PM: LEVE 02 & PAGUE 01

A fórmula arrumada pelo governo – via PMAL – para protelar a realização de concursos para soldado é simplesmente criminosa.
Os policiais militares estão sendo usados para preencher os buracos no efetivo causados pela falta de novas contratações, porque o governador quer economizar na folha da PM pra poder gastar em setores mais “rentáveis” para a política sebosa de manter seu grupo no poder a qualquer custo.
Enquanto a gente se ferra nas desumanas escalas de 12x36 horas dentro de sucatas com rotativos e emblemas da PM, aguentando o saco de ter que abordar, ter que suportar o contato com maloqueiros, o calor, o sol, ou o sereno das noites, convivendo com o pior da sociedade, os coronéis fazem política de boa vizinhança com o governo, e tramam contra a tropa.
As escalas da PM são as mais apertadas de todas as secretarias, e a pior do sistema de segurança. Com um detalhe cruel: o serviço de policiamento ostensivo é o mais difícil e o mais penoso, justamente onde a escala deveria ser a melhor possível.
Por isso, o crápula do Batinga instituiu a escala de 12x36, e a gente cumpre como cordeirinhos, carregando nas costas a carga dos outros, e pagando pela falta de compromisso dessa governo chinfrim, que tá c... e andando para os direitos sociais da categoria miliciana.
É A “PROMOÇÃO” DA CRUELDADE: O GOVERNO DO ESTADO PAGA POR UM PM E LEVA DOIS. UM SAI DE GRAÇA.
Quando você entra na escala de viatura de 12x36, tá se multiplicando por outro, como se fosse um replicante; se quebra numa jornada de vigia, enquanto os políticos e alguns coronéis incham as contas bancárias e o patrimônio.
Se você é um dos que caiu na desgraça da escala de 12 por 36, já descobriu que não fica um fim de semana em casa com a família: ou você tá de serviço no sábado, ou tá no domingo. Não tem saída.
Viajar para um fim de semana de lazer, nem pensar. Se um parente seu adoecer e você precisar visitá-lo em outro Estado, ou mesmo no interior, esqueça, você tem que estar no quartel no outro dia, às 13h ou às 11, ou às 07h, dependendo da escala.
Mas o Batinga e o Comando acharam pouco, e inventaram a escala de 12 por 36 horas, modalidade “corujão”, de 13 a 01 hora da manhã. Essa escala foi dada como um “prêmio” do Batinga para a Rádio Patrulha, “reconhecimento” pela garra e pelo desempenho dos policiais da Casa do Pitbull. “Eles são bons. Eles aguentam”.
Você já parou para pensar nessa escala?
Você pega de 13 horas, tem que sair de casa pelo menos 11:30h, dependendo de onde mora e do meio de transporte, até mais cedo, atravessa o resto do dia em uma viatura, entra pela noite e larga no dia seguinte, de madrugada. Ou seja, você trabalha pelos três turnos de um dia de 24 horas.
Quando sai para trabalhar tá passando o “Mais você”, da Ana Maria Braga, e só volta depois do “Programa do Jô”. Quando você larga, 01 hora da matina (isso se não tiver um flagrante ou TCO na hora de largar), só vai conseguir dormir, no mínimo, lá pelas 3 horas (deslocamento para “desarmar” no quartel, deslocamento para a residência, distância desta para a unidade, meio de transporte).
Se, depois de 12 longas horas se ferrando na viatura (principalmente se você é o motorista), fazendo ocorrência, perseguindo, abordando, se estressando com a banda “podre” da cidade, correndo risco de morte e de acidentes, você tiver a sorte de conseguir dormir, vai acordar por volta do meio dia. Seu dia de “folga” já era. Sabe por quê? Porque esse dia de folga não existe. Você está sendo enganado.
E ainda pode piorar: se você é uma policial e tem filhos, ou é um marido que ajuda a esposa, ou seus filhos estudam pela manhã, você não vai poder dormir até mais tarde. Vai acumular sono e acordar cedo.
Por obra e graça dessa escala de animal de carga, você começa a ficar inquieto e estressado, e depois não consegue mais dormir. Vai virar um zumbi fardado, vai ter pressão alta, depressão, ansiedade e outros problemas de saúde, além dos problemas em casa com a família.
Coisas difíceis de entender
Não bastasse essa escala nojenta, se soma a ela o tratamento dado aos militares durante a execução do serviço, e as péssimas condições de trabalho.
Vejam algumas pérolas que a gente aguenta do comando:
a) Na escala da noite (de 13:00h a 01:00h), não tem alimentação, parece que ninguém vai sentir fome, pelo menos é assim que pensam os criadores dessa excrecência. Você tem que se virar para comer, ou então vai passar fome mesmo.
b) Quando o serviço é pelo dia, o COPOM, por “ordem do CPC”, não admite descanso depois do almoço. É para engolir e entrar na viatura. Não dá nem pra escovar os dentes, muito menos tomar um banho, mesmo considerando a nojeira e a falta de pias adequadas nos banheiros.
c) O motorista da viatura não tem descanso, um absurdo para o PM que precisa estar alerta, e em condições de dirigir bem. A qualquer momento pode surgir uma perseguição em alta velocidade.
e) Quando você passa de sua hora de trabalho, não tem compensação nenhuma. Mas se chega atrasado ao serviço, é repreendido e, talvez, até punido.
Na contramão e atropelando tudo
A Cúpula da PMAL é uma máquina de atropelar as leis, a lógica e o bom senso. Pra quem observa essa marcha-a-ré, parece que a corporação vive em outro país, ilhada, isolada, totalmente alheia à nossa realidade social e jurídica.
Tanto é assim, que enquanto o Congresso Nacional criou a chamada “Lei dos Motoristas”, a Lei nº 12.691/2012, para proteger tanto o motorista como as demais pessoas que podem ser lesadas se o condutor cometer erros por cansaço ou excesso de trabalho, o Comando da PMAL não quer enxergar o óbvio: dirigir uma viatura 12 horas seguidas, principalmente pela noite, além de desumano, coloca em risco as vidas dos policiais e de outras pessoas.
Observem o que dizem as leis e como os coronéis da PM conseguem ludibriar todo o sistema de controle das polícias, principalmente o omisso Ministério Público:
Lei 12.619/2012
DA CONDUÇÃO DE VEÍCULOS POR MOTORISTAS PROFISSIONAIS
Art. 67-A. É vedado ao motorista profissional, no exercício de sua profissão e na condução de veículo mencionado no inciso II do art. 105 deste Código, dirigir por mais de 4 (quatro) horas ininterruptas.
§ 1o Será observado intervalo mínimo de 30 (trinta) minutos para descanso a cada 4 (quatro) horas ininterruptas na condução de veículo referido no caput, sendo facultado o fracionamento do tempo de direção e do intervalo de descanso, desde que não completadas 4 (quatro) horas contínuas no exercício da condução.
É claro que a lei acima não é destinada aos militares. Mas se o Estado brasileiro, enquanto Estado social, tem a intenção política de disciplinar uma atividade profissional alheia aos seus quadros (motoristas do setor produtivo), seria ilógico, pelo princípio da analogia, não aplicar a mesma política aos seus policiais militares.
O Estado é um só. Alagoas não pode andar na contramão da União, ainda mais quando precisa tanto dos recursos federais para o setor de segurança.
Dirigir uma viatura de polícia não é brincadeira de criança. É tão perigoso quanto dirigir qualquer veículo de carga, ou transporte de substâncias perigosas.
Além do motorista, sofrem o mesmo processo os patrulheiros e comandantes das viaturas. O policial manuseia armas de fogo. 12 horas de serviço sem intervalo acabam com os reflexos de qualquer um e com o controle sobre o corpo. É uma roleta russa ambulante.
Pela culatra
O efeito e o resultado dessa exploração vergonhosa é um policial estafado, desestimulado e sem rendimento. Já é visível até no semblante dos soldados novatos de 2010 e também de 2011 a decepção, o cansaço e o sentimento de revolta com o que o Comando da PM está fazendo de suas vidas. Imagine quem tá passando dos vinte anos de serviço...
As autoridades de dentro e de fora dos muros dos quartéis não querem enxergar o fato de que todos os estudos realizados nessa área de jornada de trabalho versus produção indicam a necessidade de respeitar intervalos e jornadas razoáveis de trabalho:
Repouso durante jornada de trabalho melhora o rendimento
Pequenos intervalos para beber um cafezinho e uma água durante o horário de trabalho, ou até mesmo tirar um pequeno cochilo na hora do almoço são formas que podem contribuir para o rendimento do profissional. Especialistas afirmam que no decorrer do dia, os limites, tanto do corpo quanto da mente, precisam ser respeitados para que tenham energia suficiente e consigam desenvolver as demandas solicitadas.
Um exemplo de empresa que adotou essa medida foi a Construtora Emplavi disponibiliza a todos os funcionários um ambiente de descanso. Nele, é possível, no horário de almoço, relaxar, se confraternizar com os colegas e repor as energias para a segunda etapa do dia.
De acordo com Maria de Fátima Albuquerque, diretora de relações humanas, desde a implantação das paradas, o desempenho dos empregados melhorou tanto que há projetos para estabelecer intervalos fixos em outras instalações da companhia.
Fonte: www.administradores.com.br
“Arnaldo SUSSEKIND relata estudos em que, após oito horas de trabalho, o rendimento dos trabalhadores diminuía em quase 50% do rendimento normal e os acidentes do trabalho aumentavam.
Além disso, o art. 59, parágrafo segundo, da Consolidação das Leis do Trabalho prevê jornada máxima de dez horas nos casos de acordos de compensação constantes de instrumento coletivo, inexistindo previsão legal para jornadas de 12 horas.” (clique aqui)
Leia também as matérias relacionadas:
Denúncia de excesso de trabalho dos policiais leva deputados a traçar mapa da situação no país.” (clique aqui)
“Nível de Estresse de Policiais Militares” (clique aqui)
“Sobrecarga de trabalho afeta saúde de policiais no Rio de Janeiro – A análise verificou prevalência de sofrimento psíquico em 35,7% dos policiais militares do Rio de Janeiro.” (clique aqui)
Sabe qual é o resultado dessa irresponsabilidade do Comando da PMAL? O péssimo serviço que a Polícia Militar de Alagoas presta à população, conforme nos mostra o termômetro do crescimento alarmante da criminalidade.
Qual é o ser vivente e racional que aguenta ficar 30 anos de sua vida trabalhando em uma escala de serviço de 12 por 36 horas sem descanso, sobretudo se é pela noite? Essa perspectiva é assustadora. Desestimula qualquer policial militar, seja novo ou antigo. Se ele, policial, é novo, se desespera, se é antigo, conta os dias pra protocolar requerimento para a sonhada reserva.
Outros efeitos podem ser vistos a olho nu: recorde de licenças para tratamento de saúde física e mental, alcoolismo, desagregação social, dano moral, problemas na convivência com o ambiente familiar, entre outras coisas. É esse o resultado. Não tem outro.
Precisamos eleger um Deputado Estadual para representar os nossos interesses!

27 comentários :

Anônimo disse...

EU ACHO É TOME VOTEM NO 45 O CARA É BOM,E CONTINUEM DANDO A VIDA PELA PMAL O DÁDA EO CHEIRA PÓ DO GOVERNADOR AGRADECEM,E PRA ACABAR DE ARROMBAR COM TUDO VOTEM 45 BANDO DE BESTAS HUMANAS PARA DEP FEDERAL.

Anônimo disse...

O ENGRAÇADO É QUE PARA JUSTIFICAR O EMPREGO DA FORÇA NACIONAL AQUI, ELES ESTÃO FAZENDO O QUE A RP FAZIA, IR NAS DENUNCIAS ANONIMAS, AI HA HA HA A RP APARECIA COM APRENSÕES DE DROGAS AGORA É A FN. APARECE POR MEIO PRÓPRIOS NADA, TAMBÉM SÓ RONDA NA ORLA MARITIMA.

Anônimo disse...

SIMPLES, SIMPLES -> É só meter atestado psiquiatrico e passar, no mínimo, 90 dias em casa, depois trabalha seis meses e mais 90 dias de atestado psiquiatrico, quer escala melhor que esta? Faço isso a dois anos e tá funcionando que é uma beleza, tenho licença especial todo ano KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK, e ainda tiro férias, kkkkkkkkkkkkk são 4 meses em casa ao todo, kkkkkkkkkkkkkkk não vou morrer ou matar por esta polícia ordinária, que sempre melhora para pior, a cada comandante ruim, chega outro para piorar nossa situação e nosso estímulo. Usem a Lei, metam atestado psiquiatrico, é fácil, só dizer para o psiquiatra que não consegue dormir, que está tendo dor de cabeça frequente, que ta vendo seu comandante até no seu quarto lhe dando ordem, kkkkkkkkkkkkk, QUEM NÃO TE RESPEITA, NÃO MERECE RESPEITO NEM CONSIDERAÇÃO. Lembrem-se NOSSA SAÚDE VEM SEMPRE EM PRIMEIRO LUGAR.

Anônimo disse...

fácil fácil -> vai uns tres serviços com cheiro de cachaça (na boca e roupa), depois na outra semana toma uns goles valendo e espalha um pouco na roupa (mais forte dessa vez) e depois dá uma alteração como se estivesse embriagado (não vou entrar na viatura, por eemplo ), não podem te punir pois vc será considerado alcoolatra, depois vai com um responsavel por voce (esposa ou pais) a um psuqiatra e diz que bebe todo dia para aguentar o serviço, dai voce vai ficar em tratamento psiquiatrico por alcolismo - pura relação de causa e efeito com o trabalho - não vão poder fazer nada contra voce e ainda de brinde voce ganha uma esca filé, de serviço burocrático, usem a cabeça e usem a lei a favor de voces. Toda lei tem dois lados, os inteligentes usam ela a favor. Pô, tem que ensinar é? Vou começar a cobrar pelas aulas viu?

Anônimo disse...

Mole, Mole - > Começa a olhar fixo para um determinado ponto sem escutar ninguem, depois quando o oficial ou sargento gritar com voce fala com ele coo se nao tivesse ouvido ou feito nada, depois quando revistar alguem bate continencia para ele e pede desculpas, dai procura um psiquatra e pronto. Licença de tres meses todo ano. Voce vai ficar conhecido por problemas psicologicos e todo ano tira 90 dias, mais 30 de ferias, 4 meses livre da PMAL. Desenrola praça, manda esses comandantes para aquele lugar e pronto

Anônimo disse...

CORREÇÃOD DA MATÉRIA, PAGUE UM E LEVE NENHUM-> Muitos colegas estão ficando realmente doentes, com graves problemas de saúde derivado da carga negativa emocional sofrida na PMAL, temos colegas com problemas de coluna ( para quem não sabe mais de 60% dos casos de problemas de coluna são de origem emocional, pois a coluna vertebral tem centenas de enervações que se inflamam por estresse, por raivas, etc.), com problemas de pressão alta, com problemas de coração, com problemas psquiatricos, etc. que hoje estão afastados (AGREGADOS) tendo o estado que manter seus salários e após a reserva, promover e ainda indenizar os casos comprovado de relação causa e efeito laborativo, o que é fãcil de comprovar pelos exames médicos admissionais realizados após aprovação no concurso. Trabalho na DP e digo com total e plena convicção que hoje são cerca de 9% ( quase 400 PPMM) da tropa em atividade), um índice altíssimo e NÃO DIVULGADO PUBLICAMENTE, pois se divulgado iria gerar a atenção de todos, pois é um indice 4x maior que o tolerado pela OMS (Organização Mumdial de Saúde, maior até que empregos insalubres, como construção civil, por exemplo. São quase 400 PPMM sustentados pelo Estado, fora os que já estão na INATIVIDADE e recebendo também. Tudo POR CULPA DA FALTA DE ADMINISTRAÇÃO E FALTA DE HUMANIDADE dentro da PMAL. E mês a mês vejo estes números crescerem, com uma média mensal de 25 PPMM sendo agregados. Se contar as LTS de 30 dias apenas, este numeros chegam dobrar, ou seja, por mês falta um efetivo de 800 homens que estão afastados, um número abusrdo e sem comparação com nenhuma outra PM da Federação. OS DESMANDOS, A DESMOTIVAÇÃO, O TRABALHO ESCRAVO, O ASSÉDIO MORAL está destruindo a tropa e aumentando os CUSTOS DO ESTADO DE ALAGOAS, deixando o ESTADO MAIS AFUNDADO AINDA. A principal causa é uma GESTÃO INCOMPETENTE, QUE TEM POR OBJETIVO OPRIMIR SEU FUNCIONALISMO CAUSANDO ASSIM MAL ESTAR GERAL, GERANDO UM AMBIENTE COMPLETAMENTE INSALUBRE, COM GRAVES DANOS AOS TRABALHADORES QUE DESTA FORMA GERA PREJUIZOS. SE o Estado de Alagoas fosse uma empresa privada, já se teria se contratado um profissional especializado em GESTÃO DE PESSOAS, tendo por objetivo melhorar as condições de trabalho e assim evitar a FALÊNCIA por tantas indenizações pagas. Como é uma empresa pública, entregue as baratas, sem fiscalização adequada, com a corrupção espalhada nos três poderes, o que se vê é isso, centenas de funcionários afastados, ganhando seu dinheiro, e centenas de milhares de outros se lascando trabalhando em dobro por causa deles e que também vão ficar doentes e sobrecarregar mais outros, é uma bola de neve que nunca para de crescer, e o Estado se endividando cada vez mais e os políticos atuais cada vez mais ignorando os fatos, se enriquecendo e deixando o pobre Estado de Alagoas se afundar cada vez mais. Quem sair pro ultimo, apague a luz..... ou deixe acesa..... um prejuizo a mais não vai fazer diferença, para quem sequer liga para a vida de um ser humano....

Anônimo disse...

Parabéns BRIOSA pela excelente matéria, não queremos saber de fofocas, pois elas nunca resolveram nada, mais sim de matérias eloquentes, que falam de nossos interesses coletivos, mais uma vez parabéns pela brilhante matéria.

Anônimo disse...

O problema é que os nossos "representantes" que não representam nada, só lutam por coisas que beneficiam a eles, como por exemplo, os QUINQUÊNIOS, já que eles tem 20, 25 ou 30 anos de polícia e serão muito bem beneficiados e não lutam por ADICIONAL NOTURNO, PERICULOSIDADE E HORAS-EXTRAS, pois não receberiam nada, uma vez que não estão trabalhando na rua... Temos que lutar pra receber vantagens de acordo com a atividade fim da PMAL: serviço operacional ostensivo.

Anônimo disse...

PMAL sempre a serviço do MAL, sempre prejudicando, sempre humilhando, sempre detratando, sempre violando os direitos humanos, sempre sendo sebosa, sempre com comandantes mal caráter, sempre PMAL, a polícia do MAL.

Anônimo disse...

E ainda tem praça que quando falamos em AQUARTELAMENTO vai para o oficial entregar o companheiro, toma aí o que tu merece, por isso meto atestado e PQP.

Anônimo disse...

202 = establidade => macete macete macete macete macete macete macete macete macete macete macete macete e depois mais macete macete macete macete macete até dá uma dor. Trabalha 12x36 só quem é otário e babão.

Anônimo disse...

E o pior é que apesar dessa escala tem gente que chega uma hora antes e larga duas horas depois, isso sim é que é de lascar....

Anônimo disse...

Essa escala só está durando pq vcs são os culpados, ficam mostrando serviço dando resultados positivos fazendo com q quem criou de mais enfase p/ sua permanencia pelos seus resultados, criticam o tempo todo mas não tomam nenhuma atitude p/ resolver o problema, vcs tem o poder de mudança nas mão mas não faz valer desse poder então vivam como burro de carga de quem qer q seja! Boa sorte

Anônimo disse...

Otima materia!
Engraçado que em outros batalhões sem ser os de area (1º, 4º, 5º, 8º, RP e etc.) não é empregada essas escalas, nada contra outros batalhões (ex: BPA) ou seções (ex: 2ª seção).
Por isso que quando vejo um policial mais antigo que não quer ovo com o serviço eu não os critico e até entendo de onde vem tanta decepção e falta de estimulo para desempenhar suas funções.

Alguém que não refresca cu de pato disse...

Enquanto o Coronel Batinga ferra os militares subordinados ao CPC, alguns comandantes, a exemplo do corajoso e destemido Coronel Lucena, do alto da sua envergadura moral e funcional, corrigem as arbitrariedades anulando as punições a mando do CPC. A propósito, Coronel Gilmar (e Coronel Mario da Hora), publiquem aquelas 40 e poucas Reconsiderações de Ato que o Coronel Lucena deferiu. Senhores, não comprem os problemas do Major Hermes, deixem ele se ferrar sozinho - para deixar de ser babão e aprender a cumprir com os desígnios do seu cargo, conforme preceitua a LOB e as demais leis inerentes à vida castrense.

Anônimo disse...

infelismente so tem praça burro, q com toda essa pressao ainda vai pra rua com vibraçao, entao é aperto mesmo, qd os praças forem um pouco mais inteligente e aprederem com os oficiais, ai sim a coisa melhora, alguem ver um capitao dando sangue? nao . mas ver um monte de sargento besta, querendo aparece pros oficiais.

entao vibra ai nessa escala de virgia.

Anônimo disse...

Muito boa a materia! Estou nessa escala. Muito foda! Mas o cara tem q saber se sair do serviço...sem abordagem, sem PB, descanso de 3 horas...e deixar a marcha levar a vtr...

Anônimo disse...

Ó POLICIA MILITAR, ATÉ QUANDO ESTARÁS INJUSTIÇADA?
Por: » NILTON ROCHA – advogado. (gazeta de Alagoas)

As polícias militares do nosso País são forças vivas e autênticas que, ao longo dos anos, têm se posicionado na preservação da ordem pública e em outras oportunidades, quando convocadas, na defesa interna e externa do Brasil. Poderíamos cognominá-las, a exemplo do Chile e da Venezuela, como a 4ª Força Operacional. O desempenho desses órgãos militares é público e notório entre todos os brasileiros e brasileiras.

Depois deste preâmbulo é oportuno falarmos do quadro caótico porque passa a Polícia Militar das Alagoas no concernente à parte vencimental. Lembramos aos amigos leitores que na administração dos governadores Geraldo Bulhões e Luís Abílio, nossos militares recebiam salários dignos e justos. Dr. Luís Abílio, de saudosa memória, à época equiparou os vencimentos de coronel aos de delegado de polícia, com 35 anos de serviço no valor de R$ 11.500,00 (onze mil e quinhentos reais), levando em consideração a relevância das atividades dos profissionais em foco. Hoje, há uma disparidade tremenda entre o recebido por um coronel com relação ao delegado, com o tempo de serviço idêntico em questão; enquanto o primeiro percebe mensalmente bruto R$ 13.350,93 (treze mil trezentos e cinquenta reais e noventa e três centavos), o segundo alcança até R$ 25.000,00 (vinte cinco mil reais), não recebendo tal quantia em face do famigerado redutor constitucional, que poderíamos chamá-lo de redutor inconstitucional.

Ora, os dois órgãos a que nos referimos são peças fundamentais da segurança pública prevista na Carta Magna Brasileira. A Polícia Militar é responsável pela ordem pública. A Polícia Civil faz o papel de polícia investigatória e judiciária. Cada uma com missão distinta, porém voltadas para o bem-estar e bem comum do povo brasileiro. Não entendemos até agora porque a atitude justa e humana de Luís Abílio fora desmoronada sem quaisquer justificativas, acarretando prejuízo financeiro aos nossos militares.

Somos contrários a qualquer tipo de apologia, contudo defendemos, a todo custo, injustiças praticadas. A formação profissional do coronel começa com o vestibular à Academia Militar, Curso de Formação de três anos, Curso de Aperfeiçoamento, Curso Superior de Polícia e Cursos de Especialização realizados na nossa Pátria e em outras terras do planeta. O mínguo salário não lhe permite almoçar fora de casa com a família aos fins de semana. É um vocacionado e faz do mister verdadeiro sacerdócio.

NESTA MATÉRIA RIDÍCULA, DE FORMA IMBECIL ELE DIZ QUE UM CORONEL NÃO PODE ALMOÇAR FORA DE CASA COM A FAMÍLIA, POIS GANHA SOMENTE MAIS DE DEZ MIL REAIS, ENTÃO EU, COMO PRAÇA, COM MEUS MISEROS 2.000,00 NAO CONSIGO ALMOÇAR NEM DENTRO DE CASA.... O CARA SE INTITULAR ADVOGADO E ESCREVER UMA MERDA DESSA, É DE LASCAR VIU... POR ISSO AS FACULDADES DE ALAGOAS SÃO CONSDERADAS AS PIORES DO BRASIL, POIS FORMA CADA PESSOA QUE DIZ CADA MERDA!

Alexandre de Sousa (Aspira Zero Um) disse...

Bom dia para você que vai fazer o CFO PMERJ 2013 no dia 9 de dezembro e só tem um mês para estudar!

Criei um grupo de estudos para juntar todos os aspiras que estão nessa disputa por uma vaga na APM D. João VI:

http://www.aspiras.com.br/group/cfopmerj

Não é o ideal, não é o que eu gostaria, mas é o que pude apresentar em tão pouco tempo para uma prova que até então é uma incógnita.

A grande dificuldade de fazer algo mais à altura do que eu fazia quando era pela UERJ é que há provas anteriores para analisar. Essa banca, o IBFC, vai confeccionar esta prova pela primeira vez. De outros concursos que ela já fez não há nenhum nos moldes de vestibular como será essa prova, ou ao menos similar. O IBFC não tem nenhum concurso com matérias de vestibular.

Até o ano passado esse concurso era o vestibular UERJ. Há uma expectativa de que o IBFC siga o padrão UERJ, por dois motivos. O primeiro é que saiu na imprensa especializada que a própria PMERJ gostaria que fosse assim. Segundo que boa parte do conteúdo programático do IBFC parece ter sido copiado do programa da UERJ.

Pensando nisso, para cada matéria lá no grupo, coloquei uma coletânea de questões de provas anteriores da UERJ dos últimos anos, resolvidas e comentadas, além de dicas de acordo com o "padrão UERJ":

http://www.aspiras.com.br/group/cfopmerj

O grupo é livre, é gratuito. Estamos utilizando o material didático do IESDE (que é pago), mas você que faz outros cursos ou estuda com seu próprio material didático, não tem problema: você poderá aproveitar as questões de provas anteriores da UERJ e as minhas dicas tranquilamente.

Em tão pouco tempo para preparar o grupo, não haveria tempo para garimpar na internet materiais gratuitos de cada item do conteúdo programático. O que estava ao meu alcance era pegar um curso pronto, com um material que cobrisse mais de 90% do edital, e que fosse reconhecidamente de qualidade. E foi isso que eu fiz.

O link para o grupo: http://www.aspiras.com.br/group/cfopmerj

Sejam bem vindos, vamos juntos!

Alexandre de Sousa
Aspira Zero Um

Visite Comunidade Aspiras em: http://www.aspiras.com.br/?xg_source=msg_mes_network

Anônimo disse...

Amigos Policiais Militares.
Quem está cumprindo essa ecala de 12X36 é a RP, a escala do BOPE no papel em 24X72 mas, na realidade não passa de 24X24, pergunte a qualquer praça do soldado ao sgt e terão as respostas. Você sabe por quê um PM do BOPE fede tanto? Carrega aquela inhaca com ele diariamente? É porque não dar tempo de lavar seus uniformes. Preste bem atenção na ESCALA DE SERVIÇO: Serviço 24 horas, sai dia seguinte e após um sermão das 7:20 as 8:00 de uma Filha da Pt de um Oficial, desde o Cabeça de Chibata de Jegue Aleijado (tenente coronel PRECÁRIO - Thúlio)até o mais moderno oficial, num sol escaldante, ainda tem que pagar 10 ou 20 apois de punhos cerrados. Depois disso vc é liberado, vai desermar, desequipar viaturas, conferir material, antes disso tem que fazer todo FAXINA DO BATALHÃO, os sargentos vão concluir relatorios, emfim, quando saimos do quartel é por voltas das 9:00 ou 9:30, quandfo chegamos em casa depois de enfrentar os "melhores" transporte público (ônibus) do país, sem contar que ele "PASSA A HORA QUE QUEREMOS", nós chegamos a nossa residencia por volta das 11:00 ou 12:00 para descansar (EU FALEI DESCANSAR? Me desculpe amigos do BOPE, foi engano". Isso é a vontade de ter um bom descanso. Quando você pensa em sentar o telefone toca, dá aquele frio na barriga, vc engole seco, sua vós é tremula na resposta e diz bem descabriado: Trimmmmm..
"Alôôôôôô!!!!!!",
Do outro lado da linha: "É o Sd ou cabo ou Sgt fulano de tal?"
"Sim o que é"?
Desculpe estar ligando mas, "AMANHÃ 03:00 HORAS DA MANHÃ PRONTO NA BASE. Eu disse três (03) horas da manhã pronto". Aí o serviço se torna 24X24.
Você já desliga o telefone e olha pra mulher e filhos de baixo pra cima e diz:
"Aquele filha da Pt do Cabeça de Chibata Jegue Aleijado já arrumou serviço pra gente DE NOVO".
A mulher responde: "Sai desse bope homem, você ta se matando, olha fulano de Tal, nem trabalha assim, só vive em casa, dorme em casa todos os dias, vai passear com a fam´lia, viaja. Por quê você trabalha tanto e ele não?".
Você responde: "É porque eu sou Especial. Especial pra esse filha da pt tirar minha classificação, especial pra me arrombar todos os dias, especial pra cumprir mandado de busca e apreensão, especial pra suportar tudo calado e viver fodido".
Sou especial pra ver esse CABEÇA DE CHIBATA DE JEGUE ALEIJADO (TC PRECÁRIO Thulio) receber pontos do Gilmar Batinga, do Cmt geral, dos Politicos, dos Promotores do GCOC, dos juizes da 17ª Vara Criminal". É por isso que sou de um Batalhão Especial.
A FARÇA NACIONAL, eu disse sim (F-A-R-Ç-A), ELES ESTÃO GANHANDO 9.000,00 (NOVE MIL REAIS) de diária fora os seus salários e trabalham até as 17h e pronto.
Esse Governo é finjido, se faz que ñ ver o q esta acontecendo, a justiça é comprada por ele, os comandos da seguraça pública estão em suas mãos, as Associações estão em suas mãos, por isso não resolvem nada. Esses deputados nossos não fazem nada pela categoria dos Policiais, só sabem APROVAR COM URGENCIA OS EMPRESTIMOS DESSE DESGOVERNO BANDIDO, porque sabem que irá sobrar alguma coisa nos bolsos dele.
PARABENS A BRIOSA EM FOCO, SEM VOCES NÃO SOMOS NADA, ESTAMOS DESPROTEGIDOS.
DEVEM SAIR AGORA MESMO DE SEUS POSTOS:
CEL GILMAR - do CPC já tem mais de 30 anos de serviço;
TEN CEL PRECÁRIO THULIO (CABEÇA DE CHIBATA DE JEGUE ALEIJADO) - TEM QUE SAIR URGENTE DO BOPE, ele ta matando os PMs do BOPE com suas escalas extras, P.O., Jogo, Grota, rondas ostensivas, escala de 24X24, etc...- COMANDANTES DIMAS E MÁRIO DA HORA - MANDE ESSE FILHO DE UMA PT COMANDAR DELMIRO GOUVEIA, faça um bem a sociedade e comunidade do BOPE.
PARARENS MAIS UMA VEZ BRIOSA EM FOCO.

Anônimo disse...

Olhem essa lei aí é a 12.619.

CABO RP. disse...

AO IDIOTA QUE DISSE QUE A RP IA NAS DENUNCIAS ANONIMAS,QUE DENUNCIA ANÔNIMA?É NA RAÇA MESMO MEU CARO GATO DE ARMAZÉM,DE VEZ EM QUANDO AINDA ROLA DENÚNCIAS,MAS 85% OU MAIS É NA RAÇA,NO FARO,COISA QUE VOCÊ,MUCHIBOVISK,NEM CONHECE,VAI DAR O TEU MACETE QUE É O MELHOR QUE TU FAZ E DEIXA A VIDA DOS OUTROS EM PAZ.COMPLEXADO,FREUD EXPLICA...

CONHEÇO O ROCHINHA disse...

O NILTON ROCHA DA MATÉRIA ACIMA É O EX-COMANDANTE GERAL DA PM, O 'ROCHINHA', QUE BOTOU UM MONTE DE OFICIAL DENILMA NA PM. ELE NÃO TEM CORAGEM PRA ASSINAR COMO CORONEL, AÍ DIZ QUE É ADVOGADO. O CARA É CEL R/R E TEM MEDO DE ASSINAR A MATÉRIA COMO OFICIAL. ALIÁS, ELE SÓ ENXERGA OS OFICIAIS, NÃO CONSEGUE VER OS PRAÇAS. EU SÓ FICO IMPRESSIONADO COMO A GAZETA PUBLICA UMA M... DESSAS NO JORNAL. A TUA ERA JÁ ERA, ROCHA, VAI DORMIR, VEI.

Anônimo disse...

Parabéns pela matéria; tudo que foi relatado é a mais pura verdade.
Como motorista da RP não estou aguentando mais; a cada serviço tirado envelheço três.Daqui a pouco estarei mais velho visualmente que meu pai.Semana que vem vou ao médico porque não aguento mais!!!

Anônimo disse...

Prezados,
Estou para ingressar no curso de formação ano que vem e já não vejo a hora de passar em outro concurso. As matérias que tenho lido neste blog me fazem acreditar que a PMAL é uma máquina de zumbis. 12/36 é escala de vigia, não de quem tem que estar atento para combater a criminalidade.

Anônimo disse...

Denuncia:

NO CHOA a ST Rosália foi pega "pescando" pelo instrutor do curso e seria desligada pelo fato.Mas como é esposa do OUVIDOR- TC Wellington teve o pedido aceito pelo TC Comandante da Academia ( um ligou TC ligou para o outro ).
Se fosse qualquer outro seria desligado do Curso e PUNIDO.Como a Macetosa nunca deu um tapa numa BROA e só vive dando " seus pulos " Nada Ocorreu!
Se fosse você, perderia o curso e seria punido.
RAÇA DE HIPÓCRITAS!!!!

Anônimo disse...

SERÁ QUE O TC,QUE O CÔRNO DO WELLINGTON LIGOU FOI O MESMO TC DO CURSO DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS QUE DAVA UNS PEGAS NA ROSÁLIA,E JÁ ESTÃO SE FALANDO É NÃO ERAM DE MAL UM DO OUTRO EITA CÔRNO.

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver