Reflexões sobre o “Plano de Segurança”

Tudo o que fazemos tem consequências, por menores que sejam e tudo também reflete na imagem que emitimos para as outras pessoas. Tanto é assim, que desde a roupa que vestimos, a maneira como falamos, os penteados, o corte de cabelo, a barba feita... Tudo isso faz parte de um conjunto de características que nos fazem únicos. E com a Segurança Pública aqui em Alagoas, ainda mais nestes últimos tempos, não é diferente.
Desde a “saída” do Coronel Luciano Silva estamos postando apenas textos de terceiros, os quais refletem um sentimento quase que unânime em relação ao que está acontecendo aqui no Estado.
Nessa linha de raciocínio, vamos a mais três textos:
Minha visão sobre o “Plano de Segurança”
Da janela da minha casa (hoje, dia 27.06, às 11 h) eu contei 34 policiais da Força Nacional, mais 6 do BOPE (dentre eles o seu comandante, o Thúlio), mais dois “seguranças” do Gilmar Batinga (o Índio e o Adelino), mais 5 policiais de área, FORA OS POLICIAIS CIVIS (bem como os P2) E OS MOTORISTAS DAS VIATURAS. Eles fizeram uma “capa” danada, revistaram quem passava pela rua, falaram alto com alguns menores (contrariando as regras da boa educação e convívio, assim como os princípios do policiamento comunitário, que tem na sociedade local uma aliada), pararam o trânsito enquanto o helicóptero da PRF passava para lá e para cá, e depois de uns vinte minutos metade do pessoal da “Farça” foi para o ônibus dormir (tudo filmado e fotografado). Ah, e ainda tinha as viaturas passando em grupos de 3 ou 4, todas com 4 membros na guarnição, para cima e para baixo.
O detalhe é que o local onde eles estavam concentrados até que é rota de entrada para uma grota, mas os bandidos, os traficantes, ficam em um local totalmente oposto ao que estavam concentrados os policiais; embora estivessem a menos de 150 metros. Então pergunto: quem é que vai acreditar que essa “formação bolinho” (um monte de policial junto, sem saber o que fazer) vai surtir algum efeito, ainda mais quando os “federais” (os policiais da Força) estão ganhando de diárias mais de 6 mil por mês e a prata da casa está desmotivada?
Não faz muito tempo, eu acreditava em “Fada do Dente”, bem como em “Papai Noel”. E a razão para tanto é bem simples: eu não tinha maldade; além do que, os seres inanimados nos transmitem esperança e nos fazem acreditar. E isso, diante da realidade que se nos apresenta a cada dia, nos faz sermos céticos, bem como incrédulos em relação a quem faz (ou deveria fazer) a nossa realidade (melhor) a cada dia.
E o Governo Federal investiu milhões para o combate à criminalidade. Há quem diga que teremos um efetivo de uns 400 policias da Força Nacional atuando por aqui. Se isso for verdade, somente tenho a lamentar, pois serão R$ 2.400.000 (dois milhões e quatrocentos mil) por mês pagos somente em diárias, para policiais que serão empregados no combate à criminalidade, mas isso não surtirá efeito.
A meu ver, se o que vai ser pago em um mês de diárias fosse empregados na educação, sendo que, se apenas 1 milhão fosse destinado à contratação de professores (mesmo que de forma temporária), e se estes profissionais recebessem um salário de R$ 3 mil, daria para contratar 333 professores, os quais - com certeza - trariam mais resultados à segurança pública que o que estamos vendo em relação ao que estão gastando com o aparato policial nos últimos tempos, pois é a educação que edifica e constrói uma nação, possibilitando que o povo tenha, além do conhecimento, desenvolvimento e oportunidade.
É por estas e outras, que este Estado, com status de província, ainda faz por merecer a alcunha de “Terra dos Marechais”, afinal, quem não é marechal é da plebe, e à plebe as migalhas.
Moral da história: alguém está ganhando com toda essa situação, só pode ser!
Mais que “criticar”, eu faço a minha parte, mesmo como policial aposentado! Agora, sinceramente, o que eu não posso fazer é fechar os olhos para a realidade e fingir que tudo isso que está sendo apresentado é a solução. Eu tenho esposa e filha, e vivo num dos locais mais perigosos do Estado, e somente por estas razões eu tenho que ter esperanças por dias melhores, mas, como disse, não acredito nesse projeto, NÃO DA FORMA COMO ELE ESTÁ SENDO CONDUZINDO. E o tempo há de mostrar a todos quem está errado.
Fonte: Facebook Alagoas Estado de Emergência, em 27.06 (autor Agenário Velames)
Cadê os helicópteros e a Força Nacional?
Acordei com os raios fortes do sol pela janela. Mas, poderia dormir até mais tarde, não havia barulho de helicópteros com seus voos rasantes como nessa quarta-feira (27). Ontem, o trânsito no residencial onde moro ficou ainda mais congestionado, seis viaturas “desfilavam” coladas e na periferia, conforme imagens vistas pela TV, um batalhão revistava pessoas. Principalmente a Força Nacional para impressionar.
Lógico que o Plano de Segurança é bem vindo, mas não precisava toda a “pirotecnia”. Só se ela tivesse ou tiver continuidade. E a megaoperação programada exatamente para o dia da implantação do Plano, com dezenas de mandados a cumprir? Eu já sabia dela, mas também do seu propósito. Qual foi o resultado então? Quantos traficantes presos, quantos quilos de droga apreendidos? Na contramão, quantos homicídios ontem e assaltos foram registrados? Como falou a secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, o que se quer é qualidade e não quantidade.
Movimentar demais as ruas com congestionamento de viaturas não resolve a violência. Conseguir a credibilidade da população exige continuidade. Tinha de ser assim todos os dias. E a valorização dos agentes de segurança? Vamos tocar na mesma tecla. Os policiais da Força Nacional ganham uma diária de R$ 300/dia, perfazendo R$ 9 mil/mês. Assim a vontade de trabalhar aumenta. Enquanto isso, policiais alagoanos tentam uma migalha junto ao Governo do Estado e não conseguem.
A propaganda enganosa de que deu aumento aos policiais, não é totalmente verídica. Apenas os soldados tiveram o benefício. Daí para frente, nada. Os policiais civis também continuam a peregrinação, a Perícia Oficial está “na pedra”. E aí? Podem colocar os tanques de guerra do Exército espalhados pelo Estado que não adianta nada. Esperamos que o Governo Federal não se decepcione com a implantação do Plano Piloto aqui. Porque ele exige a contrapartida e aí mora o problema.
Fonte: Blog da Duca, em 28.06 (autora Dulce Melo)
Nada funciona com os integrantes, contingentes e componentes DESMOTIVADOS decorrentes, consequentemente, da tamanha DESVALORIZAÇÃO dos nossos policiais, sobretudo, dos briosos que têm sido sacrificados em escalas cruéis e desumanas SEM auferirem seus DIREITOS LEGAIS:
a) Reajustes salariais anuais - tem-se DADO o que ELE quer e não o que determina a LEI MAIOR;
b) Briosos trabalham madrugadas a fio, ferro e frio, SEM RECEBEREM SEUS ADICIONAIS NOTURNOS;
c) Há escalas EXTRAS, mas não se pagam as devidas HORAS-EXTRAS, o que causa DESMOTIVAÇÃO e, no mais da vez, REVOLTA, mormente nos briosos que têm sido espoliados quando não escravizados!, e
d) Olvidam Leis e Constituições no tocante, também, às promoções, onde muitos têm sido preteridos a gosto, alvedrio e bel prazer de seus algozes, e aí daquele que postular em juízo em busca de seus direitos preteridos.
Comandar é mandar com, coisa que muitos olvidam, além de ter um mínimo de experiência de comando de tropa, fundamental saber para condução de uma corporação briosa, essencial saber lidar com gente e ENTENDER DE GENTE, mas...
Ah! Leia-se: “Comandar é preciso; comandante não é preciso!”, a saber: Comandar é Preciso; Comandante não é preciso! (clique aqui)
A Briosa tem uma carência bem maior que vagas abertas para soldado e que a OFERTA não dá nem 10% do previsto em LEI, e de oficiais também está a menor! Mas, supondo-se ingresso de MIL, teremos 250 a cada turno de 6 horas, daí ser ínfimo o esforço” para combater a VIOLÊNCIA.
E se disse que “AL NÃO precisa de MAIS PM”. Tanta espetacularização midiática para “lançar” uma MUDANÇA inócua, inerme e inóxia haja vista que irão CONTINUAR a OLVIDAR CF e Leis. Sem REAJUSTES anuais, SEM adicionais noturnos e SEM horas-extras, mas a FNS com diárias exorbitantes em relação aos daqui e pelo mesmo serviço.
Bastante, para êxito do tal PLANO, que o tenho como inócuo, pífio e sem nenhuma estratégia, FARDAR o contingente de COMISSIONADOS, CONSELHEIROS e CARGOS DE CONFIANÇA DO guVERNO DO BEM e da ONDA AZUL - pois que o vice-rei bradou: ALAGOAS NÃO PRECISA DE MAIS POLCIAIS! O concurso apenas porá 250 PM/Turno de 6 h, quando se precisa de, no mínimo, 6 vezes mais que o ofertado: 1.040 vagas. Aí, com todos esses NEOFARDADOS armados de Tablets e PASTAS NOVAS e mais, mais uma vez, a FNS, biiiiiiiingo! Estaremos em PAZ, de novo, né não? O ABSENTEÍSMO é igual. Logo, meu dileto amigo, PAGO PARA VER! Ah! Peraí, o papai-noel acabou de bater à porta... Depois termino!
Notaram quantos parlamentares federais, estaduais e municipais estiveram presentes ao ATO solene de “lançamento” do mais propalado, falado, divulgado PLANO da história desse país? Por que o LANÇARAM a portas fechadas, se era para povo em geral? O Baldomero também era de segurança máxima e técnicos do MJ disseram que se tratava de um “queijo suíço”. Creio que Victor Hugo estava errado ao afirmar: ABRA UMA ESCOLA E FECHARÁS UMA PRISÃO!
Aqui, fecham-se as escolas e ABREM-SE novas prisões!
Fonte: Comentário deixado no Blog da Duca, em 29.06 (autor Joilson Gouveia)
Nota: O Briosa em Foco parabeniza os autores dos três textos pela pertinência e relevância dos assuntos abordados, e – mais que isso – parabeniza pela coragem de apresentar publicamente, em meio ao lançamento do “maior plano de segurança da história desse país”, a percepção (quase que unânime) de que o caminho que os nossos gestores estão seguindo não é o melhor caminho para combater a violência; algo que só o tempo há de confirmar!


32 comentários :

Anônimo disse...

O Estado de de emergência promulgado pelo governador permitirá a contratação de de produtos e serviços sem licitação, alguém que já se perguntou o que isso propiciará? Uma farra do com o dinheiro do povo. Vamos continuar rezando por um milagre, infelizmente é o máximo que podemos fazer. Acho que esqueceram de combinar com os bandidos que este plano tem que dar certo. 29/06/2012: 04 homicídios e uma tentativa. Enquanto isso, na sala de injustiça...

HAILTON disse...

Não preciso recorrer às Runas, consultar o Orákulo de Delfos, tomar banho de pipoca em terreiro de Umbanda, nem lançar mão de qualquer outro meio de advinhação para saber o futuro deste tal Plano de Segurança. Inobstante a grande necessidade de se fazer algo aqui e agora no sentido de frear a crescente onda de criminalidade, imprescidível é, que ao menos se saiba o que fazer e onde fazer. A aplicação de policiamento em, na expressão de nosso colega Velames, "formação bolinho" é prova inequívoca de que "Pai, eles não sabem o que fazem".

O estado de emergência outrora decretado na educação, possibilitou a contratação de empresas e compra de material sem licitação para reforma das escolas, e todos nós somos testemunhas da roubalheira que houve. As obras em muitas escolas estão paradas e as empresas "sumiram" levando consigo o dinheiro público, noutras, as "obras"(?)até foram concluidas,no entanto, face ao montante ali aplicado, conforme placas do próprio governo afixadas em frente as escolas, há uma exorbitante diferença entre o gasto e o pago, explíco-me: em todas as tais placas o valor da obra beira os R$ 400,000,00 (quatrocentos mil reais), todavia, essas "obras"(?) não passaram de uma pintura nas paredes e janelas. Eu não tenho conhecimento de que o preço da cal esteja tão caro.

Agora e mais uma vez, o governo decreta estado de emergência, desta feita na Segurança Pública, ora, até Pai Toínho sabe no que isso vai dá.

Como homem do campo, nele nascido,nele criado, eu - apesar de instrução em sentido contrário de meus pais - sou dado ao uso de algumas expressões típicas, comuns ao homem do meio agrícola, o que estou querendo dizer é: esses fii da mulesta do rato estão passando a mão no dinheiro público na maior cara de pau e nos chamando de trouxas, ou nos unimos e fazemos algo, ou esse cabrunco, essa febre tife tapão desse Estado não vai melhorar nunca e consequentemente a nossa situação também não.

Tomada da ACS já, essa é nossa campanha, tô contigo SAMURAI!

Abraço a todos e todas.

Sd Hailton

Tribuna Hoje disse...

Plano não reduz total de homicídios em seus primeiros dias

Após lançamento do plano de segurança, média de assassinatos continua a mesma

Andrezza Tavares 30/06/2012 07:50

Nos primeiros dias de implantação das ações do recém-lançado Plano Nacional de Segurança Pública, o número de homicídios em Alagoas permanece o mesmo. Entre os dias 25 e 26, antecedentes ao plano, a média era de cinco a seis mortes violentas em 24 horas, como mostra o relatório diário do Instituto Médico Legal de Alagoas. Após o lançamento do plano, a média permaneceu igual.

O comandante de Policiamento da Capital da Polícia Militar, coronel Gilmar Batinga, disse que as pessoas querem efeito instantâneo e que ainda não conseguiu essa mágica.“As ações do plano estão sendo colocadas em prática, mas os efeitos vão ser sentidos aos poucos. O cenário não vai mudar de um dia para o outro”, declarou.
Ele admite que é “utopia dizer que os homicídios vão zerar”, porém com a inauguração da Delegacia de Homicídios, as polícias vão trabalhar para colocar os responsáveis atrás das grades. “Antes do plano, havia dias que nenhum homicídio tinha sido registrado. Estamos estudando os dias, locais e horários em que esses crimes ocorrem para realizar um trabalho mais enfático”, explicou.

Segundo o comandante, o foco do Plano Nacional de Segurança Pública são os homicídios, e consequentemente, os outros crimes que resultam nas mortes. “O objetivo do plano é unificar forças: estaduais, municipais e federais; otimizar recursos para atacar um foco; combater a criminalidade”, enfatizou Batinga.

O PLANO

O Plano Nacional de Segurança Pública “Brasil Mais Seguro” foi lançado na última quarta-feira, dia 27 de junho, em Alagoas. O Estado foi escolhido como piloto por causa de seus índices de criminalidade.O plano vai contar com o apoio da Força Nacional, além dos investimentos na perícia e polícia judiciária.Uma das primeiras ações do plano foi a inauguração da Delegacia de Homicídios, com dez delegados, que vão investigar os casos novos e dar andamento aos mais de 300 inquéritos que estão pendentes.
Os crimes que já devem ser encaminhados para a nova Delegacia de Homicídios, não param de ocorrer, a exemplo do duplo homicídio registrado na madrugada de quinta-feira, no bairro de Antares.

Os jovens Fabiano Inácio de Jesus, conhecido como “Paulista”, e outro identificado apenas por Lucas foram assassinados enquanto passeavam de moto pelo local. Fabiano foi alvejado por seis disparos: dois nas costas e quatro na cabeça, e Lucas com um tiro nas costas e mais dois na cabeça. Testemunhas informaram que os assassinos também estavam em uma moto. Rondas foram feitas nas proximidades, mas nenhum suspeito foi preso.

Outro crime que será investigado pela nova delegacia é a morte do jovem José Arthur Silva Feitosa, assassinado enquanto segurava no colo um bebê de seis meses, no bairro do Poço. O jovem foi morto com um único tiro de pistola calibre 380 que atingiu seu rosto.

ZÉ LEZIM disse...

DIZEM QUE TEM GENTE QUE "SE FAZ DE MORTO PARA COMER O COVEIRO"... DEPOIS DESSA, ACABO DE CONCLUIR QUE O VELAMES NUNCA FOI DOIDO, SÓ QUE QUERIA SE APOSENTAR. TOMA LULÚ E PMAL, VISTE O QUE VOCÊS CONSEGUIRAM? EU ACHO É TOME BANDO DE ABESTADO.

Anônimo disse...

Amigo Velames, minha opinião é que voce deve ficar NA MOITA, voce tá mexendo com GENTE GRAÚDA E PODEROSA, cuidado, voce é inteligente, mais tá sendo burro em querer peitar este Estado corrupto desde sua criação até os dias atuais. Nada vai mudar. Nunca vai mudar, Alagoas é o LOCAL MAIS CORRUPTO deste planeta e sempre será, aqui reside a ESCÓRIA e a ESCÓRIA sempre dá SUMIÇOS em pessoas como você. Como disse você é inteligente, tem um grande futuro e melhor para você que fosse em outro estado. Voce é um grande Advogado, tem uma filha linda, uma boa esposa, seja esperto, deixa esse lugar imundo e vai viverr uma vida segura e feliz.

Agenário Velames disse...

Eu postei o texto acima no meu mural do Facebook e no ALAGOAS ESTADO DE EMERGÊNCIA, onde tem inúmeros textos que dariam belas obras sobre o que fazer e o que não fazer em prol da segurança. Por sinal, se as minhas palavras ensejam cuidado, tem pessoas que escrevem não só no ALAGOAS ESTADO DE EMERGÊNCIA, bem como aqui, coisas piores que as minhas conclusões. Para mim, foi uma surpresa ver que alguém “monitorou” o que escrevi e algum tempo depois fez disso uma matéria desse blog. Ademais, também foi uma surpresa ver que os textos seguintes são semelhantes e na mesma linha de raciocínio que o meu, mesmo tendo sido escrito dias depois. Conheço a Dulce Melo devido às suas atividades na Caixa Beneficente, mas faz algumas semanas que não a vejo. Quanto ao Coronel Golveia, ainda não tive o prazer de conhecê-lo. Apesar de tudo, creio não ter feito nada de mais; nem eu nem os demais autores. Estou com a minha consciência tranquila. Eu simplesmente manifestei o meu sentimento quanto ao que vejo, e ainda assim o fiz na condição de cidadão, um cidadão que paga os seus impostos, participa ativamente sobre os problemas da sociedade em que está inserido, um cidadão que dá a sua parcela de contribuição para Estado e em contrapartida espera o retorno. Outro dia aconteceu o mesmo com um texto do Sargento James Tôrres, que misteriosamente também saiu aqui, com uma foto dele enorme. Recentemente eu falei com um Coronel que se disse surpreso com a divulgação (aqui) de uma foto que ele havia tirado em sala de aula, na faculdade em que ele estudava. Poucas semanas antes, outro Coronel havia me dito que o Coronel Dimas o havia lhe chamando para uma reunião, ocasião em que ele foi apontado como suspeito de estar por trás da autoria desse blog simplesmente por conta de uns comentários que vinham (e ainda vem) sendo feitos em nome do grupo que ele participa. Situações assim, a princípio, ensejam direcionamento. E qualquer um percebe isso, menos quem não quer enxergar. Contudo, não quero acreditar que alguém ou algum grupo esteja tentando direcionar a autoria de seus feitos, seja para mim, para o Tôrres, ou para quem quer que seja, como forma de afastar para longe de si as suspeitas e a responsabilização que provavelmente ocorrerá. Prefiro acreditar, em relação o texto que divulguei no Facebook, repito, que tive uma outra visão sobre como otimizar os recursos que estão sendo destinados à segurança. Não tenho dúvidas quanto à corrupção existente não só aqui como em todos os lugares. Mas se agente se cala, se a gente se omite, só está consentido que tudo continue (e com tendências a piorar). Eu sei que não vou mudar nada, e que muita gente se sentiu incomodada com as minhas palavras. Eu acredito que o que falei não foi nada de mais. Além do mais, quem se importa com as palavras de um doido?

Anônimo disse...

Velames, até o hoje o comando e nenhum dos ofendidos nesse site consiguiu saber quem são os auotores e nesse desepero é muito fácil sair apontando para todos os lados e levantando supeita. Infelizmente a desconfiança recai sobre as pessoas que mais afrontaram o comando publicamente, e nisso você se inclui. É muito fácil dizer fulano, beltrano e cicrano são os auortes do Briosa. O que ninguém fez até agora foi provar qualquer coisa contra os suspeitos. E isso me faz crer que estão olhando na direção errada. Apontar para quem quer que seja é muito fácil, mas quando nos damos conta que já faz mais de ano que este site está no ar e até agora nem um único suspeito foi incriminado, das duas uma: ou estão olhando para o lado errado, que é o que eu acredito, ou então estamos diante de um bando de incompetentes que não conseguem nem rastrear uma página.

Anônimo disse...

BANDO INCOMPETENTES (???) KKKKK. CARA, EU FICO IMAGINANDO SE ALGUM DIA O COMANDO VAI TER CORAGEM DE DIVULGAR E INCRIMNAR OS OFICIAIS, CAPITÃES E CORONÉIS PARA SER MAIS EXATO, QUE ESTÃO POR TRAS DISSO TUDO. NESSE DIA EU VOU DIZER: EITCHA POLÍCIA DE VERGONHA.

SAMURAI disse...

Ao companheiro que iniciou seu post chamando o Velames de amigo, seu texto me pareceu muito mais uma ameaça do que um alerta. Só lhe digo uma coisa: quem quer bater tem que tá preparado pra apanhar. Cansei dessa merda, ou a gente muda esse sistema podre, ou vamos continuar por anos discutindo entre nós, e na verdade, estamos todos numa merda só, tanto praças quanto oficiais, e não é por causa de alguns mil reais a mais no contracheque que eles estão livres dos dissabores proporcionados pela vida em cazerna.

AMIGO DO AMIGO disse...

Que o sistema é podre, todos nós já sabemos. O detalhe é: qual a dimensão dessa podridão. Vejamos uma singela demostração dessa podridão:

http://www.youtube.com/watch?v=bo-Z2PFxY8Q

Motociclista disse...

"Além do mais, quem se importa com as palavras de um doido?" kkkkkkkkkkkk rachei o bico aqui!!!

Valeu Velames, tô contigo e não abro!

CAPITÃO VIRGULINO disse...

ALGUÉM PLAGIOU O TEXTO DE ALGUÉM, E FOI UMA SEQUÊNCIA DE PLÁGIOS... Ô POVO SEM INSPIRAÇÃO. E O PIOR É QUE O PLAGIADO É UM CARA QUE MUITA GENTE DIZ QUE NÃO FALA COISA COM COISA. ASSIM ATÉ EU ME TORNO UM GRANDE ESCRITOR E FOMENTADOR DE IDEIAS.

Anônimo disse...

pô, dulce melo, janela, helicóptero, comboio de viaturas...
pô, cel joilson golveia, escolas, motivação...
nem o papai-noel escapou, que vergonha!

Anônimo disse...

Velames vc é uma das únicas pessoas q não tem moral para postar qualquer comentário sobre segurança,vc nunca trabalhou pela briosa, comente pelomenos uma prisão realizada quando vc estava trabalhando,vc só contribui para aumento da violencia sua presença é indesejada em qualquer lugar q vc chega, já q vc está aposentado por macete pegue sua família e volte p/ seu estado de origem vá curtir sua aposentadoria em um lugar q vc acha q tem segurança, seu pilantra !!

Agenário Velames disse...

Mesmo "nunca tendo trabalhando pela briosa", conforme você ignorantemente acusa, foram 18 armas que apreendi juntamente com meus companheiros de Rocons. Num dos feitos, conseguimos recuperar uma .40, e em outro conseguimos salvar a vida de um taxista que estava sendo assaltado com uma arma apontada para sua cabeça no exato momento que ficamos de frente para o seu carro. Em meu último feito, foram 4 armas de fogo em uma só ocorrência. Nesse dia, estava eu (de motorista) com uma patrulheira grávida e um sargento; detalhe: o supervisor só apareceu depois para ajudar a levar parte dos indivíduos no xadrez da Vtr da supervisão, o que lhe rendeu "carona" no elogio por isso.

Veja essa informação no BGO Nº 217 DE 21/11/2008, página 29 e 30, o qual transcrevo agora:

Elogio de Policiais Militares - NP nº 087 – 5º BPM: Louvo os policiais militares abaixo relacionados, todos pertencentes ao 5º BPM, pela forma perspicaz e eficiente como conduziram uma ocorrência policial no dia 23.10.08 (...). Ficou evidenciado com tal ação que as guarnições do 5º BPM demonstraram elevado senso do dever, perspicácia, coragem, equilíbrio emocional e nobre compromisso com a consolidação do Estado Democrático de Direito e a preservação da Ordem Pública. Policiais abnegados, não mediram esforços para atender uma ocorrência que, a princípio seria apenas um apoio a um acidente veicular, porém resultou numa grande operação, a qual acabou desarticulando mais uma quadrilha, diminuindo, dessa forma, a criminalidade que tanto assola a população da região metropolitana desta capital. Dessa feita, tornam-se referência no seio da Corporação, servido de exemplo para seus pares e subordinados, sendo por dever de justiça, dignos da presente menção elogiosa, em caráter INDIVIDUAL.

***

OBS: 14 das armas que apreendi foram no turno da noite, sendo que 8 foram entre 2 e 5 da madrugada. Reagi a três assaltos a ônibus, tendo prendido dois malas, um em cada ocasião. O único que consegui escapar saiu baleado. Em 2009 salvei a vida de uma senhora que quase foi assassinada pelo marido; ela, por morar perto da minha casa e não conseguir ligar para o 190, veio pedir socorro a mim de madrugada, na minha residência (BGO Nº 149 DE 09/08/2011).

Você pode chamar esse feito, bem como os outros que participei de "sorte", mas ainda assim terá de engolir as suas palavras, pois na minha última apreensão de armas estávamos às 3:10 da madrugada fazendo rondas (cumprindo fielmente o cartão programa), tudo dentro da filosofia policial e da qualificação que os mais de 15 cursos que fiz me proporcionaram. Fora isso, mês passado, já aposentado (quando não deveria mais me envolver), segui dois malas e chamei o pessoal da DEPLAN (depois de ligar inúmeras vezes para o 190) para efetuar a prisão deles, pois um dos indivíduos estava armado.

Diante do exposto, seu covarde, medroso que nem mesmo tem coragem de assinar o que fala, engula as suas palavras, pois eu, mesmo com o suposto macete que você aponta, contribui e ainda contribuo muito mais para a diminuição da violência que você com todos os seus atos.

Agora faz faça jus ao que o seu pai disse quando você nasceu, isto é, quando disse “nasceu um homem”, diga o que você já fez, mas assine com o seu nome de batismo (aquele que seus pais te deram com carinho), caso contrário vou acreditar que seus pais estão enganados quanto ao que botaram no mundo.

Anônimo disse...

É por isso que a segurança está do jeito que está, pois enquanto uns ainda fazem alguma coisa, outros ficam pregando a desunião. Todos nós temos virtudes e defeitos, e com o Velames não é diferente. Mas contra fatos e provas não há argumentos. Parabéns Velames. Se antes eu a admirava por você ser uma pessoa desenrolada, agora também o admiro por ser conhecedora desse seu outro lado. Não ligue para o que falam a seu respeito. É tudo inveja. Lembre-se que nem mesmo Cristo conseguiu agradar a todos. E se ele aparecesse aqui em Alagoas nos dias de hoje, os soldados da PMAL seriam os primeiros a entragá-lo nas mão de César, Dário o César!

Anônimo disse...

Meu Deus ter que ouvir, ou melhor, ler o Velames é demais....

Anônimo disse...

Meu Deus ter que ouvir, ou melhor, ler o Velmaes é demais... Um cara que como soldado se aposentou no macete.... Fica quietinho com teu trabalhado de advogado e ainda sugando do estado que é melhor.

2002 quase cabo - falta apenas 4 dias disse...

boa, vela. até para chamar um covarde de viado você é desenrolado. gostei de ver. com a réplica, o "anonimo" que "nasceu um homem", mas ainda não provou kkkkkkkkkk

vamos lutar disse...

SENHORES SGT,CABO E SOLDADOS, QUANDO CADA UM PROCURA OS SEUS DIREITOS A COISA MUDA PARA MELHOR. PORQUE OS NOSSOS COMANDANTE NÃO VÃO QUERER ANDAR NA CONTRA MÃO.VAMOS USAR O REMEDIO JURIDICO.

Anônimo disse...

ESSE VELAMES SÓ FOI UM ARRUACEIRO AGITADOR NA PMAL.INCOMPETENTE ,POIS SE FOSSE INTELIGENTE SERIA OFICIAL.FOI APOSENTADO COM 10 ANOS COMO SOLDADO E TENTA NA JUSTIÇA REVERTER.NUNCA TRABALHOU ,MACETOSO ,ATÉ QUE SE LASCOU COM UM MISÉRO SALÁRIO E MUITOS CAEM NA ONDA DELE.

sd agregado que não entregou e nem vai entregar a arma disse...

"se o velames fosse inteligente seria oficial"? kkkk pqp essa foi uma das piores asneiras que já li. e desde quando ser oficial da pmal é sinônimo de inteligência? vai, zé mané limitado. vai aprender o b-a-bá para tantar criar alguma cultura. faça como ciço fedô, que mesmo apesar de ser da turma da denilma, pelo menos se esforça para aprender algo e reconhece que se fosse inteligente jamais seria policial militar. "POIS SE FOSSE INTELIGENTE SERIA OFICIAL..." uma das maiores besterias que já li em toda a minha vida kkkk

Anônimo disse...

para ser oficial tem que ter inteligencia ou falar com a mamae denilma bulhoes pois todo mundo sabe que lulu foi um a entrar pela janela outro foi gilmar oficial denilma agora diz que e o maximo fica aqui um !*/0,0

Anônimo disse...

KKKKKKKKKKKKKKK....Mais um alucinado que acha que só é inteligente quem passa no CFO, concordo com os anônimos acima. Qualquer um passa bestão, é só estudar!!! Tem tanto Oficial burro, por isso que os praças estão passando a rasteiras em muitos deles..Que mediocradade!

Anônimo disse...

*rasteira
*mediocridade

Anônimo disse...

Não conheço o SDPM Velames,não sei se é inteligente,burro,macetoso ou qualquer outra coisa. Mas pelo que leio a respeito,SEM OFENSAS, percebo que o referido SDPM é um TREMENDO BUCHA DE CANHÃO. Isso mesmo, BUCHA DE CANHÃO! É todo mundo elogiando,é isso aí Velames! Lasca com o comando! Fode com "A"! Arromba com "B"! E o Velames indo pra galera! Aí,muito inteligente (INTELIGENTE?!),segundo alguns comentários no blog,foi reformado por PROBLEMAS PSIQUIÁTRICOS. Passou a perna no então Comendante Geral da PMAL,Senhor CEL PM LUCIANO. SERÁ???
Se é verdade que o PM foi REFORMADO por ser portador de problemas psiquiátricos, penso que o tiro saiu pela culatra. Não entenderam? O SOLDADO PM Velames é formado em direito, além de ser muito inteligente(segundo os comentaristas do blog). Né isso? SERÁ???
1-Perdeu o direito ao porte de arma de fogo; 2-CONCURSOS PÚBLICOS: Polícia Federal(delegado,agente,escrivão e perito), PRF(patrulheiro), Polícia Civil(delegado,agente e escrivão), MP(promotor), Judiciário(juíz) e outras funções públicas, só aceitam pessoas que gozem perfeitamente das faculdades mentais.
RESUMINDO: Caso não consiga reverter a situação,o Velames vai SOLDADO PM o resto da vida!
Fiz o comentário baseado no fato da reforma por problemas psiquiátricos, se foi reformado por outro motivo desconsidere o que escrevi.
Leiam A ARTE DA PRUDÊNCIA(Baltasar Gracián).
Boa Sorte!

Anônimo disse...

DECRETO Nº 18.970, DE 19 DE MARÇO DE 2012. O GOVERNADOR DO ESTADO DE ALAGOAS, no uso da atribuição que lhe outorga o inciso XVI, do art. 107 da Constituição Estadual, tendo em vista o contido no Parecer PGE/PA – 00 – 917/2012, aprovado pelo Despacho SUB PGE/GAB n° 1461/2012, ambos da Procuradoria Geral do Estado, e o que mais consta do Processo Administrativo nº 1206-5740/2011, DECRETA: Art. 1º Fica reformado, por incapacidade definitiva para o serviço da PM/AL, o Soldado PM AGENÁRIO VELAMES DE ALMEIDA, matrícula nº 120.138-7, rematriculado com o nº 95569, com proventos proporcionais e equivalentes ao subsídio de sua graduação, para a faixa de tempo de serviço de 10 (dez) anos, de acordo com os artigos 53, 54, III, 55, V e 56, IV da Lei Estadual nº 5.346, de 26 de maio de 1992, observando-se o sistema remuneratório sob a forma de subsídio. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. PALÁCIO REPÚBLICA DOS PALMARES, em Maceió, 19 de março de 2012, 196º da Emancipação Política e 124º da República. TEOTONIO VILELA FILHO Governador

Veja o que diz os artigos 53, 54, III, 55, V e 56, IV da Lei Estadual nº 5.346, de 26 de maio de 1992:

Art. 53. A passagem do policial militar para a situação de inatividade, mediante reforma, se efetua ex-offício.

Art. 54. A reforma de que trata o artigo anterior será aplicada ao policial militar que:
III - estiver agregado dentro de um período de 36 (trinta e seis) meses, por ter sido julgado incapaz temporariamente para o serviço da Polícia Militar por espaço de tempo superior a 18 (dezoito) meses, contínuos ou não, mediante homologação da junta policial militar de saúde, ainda que se trate de moléstia curável; (Redação dada pela Lei nº 5.358, de 01.07.1992, Art. 1º, VII)

Art. 55. A incapacidade definitiva pode sobrevir em conseqüência de:
V - acidente ou doença, moléstia ou enfermidade sem relação de causa e efeito com o serviço.

Art. 56. O policial militar da ativa, julgado incapaz definitivamente, por um dos motivos constantes nos incisos do artigo 55, será reformado obedecendo os seguintes critérios:
IV - quando a doença, moléstia ou enfermidade não tiver relação de causa ou efeito com o serviço, e o policial militar não for considerado inválido, terá direito a proventos proporcionais ao seu tempo de serviço;

Diante do exposto, pergunta-se: onde está escrito que a reforma do referido SDPM decorreu de PROBLEMAS PSIQUIÁTRICOS?

Por fim, ainda que de fato a aposentadoria ocorra por "problema psiquiátricos", cabe a aplicação do seguinte artigo:

Art. 57. O policial militar reformado por incapacidade definitiva, que for julgado apto em inspeção ou junta superior de saúde, em grau de recurso, poderá retornar ao serviço ativo.
Parágrafo Único - O retorno ao serviço ativo somente ocorrerá se o tempo decorrido na situação de reformado não ultrapassar dois (02) anos, e se processará na conformidade com o previsto para o excedente.

Mas digamos que o cara "pirou", ficou "doido": tem concursos de tribunais com vagas para portadores de problemas mentais cuja remuneração inicial é de 4 mil técnico, e 6 mil assessor.

Cara, vocês parecem que só enxergam "ser polícia", "portar arma", "concurso público". Gente, existe um mundo lá fora, onde os servidores públicos não passam de meros empregados públicos, e mal remunerados por sinal. Tem tanta gente pedido baixa da PMAL, que sair da polícia para conquistar um bom emprego e ter qualidade de vida, e com uns trocados do estado, chega ser um lucro sem comparações.

Por fim, só mais uma observação: sejamos sinceros, no fim de tudo, em relação ao SDPM Velames e a PMAL, quem mais saiu perdendo? Seja lá quem for, eu que pedi baixa e não sinto nenhuma falta é que não fui.

Anônimo disse...

Diante do exposto, pergunta-se: onde está escrito que a reforma do referido SDPM decorreu de PROBLEMAS PSIQUIÁTRICOS?

Fiz o comentário baseado na hipótese da reforma por problemas psiquiátricos, se foi reformado por outro motivo desconsidere o que escrevi.
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Entendeu? Ou é preciso desenhar?

Anônimo disse...

Em termos de EMPREGO PÚBLICO Velames se deu mal, pois foi PROPORCIONALMENTE ou seja está recebendo 1/3 do salário ou seja pouco mais de R$ 750,00 . Velames se deu mal pois continua a falar da PMAL e sequer recebe salário INTEGRAL. Nem a Bahia, seu Estado natural o quer, pois está formado em Direito e poderia retornar a sua terra natal POR CIMA, mais pelo jeito sua única COMPETENCIA é bater de frente contra a PMAL, não tem o RESPEITO DOS COLEGAS e é MAL VISTO PELA SOCIEDADE, é Velames, você é um exemplo da BURRICE, POIS VOCE TERIA SE DADO BEM SE FOSSE REFORMADO POR INVALIDEZ ai sim voce receberia INTEGRAL. Fale o que quiser, mais que voce perdeu mais que ganhou isso está muito claro e evidente. Seu problema é que sua arrogancia precede sua inteligencia, daí comete burrices, pois acha que está acima de todos, como por exemplo o Sd ALDO que achou que só ele era INTELIGENTE E DESENROLADO e terminou tendo que PEDIR BAIXA AS PRESSAS para não ser PRESO pois estava ADVOGANDO sendo Policial Militar, o que é terminantemente PROIBIDO pelas regras da Corporação e por Lei. AInda está correndo risco de perder a OAB, foi outro que PERDEU MAIS QUE GANHOU e depois fica metendo o PAU na Polícia. Me orgulho de ser soldado da polícia militar, não me orgulho da falta de companheirismo e união que pdoeria transformar nossa realidade em uma realidade mais justa, com escalas justas e descanso de acordo com a LEI.

Anônimo disse...

Olá amigos,

O que você acha de bom nos outros está também em você. Os defeitos que você acha nos outros são os seus defeitos também. Afinal, para reconhecer algo, você tem que conhecê-lo.

As potencialidades que você vê nos outros são possíveis também para você. A beleza que você vê ao seu redor é sua beleza.

A todos desejo uma semana de grandes atitudes!

Anônimo disse...

Pois é, que eu saiba o Verlame não é adevogado, e sim bacharé, tento tomado pau no inzame de orde.

Instuda Verlame, instuda

Anônimo disse...

MAS QUE CARA DE VIADO TEM ESSE AÍ,NÃO?

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver