BBD - Big Brother Dadá

Ladroagens, falcatruas, picaretagens, desvios...
Está cada dia mais provado, com a sucessão de escândalos, que o secretário Dário, o Cesar – ou melhor dizendo: “o Ali Dadá e seus ladrões da SEDS” – estão interessados em uma única coisa: LESAR OS COFRES PÚBLICOS O QUANTO PUDER. Para isto, tornou-se o chefe de esquemas fraudulentos e criminosos, que reúnem desde fraudes na aquisição de gêneros alimentícios, fraudes contratuais na locação de viaturas policiais, passando pela compra superfaturada de módulos de segurança para os presídios (que não suportam uma simplória “pesada” de um preso mais robusto) e culminando com o acúmulo de remunerações no Estado que beiram os R$ 30.000,00 reais.
Ainda é pouco para “Ali Dadá”.
A mais nova do larápio: a compra superfaturada de 77 câmeras de segurança para “monitorarem” a cidade de Maceió.
Confiram a reportagem consignada pelo repórter Odilon Rios, do portal reporteralagoas.com.br:
Brasil Mais Seguro: Com indício de fraudes, licitação para compra de câmeras em Maceió vira guerra na Justiça
Odilon Rios • 24 de setembro de 2012
A instalação de 77 câmeras em Maceió, de responsabilidade do Governo Estadual mas integrando ações do plano Brasil Mais Seguro- tocado pela União- virou uma disputa judicial entre uma das empresas derrotadas na licitação, a Avantia Tecnologia e Engenharia S/A, e a Procuradoria Geral do Estado.
As câmeras serão colocadas em Maceió pela Eyes Nwhere Sistemas Inteligentes de Imagem Ltda. As 77 câmeras vão custar exatos R$ 9.547.288,00. R$ 123.990 por equipamento. A proposta é que elas possam ajudar no combate à violência na capital alagoana- a terceira cidade que mais mata no mundo.
Pelo menos por enquanto, a PGE está em vantagem na briga judicial. No dia 3 de julho, a procuradoria conseguiu suspender os efeitos de uma liminar em uma decisão do dia 18 de junho, assinada pelo juiz Manoel Cavalcante.
A história
A Avantia Tecnologia e Engenharia S/A reclama que não teve acesso a dados da proposta da Eyes Nwhere Sistemas Inteligentes de Imagem LTDA. Isso deveria, conforme a defesa da empresa, ter acontecido em uma das fases do pregão.
Três empresas concorreram. Além das duas, a WKA Empreendimentos Eletrônico LTDA. O pregoeiro descartou a WKA da disputa por “não atendimento às exigências habilitatórias por parte da respectiva licitante”. Isso aconteceu no dia 25 de maio.
O pregão foi suspenso por cinco dias para a análise da proposta da Eyes Nwhere Sistemas Inteligentes de Imagem Ltda.
Em 30 de maio, é aberto o pregão e anunciado que a empresa havia enviado a documentação. Nova suspensão da sessão, retomada dois dias depois.
Em 1º de junho, o pregoeiro registrou a vitória da empresa. O detalhe é que a Avantia Tecnologia e Engenharia S/A solicitou a documentação e a proposta da Eyes Nwhere para análise nas duas suspensões do pregão. Não houve resposta.
A Avantia acusa a Eyes, a vencedora da licitação para as câmeras em Maceió, de não atender as exigências do edital na proposta nem nos documentos de habilitação.
A partir daí, veio a batalha judicial. Dia 18 de junho: o juiz Manoel Cavalcante- da 18ª Vara Cível da Capital- alega que a Avantia tem o direito de acessar os autos da proposta apresentada pela rival.
“Percebe-se, assim, que o transcurso do procedimento afronta os princípios do contraditório e do devido processo legal administrativo, uma vez que, pelos documentos carreados, não foi facultado ao impetrante a possibilidade de interferir no resultado do processo”, diz o juiz, determinando a suspensão da licitação.
A batalha continuou. Em 3 de julho, em nova decisão, a 18ª Vara suspendeu a liminar do juiz Manoel Cavalcante, aceitando os argumentos da Procuradoria Geral do Estado- a defesa do Governo: se a licitação fosse suspensa haveria uma “séria ameaça à preservação da segurança pública”, considerando que Alagoas “lidera o ranking da violência no País”. Diz que a Avantia- a empresa perdedora do pregão- apresentou uma proposta meio milhão de reais maior que a vencedora do pregão, a Eyes Nwhere.
A Avantia recorreu ao Tribunal de Justiça.
No dia 19 de julho, o presidente do TJ, desembargador Sebastião Costa Filho, pediu ao Ministério Público que se manifestasse a respeito do caso.
Os autos estão no MP aguardando uma definição.
Brasil “Mais Seguro”
Nas várias ações do Plano Brasil Mais Seguro, em Alagoas, a instalação das 77 câmeras em pontos considerados violentos servem, de acordo com o Governo, para dar uma “resposta rápida” às forças de segurança.
O plano tem ações que duram até dezembro deste ano. Incluem reforços nos dois IMLs do Estado, que deverão receber, duas câmaras frias, três mesas ginecológicas, cinco maletas para vestígios capilares e um microscópio eletrônico de varredura.
Estes equipamentos, ao custo total de R$ 623,1 mil, serão pagos pela Secretaria Nacional de Segurança Pública.
O Governo do Estado vai bancar o carro, máquinas fotográficas, computadores, balanças e trenas, que somam R$ 2,1 milhões.
Há ainda uma força tarefa da Defensoria Pública no sistema prisional, que pretende, até o dia 31 de dezembro, instalar núcleos de justiça comunitária nos bairros Vergel do Lago e Clima Bom, ao custo de R$ 450 mil; e comprar 203 pistolas, 107 viaturas, um furgão, 30 motos, munições, espargidor e granadas de efeito moral. As novas ações serão bancadas pela Secretaria Nacional de Segurança Pública.
Em pequeno resumo, leitores: Dário César, com a ajuda do pregoeiro estadual, está fraudando o erário em, pelo menos, meio milhão de reais, bancando ilegalmente uma proposta mais onerosa ao Estado; provavelmente para receberem “um por baixo” nesta “negociação”.
A proposta é tão lesiva ao Estado que, apenas a título de exemplo, cada câmera sairia a R$ 127.000,00 reais – preço dez vezes maior do que o praticado pela empresa que vende a mais moderna filmadora do mesmo porte.


Com a palavra o MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL, que já está com os autos da ação em curso em carga para manifestação.



8 comentários :

Anônimo disse...

oh estado para gostar de corrupito, isso é uma vergoonha para a adm. publica, contudo apenas um tentaculo de dada, o nome ja esta dizendo dar ia cesar, o que é cesar. dinheiro só falta a sua cara na nota de R$.100 reais. IA FICAR LINDA, COMO DADA MARAVILHA.

Anônimo disse...

EITA ESTADO DESMORALIZADO,OU SERIA EITA PROVINCIA DESMORALIZADA ESSA DE ALAGOAS,TUDO PODE TODOS ROUBAM,A JUSTIÇA POR MAIS QUE SE DENUNCIE É CEGA,ISSO SÓ ACONTECE EM ALAGOAS,QUE VERGONHA EU TENHO DE SER ALAGOANO.

Anônimo disse...

corrup-I-to é péssimo, é muita corrupção por este e outros tantos motivos, mas o maior é a cultura ou a falta de cultura.

DisCRENTE disse...

Alguém aí ainda confia no 'MISTÉRIO' Público? Esqueceram que tem uma assessoria militar enfiada lá dentro pra defender os interesses do Executivo e do Dário? Aposto que o 'MISTÉRIO' Público vai dar de ombros. Agora vejam só o argumento chulo do governo: "se a licitação fosse suspensa haveria uma “séria ameaça à preservação da segurança pública”, e o que é pior: UMA FALÁCIA DESSA NÃO CONVENCE NEM JUIZ DE BRIGA DE GALO, MAS 'CONVENCE' UM MAGISTRADO DO JUDICIÁRIO, QUE DEVE ACREDITAR TAMBÉM EM MAGIA NEGRA, CONTO DO VIGÁRIO, PAPAI NOEL. É MELHOR O JUIZ SER MAIS HOMEM E DIZER QUE DECIDIU PORQUE RECEBEU 'PRESSÃO' DO GOVERNO. "EYES", ai, ai, aí tem...

Anônimo disse...

SEMPRE É ASSIM, ESSA CORJA ASSALTA O ESTADO E NAO DÁ EM NADA, MAS SE FOSSE O PRAÇA? NOSSA, MANDA LOGO BOTAR NA CADEIA PARA SERVIR DE EXEMPLO.VEJA QUANTOS OFICIAIS FORAM PEGOS ROUBANDO E NAO DEU EM NADA!!!. A LEI É SÓ PARA O PEQUENO NESSA ALADROAS.

Anônimo disse...

PQ NA POLICIA SÓ ELOGIADO QUEM É DO SERVIÇO INTERNO, QUEM TRABALHA NA RUA É PAU

b) NP nº 074/2012-CPC - ELOGIO DE PRAÇA: O Comandante do CPC, no uso das atribuições
legais que lhe conferem o art. 11, inc. VII, art. 99, inc. I e art. 100, todos do RDPMAL, aprovado pelo
Decreto 37.042 de 06.11.1996, louva ao Sd PM nº 10387.06, Mat. 113527, MARCELO PEREIRA
NICOLAU, pelo excelente desempenho e dedicação nas atividades desenvolvidas como Rádio Operador
do Centro de Operações da PMAL. Policial militar abnegado, zeloso, possuidor de alto grau de iniciativa e
discernimento, que não mede esforços para o bom andamento do serviço, tornando-se referência para
seus superiores, pares e subordinados, sendo por dever de justiça, digno da presente menção elogiosa,
em caráter INDIVIDUAL.
c) NP nº 076/2012-CPC - ELOGIO DE PRAÇA: O Comandante do CPC, no uso das atribuições
legais que lhe conferem o art. 11, inc. VII, art. 99, inc. I e art. 100, todos do RDPMAL, aprovado pelo
Decreto 37.042 de 06.11.1996, louva a Sd PM nº 10446.06, Mat. 133033, THAYS OLIVEIRA DA SILVA,
pela dedicação nas atividades desenvolvidas como Rádio Operadora do Centro de Operações da PMAL.
Policial militar inteligente, centrada e zelosa, possuidora de alto grau de iniciativa e discernimento,
tornando-se referência para seus superiores, pares e subordinados, sendo por dever de justiça, digna da
presente menção elogiosa, em caráter INDIVIDUAL.

Anônimo disse...

Essa Corporacao e desmoralizada politicamente quanto as demais do pais, a PM de Sergipe deu um salto[pulo] quando elegeu um deputado estadual. Pesso aos senhores que fassam o mesmo, tentem eleger um vereador no dia 7de outubro e que sabe nas proximas eleger um deputado estadual ou um frderal que e a nossa meta para 2014. Quando falei em eleger verradores, tem que ser em todos os municipios, nao e so na capital. A proposito, eu leio diariamente esse blog e acredito que ja esta mais do que na hora de mudar a postagem e surgiro que comentem sobre o concurso que aconteceu hoje para ingresso na PMAl.

Anônimo disse...

Se vcs procurarem no site que exponho abaixo, vão ver o babão do Dário Cesar bem novinho ( parecendo um boneca) trabalhando pra esse bandido que sujou o nome de Alagoas e agora quer dar uma de bom moço. Resumindo: ele participou das trapalhadas de Collor e no mínimo, ele é conivente com essa sujeirada toda. Ele participou dessa quadrilha e hoje ainda é militar. Cadê o pundonor militar, a ética, a moral?
video/fernando-collor-apresenta-sua-visao-do-impeachment-sofrido-em-1992.php

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver