculo de uma ação séria.
O que aconteceu ontem com a “demolição” do Presídio Militar pode ser comparado a uma encenação. Certamente, o pessoal do Setor de Engenharia da PM não sabia de nada, mas a ordem do Comando-Geral foi muito mais para chamar a atenção da imprensa do que para resolver um problema. Até porque todo o presídio tem 25 celas e apenas três foram demolidas.
Não há nenhum projeto para que o Centro de Música funcione naquele lugar. Na DAL [Diretoria de Apoio Logístico] não há nenhuma Comissão de Projetos. Conforme versão do Comando-Geral – esta tal comissão que O Jornal apurou não existir na corporação – é que vai tratar dessas ações para transformar o local no Centro de Música.
Reivindicou-se o espaço físico para uma adaptação na estrutura e a instalação de outra unidade da PM. A ideia poderia até ser interessante, mas esbarrou numa resposta negativa de quem tinha autoridade para isso.
Outra questão que envolve a encenação se refere ao desperdício e isso deixou muitos oficiais revoltados. Muito material novo - como portas de alumínio, fiação elétrica e estantes de granito - poderia ser aproveitado para outra obra. Poderia, mas não foi. Foi tudo destruído, conforme ordem expressa do comandante-geral.
A ordem de cima foi questionada pelos oficiais subalternos, cujas vozes não fizeram eco nos corredores do Quartel-Geral, nem no gabinete do Comando-Geral. “É para derrubar tudo. O impacto precisa ser grande”. Teria sido esta a ordem superior. A imprensa deveria registrar tudo e foi convocada exatamente para isso.
Dentro da corporação, houve o entendimento de que a ação foi uma forma de mostrar às esposas dos policiais militares que estão no Baldomero Cavalcanti de que eles podem até sair do presídio civil, mas não voltam para a “área”, como é chamado todo aquele espaço da unidade militar.
Em resumo, O Jornal desconfiou da pressa para demolir o Presídio Militar até porque a ideia não fazia o menor sentido possível e acabou descobrindo essa história. A demolição foi um espetáculo, num espaço sem lona.

Anônimo disse...

BRILHANTE TEXTO. Parabéns a quem o redigiu.
Caríssimos, vamos fazer o que recomenda a RAFAELA ALMEIDA. Temos que participar de tudo o que diga respeito à nossa profissão, para entendermos melhor essa dinâmica e termos subsídios para resolvermos nossos problemas.

Anônimo disse...

O comedor de quentinha (peixe forte do Cel Luciano) saiu do Comando do 2º BPM. Para substitui-lo veio um que nunca o vimos à frente de uma unidade operacional. Será que tudo irá continuar do jeito que está? O Comandante ficar sentado "No trono de um apartamento (do gabinete do batalhão)com a boca escancarda cheia de dentes esperando a morte (dos cidadãos palmarinos) chegar?".
E para nosso desespero, Tiririca, o construtor de banheiros, ainda permanece como Subcomandante. É MOLE OU QUEREM MAIS?

Anônimo disse...

Um dos melhores textos que já lí até hoje no BEF... Esse é o sentimento: patriotismo só deve ter em uma nação quando se erradicar a miséria, pobreza, desigualdades, tirania, fome, corrupção, etc... Do contrário, temos sempre que nos revoltar e nos indignar com todo e qualquer tipo de tirania como o que existe e perdura nesse militarismo seboso onde já devíamos ter-nos unidos para por fim a essa nojeira que assombra por muitos anos... Parabéns a quem fez esse texto, pois esse é o sentimento de cada PM de alagoas.

Anônimo disse...

RAFAELA ALMEIDA, por favor, onde irá acontecer o Fórum pela Vida e contra Violência discute segurança pública de Alagoas?

Anônimo disse...

Fico aqui a mim perguntar com meus botões, o Cmt Geral pode demolir um predio público a seu bel prazer, onde está o parecer técnico, a finalidade e a necessidade para justificar o que ocorreu na demolição do presidio, entendo que todos os envolvidos nas demolições devem ser indiciados pelo crime que cometeram do Sd ao coroné, pois só assim evitaremos absurdos futuros, o que vejo é que esse povo ou é muito burro ou se acham poderosos, no fianl quem se lascou foram os pracinhas, mais que houve crime na demolição isso houve sim

Uma Policial disse...

"Vós sois o sal da terra; e, se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta, senão para se lançar fora e ser pisado pelos homens". (Mateus 5.13)

Parabéns pelo texto, amiga.

Radio Patrulha disse...

Coronel Albino, a Casa do Bitbull está com o senhor.
Guie-nos rumo às nossas conquistas, seja o representante dos nossos anseios, JUNTOS SOMOS FORTES!!

Anônimo disse...

Vós sois o sal da terra

O sal é o meio mais importante para temperar e conservar os alimentos. É picante, áspero e impede a corrupção e a putrefação. Por isso, o sal é uma ilustração adequada do poder santificador de Deus, que deve se manifestar nos filhos de Deus.

Quando ele se torna insípido e perde suas propriedades? O sal que se conhecia na antiguidade não tinha a pureza do sal de hoje, pois continha uma considerável quantidade de outros minerais. Se a armazenagem não era feita corretamente, o sal ficava úmido, derretia, tornando-se imprestável.

O sal, pois, é uma imagem do que as pessoas têm de ver no modo de vida, nas atitudes e comportamento dos filhos de Deus. A maior causa da fragilidade desse testemunho é a conformidade com o mundo dos cristãos de hoje. O sal perdeu seu sabor!

Ló, sobrinho de Abraão, era um justo que se estabeleceu na ímpia cidade de Sodoma e até formava parte do governo dela. Quando quis advertir seus genros do juízo divino iminente, estes pensaram que Ló estava brincando (Gênesis 19:14). Suas palavras careciam de autoridade. Somente quando rompemos com toda espécie de mal é que podemos ser um testemunho efetivo da santidade de Deus e cumprir nosso chamado para sermos o “sal da terra”.

Alguém que sente saudades da Luíza disse...

Todos nós sofremos com a violência em Alagoas, "menos Luíza, que está no Canadá".

Anônimo disse...

Lulu e Dadá, por que vocês não vão para o ca-na-dá?

Anônimo disse...

Cuidado com os invasores do seu corpo... eles não costumam voltar para ajudar a consertar a desordem...

Cuidado com os olhares de quem não sabe lhe amar... eles costumam lhe fazer esquecer que você vale à pena...

Cuidado com as palavras mentirosas que esparramam por aí... elas costumam estragar o nosso referencial da verdade...

Cuidado com as vozes que insistem em lhe recordar os seus defeitos... elas costumam prejudicar a sua visão sobre si mesmo. ( Padre Fábio de
Melo)

Cuidado com Dário, o César, e Luciano, o Mavadeza... os motivos todos já sabem!

Anônimo disse...

Festa do povo?
Sim, porque as ditas elites se separam do "povão" através das famosas cordas. Se isolam do povão para ingerir drogas ilícitas e não serem flagradas nos famosos camarotes. Isso para não falar que esse mesmo povão é obrigado a consumir uma só marca de cerveja e refrigerantes.

O bom é que a população de Sergipe está despertando para esta situação e o Precaju ou vira uma festa pública de verdade ou se extinguirá (é o mais provável) nos próximos anos.

Na manhã de hoje dezenas de bombeiros e policiais militares se deslocaram para o HEMOSE e para o centro hemoterápico do hospital São Lucas para a realização de uma ato de humanidade e preocupação com o próximo: foram doar sangue.

Para suas surpresas, na porta destes estabelecimentos, encontraram em um dia em que não se realizam expediente administrativos tanto na PM como no CBM coroneis que tentavam impedir a doação de sangue.

Um coronel, do alto de todo o seu MERECIMENTO, saíu de sua casa para impedir os BARNABÉS militares de doarem sangue. QUE CENA LASTIMÁVEL!

Nestes locais, na presença de civis, foram travadas discussões sobre a legalidade ou não destas doações. O presidente do HEMOSE foi categórico e confirmou na presença de todos e da imprensa que NENHUM militar seria impedido de doar sangue.

Estavam presentes no Hemose, nesta exata hora, os sargentos Edgard e Vieira. Após a discussão, onde estes verdadeiros representantes da categoria, com farta argumentação, conseguiram convencer o diretor do Hemose, os referidos diretores da AMESE foram "convidados" a comparecerem ao QCG sob a ameaça de expulsão dos quadros da Polícia Militar firmada pelo senhor coronel galinha Resende.

Neste momento, 12:00h, os sargentos se encontram no QCG aguardando o comando.

NOVIDADES A QUALQUER MOMENTO.

NÃO RECUEMOS UM MILÍMETRO. QUEM PUDER SE DESLOCAR AO QCG NESTE MOMENTO QUE O FAÇA. AGUARDEM UMA REVOLUÇÃO NA PM SE EDGARD E VIEIRA FOREM PRESOS!

NÃO VAMOS ABANDONAR NOSSAS LIDERANÇAS AOS LEÕES DO AUTORITARISMO:

Anônimo disse...

A que ponto chegam alguns oficiais da PMSE!
Hoje começa o Precaju, maior evento "cultural" do estado e que recebe todo o suporte do poder público para sua realização.

Já foi divulgado aqui no blog o esquema de realização desta festa, no qual o Ministério do Turismo paga as bandas através de convênios e o empresariado fatura alto com a venda de abadás e camarotes.

Há elementos da imprensa defendendo con unhas e dentes seus patrões a realização desta festa, alegando em meios de comunicação que a mesma é uma festa pública. Mas como considerar pública uma festa onde há apartheid social?

Anônimo disse...

sou sargento da RP e conheço de perto esse mala do albino. Esse cara fez falcatruas com diárias no detran, responde a uma sindicancia por ter superfaturado no presidio e tripudia de quem estiver abaixo dele. Trabalhei com ele no detran e via ele e o Osman fazer dos funcionários cachorros e davam risadas.

Gazetaweb disse...

Governador garante priorizar investimentos em segurança em 2012

Teotonio reúne imprensa em café da manhã no Palácio dos Martírios e comenta julgamento do caso Ceci Cunha

O governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) reuniu a imprensa, no início da manhã desta quinta-feira (19), em café da manhã no Palácio dos Martírios, no centro de Maceió, onde falou aos jornalistas sobre os projetos do Governo do Estado para 2012, garantindo que o Executivo 'continuará a concentrar os investimentos na área de Segurabça Pública'.

Entre outros assuntos, o governador comentou que a maioria das ações previstas para este ano deve contar com o apoio do governo federal, que, como reforçou Teotonio, 'tem sido um grande parceiro no trabalho pelo desenvolvimento de Alagoas'.

"Mas governo estadual já dispõe de recursos alocados para investir, por exemplo, em equipamentos e melhoria dos órgãos de segurança", assegurou Teotonio Vilela, que também comentou o julgamento do caso Ceci Cunha, que, depois de três dias, fora encerrado na manhã desta quinta-feira, com a condenação dos acusados, entre eles, o médico e ex-deputado federal Ceci Cunha.

"Como cidadão, senti-me satisfeito em saber que Justiça foi feita por meio de quem deveria fazê-la. Só achei que o processo demorou demais para tramitar e ser levado efetivamente a julgamento, porque a família, durante todo este tempo, esteve ferida, devido à tamanha crueldade", avaliou o governador, reportando-se à trágica morte da ex-deputada federal, que, à época da Chacina da Gruta (como o episódio ficou conhecido) era sua correligionária.

"Espero que, com essa resposta, desde que seja mais célere, consigamos diminuir esse sentimento de impunidade, pelo fato de os bandidos acharem que jamais serão julgados. A impunidade também é resultado desta demora", reforçou o governador.

Ainda à imprensa, o governador falou sobre a expectativa sobre as eleições municipais. Perguntado sobre se já haveria um consenso no tocante à escolha do candidato pelo seu grupo de sustentação, ele respondeu preferir esperar as definições, que devem sair até meados de abril. Por enquanto, o citado grupo teria como pré-candidatos os deputados federais Rui Palmeira (PSDB) e Givaldo Carimbão (PSB), além do deputado estadual Jeferson Moraes (DEM), que também deve disputar a Prefeitura de Maceió.

"Acho positivo que hoje já existam três nomes. Pior seria se não tivéssemos nenhum, já que isso estimula a convergência para que cheguemos a um nome. Vou deixar que se decida, mas espero que se chegue a um consenso quando a campanha começa a se definir", comentou o governador.

Gazetaweb, com assessoria disse...

Secretaria nega que Cavalcante será 'Agente Formador da Paz'

Além do ex-militar, mais 26 reeducandos fazem o curso promovido pela Sepaz

A Secretaria de Estado da Promoção da Paz emitiu uma nota, no início da tarde desta quinta-feira (19), esclarecendo que o ex-tenente coronel Manoel Francisco Cavalcante, preso acusado de liderar a extinta 'Gangue Fardada', não irá ser diplomado como 'Agente Formador da Paz', como divulgado anteriormente pela própria Secretaria. Segundo o órgão, o ex-militar, que continua preso, na verdade participou do programa apenas como ouvinte, atribuindo a informação a um equívoco da assessoria de comunicação da Sepaz.

Confira, abaixo, a nota na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Assessoria de Comunicação da Secretaria Especial de Promoção da Paz esclarece que se eqivocou ao divulgar aos órgãos de imprensa que o ex-coronel Manoel Cavalcante, juntamente com outros reeducandos, seriam diplomado como Agente Formador da Paz, principal programa de promoção da cultura da paz por agentes multiplicadores, formados pela Sepaz, em cursos e palestras de sensibilização ao tema.

Na verdade, Cavalcante, e alguns reeducandos, participaram, como ouvintes, destas atividades de sensibilização. As palestras são abertas à participação de toda a comunidade, entre elas a dos reeducandos do sistema prisional. Portanto a Ascom esclarece que eles não serão diplomados como “formadores da paz”. A Sepaz pede desculpas por induzir a imprensa ao erro, ao divulgar uma informação que não corresponde aos fatos.

Anônimo disse...

Meu jovem, falo com propriedade, não houve nenhuma reunião segunda feira tratando de qualquer assunto, conforme falado bem acima. É uma inverdade, alguém tá querendo insuflar uma situação, criando uma polêmica. Vamos falar somente a verdade, porque nâo existiu reunião.

ASCOM da PMAL disse...

Decreto regulamenta pagamento de bônus por apreensão de armas e drogas

O governador Teotonio Vilela Filho regulamentou, nesta terça-feira (17), as regras de pagamento de uma gratificação para os policiais civis e militares que apreenderem armas e drogas em Alagoas. O decreto regulamentar foi publicado no Diário Oficial.

Segundo o decreto, os policiais civis e militares que em razão do serviço apreenderem armas de fogo e drogas ilícitas terão direito a receber o pagamento de um bônus. “Na hipótese da apreensão ter sido feita por mais de um policial, o valor correspondente a cada arma de fogo e à droga ilícita será rateado entre os responsáveis pela apreensão”, detalha o regulamento.

Para receber a indenização, o policial terá que apresentar ao chefe ou comandante imediato uma cópia do auto de apresentação ou apreensão assinado pelo delegado e uma cópia autenticada da carteira funcional de policial.

Outro detalhe importante, no que diz respeito à apreensão de arma de fogo, é que o pagamento somente será feito depois que houver um laudo pericial do Instituto de Criminalística constatando a eficiência da arma.

Se toda documentação estiver em ordem, caberá ao secretário de Defesa Social publicar no Diário Oficial uma portaria com o nome do policial, reconhecendo o direito à indenização. “O pagamento ocorrerá em até 45 dias a contar da data de protocolo de requerimento”, explica o decreto do governador.

Para o secretário de Defesa Social, Dário Cesar, a implantação da lei é importante em Alagoas como forma de incentivar ainda mais os policiais civis e miliares a trabalhar para a apreensão de armas e drogas. “A bonificação é uma medida já adotada em outros estados. Qualquer servidor que recebe bônus tem uma maior dedicação ao serviço”, frisou o secretário.

Dário Cesar lembrou ainda que é fundamental retirar cada vez mais armas e drogas de circulação, já que mais de 80% dos homicídios ocorridos no País são praticados com arma de fogo e grande parte dos assassinatos estão relacionados ao consumo ou tráfico de drogas.

[Fonte: Seds]

Anônimo disse...

VCS SABEM PQ O ELEFANTE NÃO QUEBRA AS CORRENTES QUE PRENDEM SEU PÉ? PQ NÃO SABEM A FORÇA QUE TÊM. MAS OS MILITARES NÃO SÃO ELEFANTES. SÃO ZEBRASOU GNUS. EXPLICO: DURANTE AS MIGRAÇÕES, TODA MANADA SABE QUE PRECISA ATRAVESSAR O RIO INFESTADO DE CROCODILOS PARA CHEGAR AOS PASTOS ONDE A RELVA É ABUNDANTE E VERDE, DEIXANDO P TRÁS A SECA E A DESOLAÇÃO. PORÉM ALGUNS ANIMAIS SÃO DEVORADOS ENQUANTO A MAIORIA CONSEGUE ATRAVESSAR O RIO. A TROPA DA PMAL ESTÁ ESPERANDO ALGUÉM SE ATREVER A ENFRENTAR OS CROCODILOS. EU NÃO ACREDITO QUE ISSO VÁ ACONTECER PQ NÃO TEMOS UMA MOBILIZAÇÃO. COMO SEMPRE, A MAIORIA ESTÁ ESPERANDO UMA MINORIA SE ARRISCAR: SE DER CERTO ELES ACOMPANHAM (PEGAM CARONA), SE DER ERRADO ELES PENSAM "AINDA BEM QUE EU NÃO FUI." A PMAL É UM BALAIO DE CARANGUEIJOS!

Anônimo disse...

EU VEJO A ADMINISTRAÇÃO DA PM SOBRECARREGADA, O 1ºBPM SE LASCANDO, O 4ºBPM SE LASCANDO, O 5ºBPM SE LASCANDO, A RP NEM SE FALA (SE LASCA COM FORÇA), O BPGD E O BPTRAN TB SE LASCAM. TODOS EXIGEM MELHORES CONDIÇÕES E SALÁRIOS. MAS O QUE FAZEM P MERECER ESSAS EXIGÊNCIAS? EU SEI QUE UMA MINORIA SE OMITE NO SERVIÇO, COMETE CRIMES COMO TRÁFICO E ASSOCIAÇÃO AO TRÁFICO, ROUBAM, "FURAM" AS PESSOAS NAS RUAS...COMO TEREMOS ACESSO A MELHORIAS SE NÃO CONTAMOS COM O APOIO DE UEM MAIS PRECISAMOS: A POPULAÇÃO. QNTAS PESSOAS ODEIAM A PM PQ UM OU DOIS PM's FIZERAM BESTEIRA? ENTÃO FAÇAMOS POR MERECER ESSAS MELHORIAS QUE ALMEJAMOS.

Anderson Cazaes Abreu disse...

Companheiros, proponho aqui a criação de uma frente de batalha, pois a guerra já eclodiu. Preparemo-nos para o que vem pela frente e cada um de per si faça sua parte, faça o que nunca teve coragem de fazer, como aquele soluço preso na garganta, quando foi oprimida por um ser que se acha superior, vamos quebrar a barreira do som, vamos soltar o verbo, digo isso com respeito, não podemos cair na armadilha deles, tudo que querem é ver-nos perder o limite da legalidade. Nós somos a PM, esses comandanes vem e passam, nós ficamos e brigamos enfrentemo-los de frente e de cabeça erguida. Nós temos uma aliada que nos protegerá de qualquer abuso, a lei. Mesmo que alguns sangrem, o bem maior, a PM, será exaltada. Eu estou disposto a sangrar, não como um cordeirinho, podem vir açoitar-me mas com certeza encontrarão um Leão que está comigo, o Leão da Tribo de Judá, ele está voltando e está à porta, vamos abrir as portas e deixá-lo entrar e toda essa sujeira sairá. Sou voluntário a participar de todo manifesto, desde que seu principio norteador seja a LEGALIDADE, coisa que muitos de nossos comandantes não conhecem. Desejo aos companheiros sorte, e às nossas lideranças que não se vendam ou se deixem intimidar, pois mesmo que a cabeça mande no corpo todo, ela só vai a algum lugar se as pernas assim desejarem, nós somos os membros da corporação. Cuidemos desse momento com muita calma e sem pretensões politicas e que Deus nos abençoe.

Agenário Velames disse...

Policial do Bope absolvido do crime causado por erro de tipo inevitável

Com a sentença publicada na última quarta-feira (11), o Policial do Bope L.A., foi inocentado do crime ocorrido em maio de 2010 durante uma operação do batalhão no Morro do Andaraí, quando cometido um disparo à a um inocente que segurava uma furadeira, confundida pelo policial por uma submetralhadora.

O Réu respondia o processo por homicídio simples até o momento em que o Ministério Público requereu a absolvição do Réu, que foi concedida pelo Juiz do 3º Tribunal do Júri da Capital sumariamente, ou seja, não fora pronunciado para Júri Popular.

Na decisão relatada pelo Juiz, as circunstâncias conduziram o atuar do agente informado erroneamente sobre a realidade. Apesar de sua larga experiência, acreditava, piamente, na licitude de sua conduta. Naquelas circunstâncias, o acusado acreditava na figura de um homem empunhando uma arma de fogo e pronto para o confronto". Sendo assim, o fato praticado pelo policial acarretou em absolvição pela justificativa de uma descriminante putativa, disposta no art. 20 § 1º, CP, erro de tipo inevitável, o qual exclui a culpa e o dolo do crime, deixando-o isento de pena.

Até o presente momento, a família de L.A. não pretende recorrer da decisão.

Fontes: Folha São Paulo, TJRJ.

Extraído de: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais

ASCOM da PMAL disse...

PM comemora 180 anos com programação especial

A Polícia Militar de Alagoas dá continuidade no próximo dia 22 às atividades alusivas aos 180 anos da corporação. Desta vez, as comemorações trarão uma exposição fotográfica ilustrando os anos vividos na corporação, atividades desportivas, lançamento de material institucional entre outros.

No primeiro dia, domingo (22), será a abertura do evento com a exposição fotográfica dividida por Unidades Operacionais, sendo citados o Batalhão de Operações Policiais Especiais, o Batalhão de Polícia de Radiopatrulha, o Batalhão de Policiamento de Trânsito, o Programa de Educacional de Resistência às Drogas, o Batalhão de Policiamento Ambiental e a Academia de Polícia Militar de Alagoas.

A exposição estará aberta ao público de 22 a 29 de janeiro, no Shopping Pátio Maceió. No dia seguinte, 23, será realizado um coquetel de lançamento do selo comemorativo, que circulará pelas correspondências nacionais e internacionais através da Empresa de Correios e Telégrafos.

Dando continuidade às atividades de lançamento serão realizadas no dia 22 uma apresentação especial do Programa Ver Ver a Banda Tocar a partir das 17 horas no Lago do Perucaba, Arapiraca, e no dia 29 a partir das 9 horas na Pista de Dança Gerusa Malta, Maceió, que farão uma prévia carnavalesca com a participação dos blocos Mandacaru (3º BPM), Boca de Ponche (6º BPM), Carcará (7º BPM), e o tradicional Vulcão. Os mascotes da PM também animarão a festa em ambas apresentações.

Outras atividades desportivas estão previstas para a semana comemorativa, como o Torneio de Futebol Society de 25 a 27 de janeiro, a partir das 08 horas, na Academia de Polícia Militar Senador Arnon de Mello (APMSAM), bairro do Trapiche, o Circuito Aberto de Educação Física – PM e Comunidade, no dia 28 de janeiro, a partir das 07 horas, no Complexo Residencial Benedito Bentes, e por fim o Passeio Ciclístico, dia 29 de janeiro, a partir das 07 horas, com saída da APMSAM em deslocamento ao Detran (Pontal) e em seguida retorno no Posto 7.

Nos dias 26 e 31 de janeiro, será montada a Tenda da Cidadania para os policiais militares, no horário das 08h às 16h, na sede do 3º BPM e na APMSAM, respectivamente. Serão oferecidos serviços de verificação de pressão arterial, glicemia capilar, exames e encaminhamento para tratamento de catarata, glaucoma e pterígio (carne crescida), exame de sangue para prevenção ao câncer de próstata (PSA), vacinas, prevenção à tuberculose, consultas médicas, além de orientação social, psicológica, jurídica e atividades de prevenção com fisioterapeutas e odontólogos.

No dia 02 de fevereiro haverá a reativação do Museu da PMAL, e no dia 03 a Solenidade Militar de Aniversário e Outorga de Medalhes, ambos a partir das 08h na Academia de Polícia Senador Arnon de Mello. Finalizando a semana comemorativa, haverá um baile de gala e a apresentação do novo vídeo institucional no Salão de festas Renaissance, bairro da Ponta Verde.

Durante os meses de janeiro e fevereiro estará circulando, pelas principais linhas de transporte coletivo, a campanha dos 180 anos em Outbus. Ainda no decorrer do ano, outras atividades serão realizadas tendo como foco os 180 anos da corporação.

Cabo atual 2ºBPM -SERGIPE disse...

Policias de Sergipe não abre nem para um trem carregado.

Atenção comando de Alagoas..

Não se assuste!
A mundança é algo que aconteçe naturalmente.
Cedo ou tarde ela virá.

Torço para que a mudança começe ai no estado de alagoas.

Abraços ao manos da Policia militar de alagoas.

Assessoria BEF disse...

ASSOCIAÇÕES MILITARES DISCUTEM VIOLÊNCIA EM ALAGOAS

Reunião ocorrerá na próxima segunda-feira (23), na sede da Associação dos Praças da Reserva

Na próxima segunda-feira (23), às 9h, presidentes de todas as associações militares de Alagoas se reúnem na sede da Associação dos Praças da Reserva para discutir os agravantes que mantêm o alto índice de violência em Alagoas e aprovar procedimentos para cobranças ao Governo do Estado.

A unificação das associações de Cabos e Soldados (ACS), de Praças de Alagoas (ASSPRA), dos Oficiais Militares de Alagoas (Assomal), dos Subtenentes e Sargentos (Assmal) bem como de todas as outras associações de militares da reserva - que contam pela primeira vez com o apoio total da Caixa Beneficente - entendem que não há mais como esperar pelas promessas enquanto as pessoas se tornam praticamente prisioneiras em suas próprias casas.

“Estamos todos assustados com esse índice de violência que aflige a sociedade e vamos unir forças para cobrar do Governo do Estado investimentos que garantam ao cidadão o direito de viver em segurança. A sociedade está aflita e nós, como os responsáveis pela proteção da população, necessitamos de respaldo e estrutura para cumprir com nossas funções. Tem de haver valorização do recurso humano na polícia, tem de melhorar as condições de trabalho. Vamos elencar as prioridades e buscar resultados, Com todos juntos, os resultados certamente os ganhos serão maiores”, afirma coronel Ivon Berto, presidente da Caixa Beneficente.

Cidadão disse...

‘Basta’, diz campanha da prefeitura

Afastar da administração do município a imagem de responsável pelas manchetes negativas que associam Maceió à violência. Esse é um dos objetivos da campanha publicitária que está no ar – e deverá ser veiculada até o mês de junho, em televisão, jornais e emissoras de rádio – encomendada pela prefeitura da capital, por meio da Secretaria de Assistência Social (Semas).

“Quando se vê uma manchete, por exemplo, dizendo algo assim: ‘Maceió, cidade mais violenta’. Para muitos, essa informação pode passar a impressão de que a responsabilidade por isso é do gestor municipal. E não é”, diz o secretário Francisco Araújo.

A peça tem duração de 30 segundos. As quatro personagens se identificam com os atributos sociais (criança, idoso) do outro. Com recursos de edição, travam um diálogo entre si – mesmo aparecendo sozinhos na tela.

“Eu sou diferente”, dizem, num trecho.

“Diferente?”, questionam – com o recurso de edição fazendo com que cada um pronuncie uma sílaba da palavra. Para logo em seguida concluirem:

“Diferente, eu sou. Igual a você. Sou gente”.

Pesquisa Mulheres nas Instituições de Segurança Pública‏ disse...

Prezado Profissional de Segurança Pública, A Secretaria Nacional de Segurança Pública - SENASP/MJ está realizando pesquisa sobre a presença de mulheres nas Instituições de Segurança Pública. Trata-se de uma iniciativa pioneira, que visa a elaboração de um perfil nacional das mulheres integrantes das Polícias Civis, Polícias Militares, Polícias Científicas e dos Corpos de Bombeiros Militares. A pesquisa procura obter informações de forma mais ampla e aprofundada para a composição deste perfil, buscando conhecer as atividades que as mulheres realizam, as condições que encontram para o desempenho de suas atividades cotidianas, suas principais demandas e dificuldades, as iniciativas institucionais para qualidade e valorização profissional, qualidade de vida e saúde. Ao traçar este perfil, a pesquisa espera contribuir para dar visibilidade às mulheres integrantes das Instituições de Segurança Pública, razão pela qual também são abordados aspectos das relações profissionais entre homens e mulheres em cada uma das Instituições pesquisadas. A colaboração de todas as mulheres profissionais de segurança pública é muito importante para a pesquisa. Esclarecemos ainda que as respostas são anônimas, por meio do questionário online e deve ser feita por um único acesso e apenas por profissionais do sexo feminino. O questionário estará disponível a partir de 20 de janeiro até o dia 20 de fevereiro de 2012 nos links abaixo conforme a instituição da respondente.

Polícia Civil: https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dEdDcTZfTWkyeGNVOWxkLWNlOE1Jd0E6MQ

Polícia Científica: https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dG1qQW0zMXRRNE5pMlVxRGJnemVjUVE6MA

Polícia Militar: https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dG14eEZOQkNjS2lQSmVPRlk5b01wRkE6MA

Corpo de Bombeiro: https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dF9uQnBQN09qMUo4elNBTnZHRm5RZ0E6MA

Os resultados da pesquisa serão transformados em uma publicação e divulgados posteriormente no site do Ministério da Justiça. Espera-se ainda que o relatório final subsidie a elaboração e implementação de políticas específicas de valorização profissional, saúde e qualidade de vida para as mulheres do segmento. Na expectativa de contar com a participação de todas as mulheres profissionais de segurança pública, antecipadamente agradecemos sua disponibilidade e colaboração também na divulgação. Cordialmente, Equipe Projeto Qualidade de Vida/Pesquisa Mulheres nas Instituições de Segurança Pública Departamento de Pesquisa, Análise da Informação e Desenvolvimento de Pessoal em Segurança Pública - DEPAID Secretaria Nacional de Segurança Pública - SENASP

Anônimo disse...

Em menos de 24 horas, cinco veículos são roubados na capital alagoana
10:18 - 21/01/2012
Da Redação
Em menos de 24 horas, a polícia registrou cinco roubos de veículos na capital alagoana. Somente entre a tarde e a noite desta sexta-feira (20), três carros foram levados por ladrões em diversos bairros de Maceió.

Já na madrugada deste sábado (21), duas mulheres foram surpreendidas ao irem buscar o seu veículo no estacionamento da Receita Federal, no Jaraguá, e não encontrarem o carro. O Ford Fiesta, de cor preta e placas MVG 8553, havia sido furtado durante a madrugada, sem pistas dos ladrões.

Por volta das 15h desta sexta-feira (20), em plena luz do dia, três homens armados renderam o proprietário do Corsa Sedan de placas MUN 9183, cor dourada, próximo ao supermercado Bom Dia, no Tabuleiro. Cerca de uma hora depois, o dono do veículo Fox preto de placas NMC 9576 foi rendido por apenas um homem armado, no Conjunto Eustáquio Gomes.

Mais tarde, na noite desta sexta, dois homens armados em uma motocicleta renderam o motorista do Golf de placas MVK 1530, no bairro Santa Lúcia, e levaram seu veículo.

Uma moto também foi levada nesse intervalo de tempo. Por volta das 18h30 de ontem, dois homens tomaram uma motoneta Shineray, de cor branca, de seu proprietário, também no Santa Lúcia.

www.tudonahora.com.br

Anônimo disse...

o interessante é que estamos no estado mais violento do pais,que por ano ultrapassa os 2000 homicídios,no estado em que quando se está na rua,corriqueiramente nos deparamos com tiroteios,roubo em andamento seguido de tiroteio e mortes,furtos nem se fala,agora já é normal,onde se mata além de bandidos(praticamente todo dia),policiais,inclusive de outros estados(o último foi o cb de pernambuco,em rio largo),onde o copom não dá conta das ocorrências dias de final de semana e o desgraçado do governador e suas marionetes falam que está tudo bem,tudo azul!!!!
uma lástima,e o pior que eu estou notando é que a imprensa está indo na onda do estado,os programas policiais(uns 3 ou 4)que antes criticavam o governo e suas lástimas hoje já não o fazem,oque será que aconteceu?
em tudo esse governo embassa!pra ser promovido tem que colocar o estado na justiça,pra ter seus direitos respeitados tem que colocar o estado na justiça,pra tudo tem que se entrar na justiça?onde anda as associações?ninguém faz nada!por isso que me desfiliei a tempos!não vou colaborar com safadeza de ninguém!
quando ví um monte de lojas do prédio da associação dos cabos e soldados fui a uma ótica por lá que eu acho que estava uns 20%mais caro que em qualquer outro lugar e com que direito eles tem de colocar uma loja com nosso dinheiro?(nosso dinheiro sim,aquilo tudo é com nosso dinheiro!)pra vender mais caro pra gente mesmo? não sei até que ponto podemos ser mais lesados pelas associações...e o clube locado?a associação militar mais rica do estado não tem dinheiro pra ter um clube próprio?meu irmão!cansei de ser roubado,saiam daquela zona também,vocês estão contribuindo com a farra de alguém!

Coronel Luciano Silva disse...

Ciro Gomes diz que policiais militares que paralisaram as atividades são 'marginais fardados'
16h15m | 20.01.2012

O ex-governador do estado do Ceará, Ciro Gomes, disse na noite desta quinta-feira (19) que os policiais e bombeiros militares que paralisaram as atividades são "marginais fardados". Ciro Gomes disse que o governador, seu irmão Cid Gomes, só negociou com a categoria para evitar que um "mal maior" acontecesse.

A declaração foi concedida à TV Diário durante a entrega do Prêmio Contribuintes 2011. Na ocasião, Ciro disse que os policiais foram "covardes" e usaram crianças e mulheres como "escudo".

Veja a declaração do ex-governador

"O Cid tinha que decidir se ia reprimir ou se ia engolir esses abusos todos, para não correr o risco de carregar na sua consciência a morte de uma criança ou de uma mulher. Esses marginais fardados, covardes que são, usaram como escudo criancas e mulheres, e o Cid tomou uma decisão que qualquer pessoa pode condenar, mas que é uma decisão duríssima de tomar. Ele preferiu ceder do que carregar na consciência o cadáver de uma criança." disse o ex-governador Ciro Gomes.

O presidente Associação dos Praças da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (Aspramece), Pedro Queiroz, disse que o ex-governador deve ter dado essa declaração em um momento de emoção. Pedro Queiroz disse também que a presença das mulheres no movimento foi uma decisão das próprias esposas.

"As mulheres dos policias e dos bombeiros, diferentemente de outras que só servem para a cama e a cozinha, são mulheres guerreiras, que ajudam os policiais. São elas que recebem o marido com problemas psicológicos e são elas que tratam o marido. Nenhuma mulher foi para nenhum canto obrigada. Pelo contrário, os policiais não queriam expô-las a essa situação", disse o presidente da Aspramece.

A paralisação policiais e bombeiros militares durou cinco dias e deixou o Estado sem o seu aparato de Segurança Pública.

http://diariodonordeste.globo.com/noticia.asp?codigo=333706&modulo=963

Anônimo disse...

CENA FORTE: Robério Santos Silva é assassinado enquanto bebia no Posto Neno











Robério da Silva Santos, de 22 anos, foi assassinado com vários tiros na cabeça durante as primeiras horas da manhã desta sexta-feira (20), em uma conveniência pertencente ao posto de combustível Neno, na rua Formosa esquina com Boa Sorte, Ponta Grossa.

Segundo testemunhas, Robério estava bebendo com alguns amigos dentro do estabelecimento por volta das 7h00. Um carro com quatro homens armados parou no posto minutos depois, quando pelo menos dois deles encapuzados se aproximaram da porta e abriram fogo contra o rapaz, que não teve tempo de reagir. Seus amigos assustados evadiram do local.

Ninguém presente conseguiu identificar os assassinos. A polícia espera contar com o depoimento de um frentista e de uma das câmaras de segurança, que poderia ter filmado toda a ação.

De acordo com o sargento Brito do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), as fitas das filmagens serão levadas para o 3° distrito policial, onde o caso será investigado.

Anônimo disse...

CAROS AMIGOS DE FARDA VMS DAR UM BASTA NESSES EXTRAS NÃO REMUNERADOS,AQUI NO 2º BPM O EXTRA E NO SEGUNDO DIA DE FOLGA A NOITE INVADINDO O TERCEIRO PELA MANHA E O COMANDO AINDA ACHA POUCO.... CHEGA DE EXTRA NÃO REMUNERADO JÁ.... ASSOCIAÇÕES DE MERDAS ESSAS DE ALAGOAS

Anônimo disse...

Se fossemos unidos boicotávamos toda a programação de 180 anos da PMAL, comemorar o que????
Fazíamos uma exposição bem capenga. usando o pior uniforme e etc


Abaixo i Cmdo Geral

Jenésio, o Pecador disse...

Amannhã é o dia da reunião da associações com o governo. O Povo de Deus tem orado por este dia

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver