Farinha do mesmo saco

A coisa mais importante que um líder deve fazer é renunciar a si mesmo e viver em prol de uma causa nobre, bem como em prol dos que o seguem. Infelizmente, conforme temos dito há muito tempo, os atuais presidentes das Associações Militares de Alagoas têm dificuldade em absorver essa aprendizagem, haja vista que para fazer algo em prol da classe, isto é, dos seus associados, é uma dificuldade maior do mundo, mas quando o quesito é promoção pessoal (a própria, diga-se), ninguém tem dúvidas do quanto os nossos representantes são capazes de trabalhar intensamente e fazer as coisas. E haja habilidade para trabalhar a própria imagem perante os outros.
O texto de hoje sequer deveria ter sido escrito, afinal, o seu teor conota a promoção pessoal do seu protagonista, mas achei que valeria à pena compartilhar com vocês, briosianos, as minhas considerações sobre o marketing politiqueiro que está sendo construído por um dos nossos representantes.
Para quem não sabe, no sábado, 16.06, aconteceu a 6ª edição do “Troféu Gogó da Ema”, que premiou algumas personalidades alagoanas. Na ocasião mais de 30 pessoas foram agraciadas em uma solenidade que ocorreu no Teatro Deodoro. Dentre os agraciados estava o presidente da Caixa Beneficente da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros do Estado de Alagoas e “ex-candidato” a vereador por Maceió, o Coronel Ivon Berto. Diante do exposto, pergunto: “o que é que foi feito pelo Coronel Ivon para que ele também estivesse entre os homenageados?” Se alguém tiver a resposta, deixe um comentário logo a baixo!
Não há como entender, pelo menos eu não entendo, como é que a Dona Francinúbia Farias (idealizadora do evento) pôde parabenizar e destacar que o Coronel Ivon foi um dos “principais responsáveis por uma Alagoas melhor, sem violência e desigualdade social”.
É, “negão”, você tem mesmo é que “sentir-se muito orgulhoso em ter sido lembrado”. Mas saiba de uma coisa: a tropa também se “lembrará” de você em 2014, na sua candidatura a deputado. Todos nós sabemos que você foi um dos responsáveis pela perda dos nossos quinquênios. Ademais, a sua omissão – enquanto presidente de associação – tem sido crucial em boa parte das coisas que tem acontecido à tropa, razão pela qual rogamos a todos os militares: não votem nos candidatos que o Coronel Ivon apoiar para vereador nas próximas eleições. Aliás, não votem nunca mais em nenhum dos atuais presidentes das associações. Todos eles têm se mostrado “farinha do mesmo saco”.


8 comentários :

Sargento Gilberto disse...

Hoje cedo estive na ASSMAL, e os comentários sobre o Coronel Ivon davam conta que quase toda a sua diretoria o abandonou. Verdade ou não, fato é que não se vê em sua companhia os diretores que estavam com ele ano passado. O que aconteceu? Será que...

NINJA URBANO disse...

Vou me utilizar deste espaço para denunciar o ROUBO que ocorreu na reforma da delegacia de Barra de São Miguel. R$ 90.000 para caiar (melar com cal)as paredes e as janelas de tinta azul, nos banheiros foram colocadas cerâmica até 1,5m, de resto, permanece tudo igualzinho, pias danificadas, quase soltas e entupidas, de equipamento novo apenas um fogão, inclusive igual ao que eu tenho em casa que custou R$ 260,00 em loja do centro. Uma reforma onde se gastou não mais que R$ 10,000, além dos aproximadamente 8 meses que a delegacia passou fechada, (sem atender aquela população).

E tudo isso não foi ninguém que me contou não, eu vi pessoalmente com esses lindos olhos castanhos escuros que Deus me deu.

E aí eu me pergunto, kd o MP? Dr. Sérgio Jucá, o sr. arrota ética em suas aulas nas faculdades onde leciona, onde está a ética do MP quando silencia diante de tamanha roubalheira de dinheiro público? Um Ministério Público inerte e talvez até conivente é tão responsável pelos descalabros ocorridos em nosso estado quanto um assassino com uma arma na mão ou um estado (poder) omisso.

Apesar disso senhores, amanhã estarei de serviço mais uma vez, e minha parte eu vou fazer, mais uma vez recusarei propina para liberar seja quem for, mais uma vez irei arriscar minha vida para combater a criminalidade, mais uma vez serei visto como o diferente pq não compactuo com o sistema podre já tão enraizado nas nossas fileiras, mais uma vez eu vou comer aquela galinha transgênica e não vou furar o almoço num restaurante qualquer, mais uma vez eu vou voltar pra casa com a mesma quantia no bolso de quando saí de casa pra ir trabalhar.

Sabem pq? Pq eu sou um POLICIAL, simples assim!

SAMURAI

andreiabrasil disse...

sábado, 9 de junho de 2012

MAJOR DA PM FUMANDO CRACK NO MOTEL
Major da Polícia Militar é flagrado fumando crack em MG
Esse não foi o único caso de militares envolvidos com drogas
Do R7, com Balanço Geral
Um major da Polícia Militar foi preso em um motel, na avenida Santos Dumont, no centro de Belo Horizonte (MG). Ele estava fumando crack na companhia de um travesti. O oficial tem 44 anos e 25 de corporação. Ele foi detido em uma operação de rotina. Segundo a polícia, o major já estava afastado do cargo por causa do envolvimento com drogas.
Esse não foi único caso de militares envolvidos com drogas. No mês passado, um soldado foi detido suspeito de abusar sexualmente de uma mulher. Na casa dele, foram encontradas drogas e munição.
Segundo o especialista em segurança e coronel reformado Augusto Severo, o problema não é enfrentado pela corporação.
—Nós temos primeiramente de ter uma política, na qual os policias possam se declarar como dependentes tóxicos para que recebam da organização um tratamento adequado.
—Nós temos de ter cuidado para evitar que isso ocorra porque um viciado, usando uma arma e uma farda, gozando e podendo exercer o poder de polícia, é um grande risco para a comunidade.

Assista ao vídeo:

Sócio da ASSOMAL disse...

O Cel Ivon é uma pessoa de bem, é um homem íntegro. Vocês não deveriam postar algo assim sobre ele. A meu ver, essa postagem foi de uma infelicidade muito grande, princpalmente quando explicitamente a sociedade organizada indiretamente diz para o governo que o comando da coporação tem feito muito menos que este, que agora foi foco da postagem.

critical cri disse...

Há pessoas q não têm conhecimento para poder fazer uma crítica baseada em fatos ralistas, quem escreveu este texto se inclui nesse grupo. Farinha do mesmo saco são aqueles que hoje simplesmente tomaram conta da cúpula da segurança pública na gestão desse governo e que tudo que fazem é afundar cada vez mais a nossa Alagoas neste mar de violência e descaso.
O autor do texto afirma que "A coisa mais importante que um líder deve fazer é renunciar a si mesmo e viver em prol de uma causa nobre, bem como em prol dos que o seguem". Contudo, sinto dicordar! A frase tem um fundo filosófico muito carregado, então me dou a ousadia de corrigi-lo em diver que A COISA MAIS IMPORTANTE QUE UM LÍDER DEVE FAZER É LUTAR PELO INTERESSE DE SUA EQUIPE, fazendo uso de intrumentos como visão, paixão, integridadem ousadia, visibilidade, flexibilidade, autoridade (diferente de autoritarismo!), carisma, inspiração, conhecimento e estímulo intelectual!
Um líder não precisa se "auto promover" quando o seu trabalho lhe promove. O coronel Ivon bem mostrou isso por todo trabalho dentro da corporação e tem mostrado dentro da entidade que preside atualmente desde o início dos seus trabalhos, basta observar o avanço no Centro médico, no colégio e até mesmo na fisioterapia.
E quanto a questão política citada...pobre de quem desconhece os mecanismos necessário para a MUDANÇA! O que se pode fazer para se ter uma Alagoas melhor? Propor mudanças! E acredito que este é o propósito deste militar que fica evidente o amor que ele tem pela farda!

Marcos Joao disse...

EI POSTEM INFORMAÇÕES SOBRE O CAPITAO TRAFICANTE SAVILLE, ELE É DEVE SER DESMACARADO!! O CARA E TRAFICANTE BARRA PESADA! CADÊ O COMANDO PARA PRENDER ESSE BANDIDO DE ESTRELAS!!!

Marcia Junior disse...

Não vemos somente o cel. Ivon com esta postura, mas também os que rodeiam - ladeiam - o atual secretário de defesa social, com seus pupilos, advindos da safra podre da era Collor! O cel. Ivon é apenas mais um dos que tanto se vangloreiam do lambuzar fétido do poder que lhe foi conferido e do direito de - à época no ministério público - grampear os telefones as pessoas para ter dociês contra tudo e contra todos, que o deixa blindado em relação ao que vem apresentando! O cel. Maxwell - o atual conselheiro do rei - se mostra o grande baluarte e entendendido das coisas da segurança, mas deixa passar e vazar sua arrogancia e despreparo diante de situações que mascaram os números de mortes no estado de Alagoas. Os dois foram, junto com o atual coordenador do copom, parceiros no ano de 1986 no E.B. e por isso estão tão alto em suas poses. Vemos uma PM sacudida pelo imperialísmo de outro que serviu a mesma CIA dos citados acima, vemos mais um dos que serviram àquela irmandade e que estão mostrando seu poderio agora! É pena, mas o que vemos são falácias que enganam ao povo alagoano e que mascaram a verdadeira face dos que lá estão, mentindo, falseteando e enlameando o bom nome da briosa Polícia Militar de Alagoas.

Anônimo disse...

esse coronel ivon de besta não têm nada nem de honesto,quando estava no detran acabou com um fiat tempra e ficou por isso mesmo fora as diarias que depositavam na conta dos puxas sacos eos mesmos devolviam ao propio ivon depois.

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver