Os desmandos de um perverso ditador

Os quase um ano e meio sob o comando de Dário, o César, na segurança pública fizeram do Estado de Alagoas um lugar muito mais ameaçador para quem vive nele – e para quem efetivamente trabalha na segurança pública.
É consenso, tanto entre as polícias quanto as práticas de censura e dominação do inescrupuloso dono da cadeira (que já foi do competente Paulo Rubim), que além das práticas de desvios financeiros e benefícios em forma de diárias, estão tornando a coisa pública um verdadeiro quintal de interesses escusos.
Uma das táticas do ignóbil líder – que tenta permanecer no cargo a todo custo – é o controle sobre todos os meios de informação possíveis, tanto no âmbito privado quanto – e principalmente – nos meios de divulgação públicos.
“Trabalho há vários anos na imprensa deste Estado e jamais vi e nem vivenciei situação como esta. Por meses, acho que quase um ano, o secretário e seus apoiadores construíram um sistema que ameaça e pune qualquer miliciano que interferir em sua agenda de terror”. Comenta “M”, um repórter de um grande periódico caeté que prefere permanecer no anonimato.
Segundo o repórter, os assessores de Dário procuram inserir na imprensa de Alagoas quaisquer notas que evidenciem uma inexistente supremacia do trabalho da cúpula e do sucesso inexistente do atual plano de segurança – inclusive sendo grosseiros quando da divulgação de matérias que lhes são desfavoráveis.
Prova disso é a perseguição a qualquer crítico do governo. Há oficiais com mais de duas décadas de serviços prestados à corporação que estão submissos ao Conselho de Justificação. “Os coronéis tendem a tomar decisões favoráveis ao regime opressor ou a se autocensurar quando não querem comprometer a carreira”, disse ao Briosa em Foco esse mesmo repórter.
Infelizmente, para permanecerem nos cargos comissionados, boa parte dos seguidores de Dário aprovam estas práticas. “A pressão do Gabinete da SEDS sobre os bons oficiais da corporação é total”, lamenta um jovem oficial da “oposição”.


23 comentários :

Anônimo disse...

porque a policia civil que é subsidio igual a Pm, recebem adicional noturno, e nos pms nao recebemos?

Anônimo disse...

Dário, seu otário, vá pra casa do c...

Anônimo disse...

A guerra só existe entre policiais militares, não se vê nada do bombeiro, eles são unidos. Um reino que luta contra seu próprio reino cai na ruína. representantes das associações e da caixa beneficente, sr. sandro, sgt deolindo, sd ítalo, sd velames, sd abdi, sd sergio augusto, cb alexandre da assessoria do tj, sd joubert, sd c silva, sd luiz alves, sd amancio, sd filipe nóbrega da rp dono da lan house do preto em paripueira e da academia de lá (p2 caia em cima das máquinas dele), sgt castro que dizem fofoqueiro da peste que tem a língua maior que o proprio penis (chamam de pintinho amarelinho e passou de levar um processo do sd da guia por difamação e injúria), sgt isaac que vive de lts, sd francisco mourão, sd trindade, sd german, sd luana, sd luciana, e demais, esse blogue está sendo investigado pela polícia federal e os ips sendo salvos. vai ser questão de tempo encontrarem os responsáveis que são militares pq não vai adiantar tentar jogar responsabilidade para pessoas civis não. A casa vai cair. E o pior não é responder tco ou processo penal e cível não, pior é enfrentar os homens e mulheres de bem que foram ofendidos por vocês. Será que apenas caneta resolve???... onde esse militar trabalha está passando de ter uma renovação geral para desarticular o grupo de 'revoltosos' que vem se levantando. Comandante, espalhe esse povo! Abra do olho! Transfere eles para não chorar o leite derramado depois. Só semeiam o mal, se divertem com a desgraça dos outros, vivem na merda e não aprendem. Blogue nojento!!! Se o militar tentar suicídio a culpa será de vcs, já existe a denuncia na pf, e a quebra de sigilo de ip já está sendo trabalhada. Continuem usando que é bom! Passem mais horas plugados! Tem outra matéria de fofoca não aí? a responsabilidade só tá aumentando e a queda será maior. O que vcs fizeram se assemelha a quebra de sigilo de uma correspondência e é crime. Aguardem! Vou postar no email de vcs alguns podres que tenho 'conhecimento sobre o que vcs já fizeram inclusive com vídeo e fotos comprometedoras e quero ver se vcs irão divulgar achando graça. Pimenta no cu dos outros é refresco. Continuem com essa matéria do 'robocop' que foi bonzinho pra vcs.

Anônimo disse...

Tenente FEM do comentário acima:

Vá trabalhar e deixe de passar a noite dormindo no seus serviços de supervisora, parapuêra agradece.

Vá caçar o que fazer, mule desocupada da gota.

Anônimo disse...

denunciem para ajudar ao companheiro mandando email para crime.internet@dpf.gov.br constando o link da postagem do 'robocop'. Ele poderá perder a farda e se encontra muito mal.

Anônimo disse...

rapaz, sou é muito macho, ao comentário acima, fui eu que postei, sou tenente não. Mas seja homem e assine! venha me enfrentar seu porra! Isso e coisa de Paripueira mesmo. Efetivo peste!

Anônimo disse...

denunciem esse blogue mandando email para crime.internet@dpf.gov.br com os links que lhe vitimaram ou ofenderam alguém.

Anônimo disse...

Licitação revela gasto milionário do Estado com alimentação de presos: R$ 7,2 milhões por ano

Quatro refeições por dia e um gasto milionário para o Estado. É dessa forma que se pode resumir em apenas uma frase a fortuna que Alagoas gasta para alimentar homens e mulheres que estão presos pela prática de crimes no estado. Uma licitação publicada na edição desta terça-feira (24) no Diário Oficial revela cifras gigantes para a aquisição de comida apenas para completar a despensa dos presídios alagoanos.

A licitação chama atenção não apenas pelos valores, mas pela quantidade de produtos comprados para alimentar os presos. O total de R$ 2,1 milhões publicado no Diário Oficial para completar a despensa dos presídios está bem longe do valor gasto todos os meses. Segundo o coronel Carlos Luna, superintende de Administração Penitenciária (Sgap), todos os meses, somente com comida, o Estado desembolsa cerca de R$ 600 mil, o que chega ao valor anual de R$ 7,2 milhões.

Questionado sobre o valor milionário da licitação, Luna enfatizou que ela é apenas uma complementação, já que nem todos os produtos foram comprados pela agência estadual responsável por todas as compras para os órgãos estaduais. "O valor é bem maior que esse. Cabe ressaltar que o gasto ali mensurado é apenas com alimentação. Não está incluso o gás e outros valores que são necessários para o preparo das refeições", explicou.

Os presídios alagoanos abrigam hoje cerca de 2,5 mil presos condenados e provisórios que fazem quatro refeições por dia. A média de gasto diário com a alimentação fica em R$ 7,50 por detento, valor que ainda é considerado baixo, conforme ressalta Carlos Luna: "Nem restaurante popular é esse preço".

Mas para qualquer dona de casa, os valores gastos com a alimentação dispostos na licitação são espantosos. Para se ter uma ideia, somente com refresco em pó foram gastos R$ 106,5 mil, usados para a compra de 26,4 mil quilos do produto. Além disso, para comprar as embalagens de alumínio onde são servidas as refeições, foram gastos R$ 248,2 mil.

Para a compra de 60 mil quilos de peixe, cujo prazo de validade expira em seis meses, serão pagos R$ 747,6 mil. Para a compra de 30 mil quilos de salsicha tipo hot dog, são precisos R$ 89,9 mil. Com óleo, o gasto é de R$ 109 mil, enquanto que com que com queijo muçarela, R$ 81 mil.
A lista de compras ainda conta com itens como café, que custa R$ 114,9 mil; margarina, R$ 65,6 mil; ovos, R$ 67 mil; macarrão, 71,9 mil e leite R$ 61,7 mil.

A licitação foi vencida por três empresas que terão de entregar produtos com a validade mínima de seis meses.

Carlos Luna enfatizou, ainda, que não cabe ao Estado discutir o gasto com a alimentação de presos, mas apenas buscar adquirir produtos de qualidade e a baixo custo. "O direito à alimentação dos detentos está previsto em lei e tem que ser cumprido", frisou.

Anônimo disse...

AOS COMPANHEIROS QUE FALARAM SOBRE A POLÍCIA FEDERAL...

1º A COMPETÊNCIA DA PF É DE CRIMES DE ABRANGENCIA DE MAIS DE UM ESTADO OU QUE DIGAM RESPEITO AOS INTERESSES DA UNIÃO.

2º CALÚNIA E DIFAMAÇÃO, "COISAS" QUE ESSE BLOG FAZ E "MUITO BEM", SÃO CRIMES QUE NÃO ENSEJAM A QUEBRA DO SIGILO DE COMUNICAÇÕES.

3º MAIS DE UM ANO E MEIO E ATÉ AGORA NINGUÉM CHEGOU AO(S) VERDADEIRO(S) AUTOR(ES) DO BLOG, E VOCÊ ACHA QUE VÃO DESCOBRIR AGORA?

4º MUITO "INTERESSANTE" QUE NO 3º COMENTÁRIO SOMENTE SEJA FEITO MENÇÃO A PRAÇAS... COMO SE NÃO TIVESSE NENHUM OFICIAL POR TRÁS DESSA PÁGINA.

5º QUANTO AOS IP'S, SE A CASA "CAIR", CAI ATÉ PARA OS COMENTARISTAS. LOGO...

Anônimo disse...

Azar o dele se perder a farda, quem mando bate punheta de farda? agora aguente, macho.

Anônimo disse...

tadinho do guerreiro gay. na hora da bronha botou pra empenar, agora está muito mal. au au au, animal...

Anônimo disse...

denunciem esse blogue mandando email para crime.internet@dpf.gov.br com os links que lhe vitimaram ou ofenderam alguém... ou vão pessoalmente na sede da pf pra formalizar. Procurem a defensoria pública que esse comentário do contra é balela pra tirar de tempo quem foi vítima.

Anônimo disse...

EU QUERIA SABER O SEGUINTE: POR QUE NINGUÉM CRITICA O SITE GAY QUE ATÉ AGORA ESTÁ COM O VÍDEO DO GUERREIRO GAY? O BEF SÓ TROUXE A INFORMAÇÃO E COLOCOU UM LINK DE ACESSO.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Que nada vei, quem fez merda foi ele, os cara so fizeram postar o link.

Bronheiro safado kakakakaka

Soldado Pfem Ana disse...

Queridos, quem for fazer algum tipo de denúncia à PF ou qualquer outro órgão, aproveita e clica na foto do Ministério Público que está na nossa coluna lateral, pois lá tem um link de acesso a uma página de denúncias online do MP.

Caso vocês fiquem com receio de clicar na foto, o link é:


http://web.mp.al.gov.br/v2/index.php?option=com_ckforms&view=ckforms&id=3&Itemid=113

Temos mais é que denunciar mesmo disse...

Viatura, arma e colete: um trinômio insuficiente
seg, 23 jul 2012 | Categoria: Opinião | Autor: Danillo Ferreira

Há entre alguns policiais, em todos os escalões hierárquicos, certo entendimento de que os problemas sociais de responsabilidade da polícia são tal qual uma receita de bolo, que exige apenas três ingredientes para serem solucionados: viatura, arma e colete. Para estes arautos, não há outro insumo que garanta eficácia ou eficiência às atividades policiais – basta colocar o policial na rua munido destes três itens e então a polícia terá feito o que lhe compete, eis tudo.

Policiais que somos, devemos desconfiar sempre do que se vê, de modo que defesas deste tipo, embora ao primeiro golpe de vista nos pareçam ingênuas e pouco refletidas, são, ao contrário, maldosas e convenientemente “preguiçosas”. Ora, se apenas “viatura, arma e colete” como “política” de segurança pública vem sendo um desastre em termos empíricos pelo Brasil afora, é de se estranhar que continuemos insistindo na exclusividade deste paradigma.

Não se quer aqui afirmar que todo policiamento deve ser feito a pé, ou que os policiais devam andar desarmados e sem coletes a prova de bala: este seria o argumento pouco criativo dos opositores ao que apontamos neste texto. Trata-se de ampliar as possibilidades de atuação, ou melhor, de praticar o que deveria ser fundamento e é tratado como acessório, fazendo com que o secundário assuma seu justo lugar. Antes da viatura, do colete e do armamento, três pontos devem ser sustentados por qualquer lógica de atuação policial:


1. O preparo do policial
Em que condições estão os policiais embarcados nas viaturas? Qual aptidão possuem para manusear seus equipamentos? A que cultura organizacional estão submetidos? Trabalham motivados, valorizados e respeitados? São capazes de solucionar problemas de terceiros através de medidas razoáveis? E seus problemas, como andam? São bem formados? Questões que devem ser respondidas anteriormente a qualquer possibilidade de execução do policiamento.

2. A “manipulação” do cidadão como agente colaborador
Sim, este ponto se refere ao conceito de polícia voltada para a resolução de conflitos, para a aproximação e interação com o cidadão. Isto se consegue com convivência, relacionamento e experiências de empatia entre os cidadãos e os policiais. Como conseguir isto com policiais encastelados em suas viaturas velozes – tão úteis a outros objetivos (perseguições, socorros…), mas aparentemente prejudiciais neste caso?

3. A aquisição de informação
Informação é prioridade para a prevenção e/ou repressão qualificada ao crime. Uma central de monitoramento por câmeras vê mais que um bom número de policiais embarcados em viatura, embora não os substitua na ostensividade preventiva. Bancos de dados com informações criminais acessíveis durante o trabalho de rua evitaria muitos transtornos. Comunicação eficiente durante o serviço garantiria maior articulação em várias ações. Por fim, o cidadão bem relacionado com a polícia é quase um policial no sentido de produção de boas informações para a própria polícia.

Mas, como dissemos, a equação que vivemos está invertida: estas cruciais preocupações são quase sempre postas como uma espécie de enfeite político, algo que garanta uma boa foto para a campanha eleitoreira. Mente a corporação policial brasileira que afirma ter priorizado tais elementos, e colocado aquele trinômio no seu devido lugar – apenas uma possibilidade de outras tantas necessárias e úteis para se desenvolver policiamento.

Comprar arma, colete e viatura exige pouco esforço político – trata-se apenas de questão financeira. É, para os governos, o menos custoso; aquilo que aparece, e é assimilado pela população como manifestação da preocupação dos governantes. Como quase nada do que citamos acima garante, à primeira vista, o volume das grandes aquisições de material, a tendência é que nossos políticos (policiais ou não) continuem a afirmar: colete, viatura e arma!

Anônimo disse...

Amigos do Briosa em Foco, demais comentarias...

Façam uma reflexão sobre essa compra desesperada de alimentos para os presídios e compare com o nosso rancho de cada dia, pois os malas até queijo mussarela e leite de coco tem.

Isso é uma Vergonha só comemos frango e quando varia é galinha, nem tempero tem para fazer a comida quanto mais fazer munguzá como querem para esses detentos.

Obrigado!!!

http://cadaminuto.com.br/noticia/2012/07/24/estado-gasta-mais-de-r-2-milhoes-em-aquisicao-de-comida-para-presidios

EX-INTEGRANTE DO GRUPO DE AÇÕES RÁPIDAS disse...

NO COMEÇO DE DEZEMBRO DO ANO PASSADO A VIGILÂNCIA SANITÁRIA FOI NO 4º BPM, O CORONEL E O MAJOR NAO TAVA LÁ COMO É DE COSTUME E SÓ ESTAVA O P1, O CAPITAO FORTES, QUE É UM OFICIAO JUSTO QUE AJUDA OS PRAÇAS QUANDO OS PRAÇAS PRECISAM.

O CAPITAO AUTORIZAOU A VIGILANCIA SANITÁRIA A ENTRAR NO BATALHÃO, ONDE OS BANHEIROS ESTAVAM IMUNDOS, E A COZINHA FOI INTERDITADA, POIS TAVA VAZANDO ÁGUA DO BANHEIRO NO TETO DO REFEITORIO ALÉM DO FATO DAS CARNES ESTAREM EM BALDES NO CHAO, E POR AI VAI...

SABENDO DO FATO, O CORONEL DEU UMA PRISAO ADMINISTRATIVA NO CAPITAO E MANDOU TRANSFERI O COITADO, SO PORQUE ELE AUTORIZOU A ENTRADA DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA.

MORAL DA HISTÓRIA: TUDO AINDA CONTINUA COMO ANTES NO 4º BPM, E EM COMPARAÇÃO AO QUE É GASTO COM A ALIMEBNTÇÃO DOS PRESOS, PERCEBE-SE QUE OS MARGINAL (QUE AINDA TEM DIREITO A AUXÍLIO RECLUSÃO E AO TRABALHO, MESMO ESTANDO PRESO), TEM MAIS DIREITO QUE NÓS, POLICIAIS MILITARES, CUMPRIDORES DAS NOSSAS OBRIGAÇÕES E DOS NOSSOS DEVERES.

Anônimo disse...

denunciem esse blog mesmo e não se preocupem não. Vcs ACHAM MSMO Q OS COMENTARISTAS CAEM JUNTO? MEU DEUS NUNK Q A POLÍCIA FEDERAL VAI PASSAR TANTO TMPO LOCALIZANDO OS COMENTARISTAS. SÃO TANTOS Q SERIA PERDA D TEMPO ATÉ PQ O Q INTERESSA P ELES EH ENCONTRAR OS RESPONSÁVEIS PELO BLOG E ACABAR LOGO C ESSES IDIOTAS OFICIAIS E PRAÇAS. mAS EH BOM P VCS VEREM COMO ELES ESTAM PREOCUPADOS. ESSA EH A PROVA D Q ELES USAM OS COMENTARISTAS P VER O CIRCO PEGAR FOGO. POR ISSO CUIDADO, MUITO CUIDADO C O Q ESCREVEM AKI. NO FINAL DAS CONTAS ELES VÃO EH KERER JOGAR P CIMA D TODO MUNDO. ALÉM D TUDO SÃO COVARDES.

Seu Bronhinha, o ponhetero do agreste disse...

ô seu autaru:

Se ate agora ninguem descobriu quem é, vaise agora que vao discubrir.
Deixe de ser autaro seu bronheiro, bateu bronha com a farda? eu acho é tome. Tome mermo uma expulsao pra quebra teu galho.

Va trabaia no comerssio e bate suas bronha na loja, vestido de entregador de agua, bronheiro.

é cada uma que eu vejo. o cara bate as bronha dele expondo a corporacao e quer butar os cara contra esse blogui. Sai dai carnica ponhetero da peste

Eu acho é tooooooooooooooooooooooooooooooomeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

Sd Hailton disse...

Guerreiro, não vai ser atacando o blog que vc vai resolver sua situação, aconselho-o que se concentre agora na sua defesa, procure logo um advogado para garantir uma defesa técnica no caso de ser notificado, procure tbm se aconselhar com colegas que tenham algum conhecimento jurídico e verá que eles conhecem mais da legislação da PMAL que muitos causídicos, enfim, dedique todo seu tempo a defender sua farda pq situação não tá nada fácil.

Boa sorte!

fabio disse...

Sd Fabyonney disse: Meus irmãos briosianos.
primeiramente concordo com meu amigo Sd Hailton.
segundo com essa denuncia (robocop gay) O BLOG FOI FORTE DEMAIS, quero acreditar e acho que foi um aviso. "A melhor defesa não é o ataque mas aquela que o indisponibiliza-o com folga". CAVALO DE TROIA.

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver