Nós temos o nosso Kim Jong-Um

Ridículo! É assim que o mundo define o ditador norte-coreano Kim Jong-Un, em face das mentiras de um regime decadencial e da imagem caricata de um chefe político que adora posar de grande líder de seu povo. Encenando ao mundo a ameaça de uma guerra atômica, o “grande líder” se mostra uma farsa sem tamanho, um opressor de sua gente.

Lá, como não tem Ministério Público, nem OAB, nem GECOC, nem eleição direta e muito menos liberdade de imprensa e direito à livre manifestação do pensamento, o ditador usa o Estado para se autopromover e financiar suas extravagâncias.

Aqui, como lá, o “nosso” Governador de Alagoas – um imenso poço de vaidades – é tão ridículo quanto, e ama a autopromoção e a bajulação dos asseclas, civis e militares.

Entretanto, achando pouco os afagos elogiosos (dos bajuladores e de algumas autoridades “seduzidas” pela figuraça do chefe), ele usa a máquina pública para a autopromoção e para produzir “verdades” a partir das mentiras usadas como pano encobridor da incompetência absoluta de seu governo e, por tabela, a dele mesmo.

(“Espelho meu, espelho meu... existe um governador mais desenrolado do que eu?”)

Mas, espera aí, como ele consegue fazer isso se aqui, diferentemente da Coréia do Norte, tem Ministério Público, OAB, GECOC, eleição direta, liberdade de imprensa e direito à livre manifestação do pensamento?

O fato é que, no dia 14 de abril, a Gazeta de Alagoas publicou a matéria Diário Oficial do Estado faz promoção pessoal de Vilela” revelando ao público o uso criminoso da imprensa oficial como veículo a serviço dos interesses pessoais do governador.

A Gazeta aborda o apetite voraz do governador em aparecer à custa do Estado que ele classifica descaradamente de “pobre”, e sobre como ele mandou publicar no Diário Oficial dois pôsteres com a sua imagem para teatralizar a entrega do primeiro trecho da eterna obra do Canal do Sertão. De quebra, ao estilo, Téo queimou a presidente Dilma excluindo a imagem dela da publicação, dando a entender, matreiramente, que o dinheiro saiu da SEFAZ, quando na verdade o Governo Federal bancou mais de 90% do valor dos custos da obra.

Por aí concluímos a ausência de escrúpulos desse governador, e temos cada vez mais certeza de uma coisa: ele não vai aprovar o realinhamento dos policiais e bombeiros!

Nenhuma categoria logrou êxito de reajuste digno nesse governo; isso é um alerta para não subestimá-lo.  Reconhecer é preciso. O governador é um homem inteligente, e está muito bem orientado por sua equipe “top”, amamentada nos grandes peitões do erário alagoano.

Sabe de quais categorias e figuras o governador atende todos os pedidos? Não?

Então vamos listar agora, por ordem de importância:

a) Os políticos de sua base aliada (deputados, prefeitos, vereadores etc.);

b) Os donos da agroindústria do açúcar e do álcool (como ele mesmo, usineiro). Não esqueçamos que Téo mantém em seu governo o dono do cofre da Secretaria da Fazenda, secretário Maurício Toledo, cuja família (Grupo Toledo) é dona de várias empresas e usinas de cana-de-açúcar; b. 2) Os grandes empresários com negócios ligados ao Estado, como construtoras e grandes fornecedores de produtos usados pela máquina pública;

c) Vários setores da imprensa sejam empresas ou jornalistas, individualmente afagados pela lábia astuta e pela “generosidade” do governador Tucano;

d) Os chefes e membros de outros poderes e de órgão fiscalizadores. Para se ter uma ideia da coisa, o governador tem, pessoalmente, agradado a vários membros do Ministério Público, seja mediante indicação de parentes ou aumento do duodécimo do órgão (o que levou o MP a agraciar o governador com uma “despretensiosa” comenda), além de pedidos para benefício de alguns oficiais com ligações íntimas no MP;

e) O Poder Judiciário, hoje com o maior duodécimo da história. O governador tem amizade pessoal com vários membros do TJ. Isso é fato tá gente, não é boato, basta vocês lerem com atenção e senso crítico os veículos de comunicação da imprensa local e a comunicação oficial.

f) Os fiscais de tributos, porque estes têm na mão a máquina arrecadadora, e por isso têm força contra o governo.

g) Delegados de polícia. Esse povo tem força política e institucional, tem poder do inquérito policial nas mãos, e o governador, parentes e amigos podem ser alvo de futuras investigações (aliás, Teotônio já é investigado da “Operação Navalha”).

h) Procuradores de Estado, para produzir os “pareceres” jurídicos em favor do “chefe”. E olhe, pensando bem, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) deveria ser chamada de PGG – Procuradoria Geral do Governo, ou do governador, como acharem melhor.

i) A OAB/Alagoas, pelo menos na gestão do “Coelho” gordo não se movia uma palha contra o governo tucano. Vamos ver agora como fica com o novo presidente da Ordem dos Advogados.

Se for continuar vai chegar à letra Z e ainda vai faltar gente para listar aqui.

Parece que só quem tá escapando até agora é a Defensoria Pública, órgão que tem realmente se mostrado independente na defesa do povo miserável desta terra seca de oportunidades. (Mas, não espalhem, pode ser que o Téo escute e assedie a Defensoria...).

Por último dos últimos, o governador atende à população. E só depois da população, ele vai pensar se atende ao realinhamento dos militares.

Veja só gente, um governador cercado e protegido por todo esse sistema de poder maquiavélico vai lá se preocupar com um punhado de militares pedindo reajuste?

Vai o governador descer de seu pedestal dourado para se incomodar com uma categoria de milicos que dão segurança para a população, se a última coisa a passar pela cabeça do tucano é o bem estar do povão?

Milicianos, não esqueçam de outra coisa importante: vários militares de alto posto se agacham todos os dias para lustrar os sapatos do governador. Eles serão fiéis ao chefe até o último minuto de governo. E eles usarão todas as armas do sistema contra nós, caso alguém se meta a besta e invente de enfrentar Teotônio.

Como bom estrategista, Téo não bate prego sem estopa nem dá ponto sem nó. Ele sabe exatamente cada passo a ser dado para manter seu status político. Não é à toa o fato dele até agora só ter perdido uma eleição (para prefeito de Maceió).

E não adianta a gente dizer que a tropa não vota em Teotônio Vilela. Ele não conta com os nossos votos, afinal, a gente vai tá é trabalhando pra garantir a “normalidade” do pleito eleitoral. Ademais, se a gente não consegue eleger nem um vereador militar, como poderemos mudar os rumos da eleição majoritária para o Senado?

Pelo exposto, concluímos que não será fácil (para não dizer impossível) arrancar dele o tal de realinhamento salarial e condições dignas de trabalho.

Mas, retornando ao nosso tema central, é temeroso o fato de o governador ter se tornado uma unanimidade na quase totalidade dos poderes e setores da sociedade organizada de Alagoas.

Rui Palmeira usou o slogan errado. Poxa vida, gente, “o cara é bom” cairia tão bem no governador! Ai, que droga!

E, enquanto isso, na Coréia do Norte, um certo ditador se pergunta: Espelho meu, espelho meu, será o Téo Vilela mais poderoso e mais amado do que eu?”

Dou-lhe uma, dou-lhe duas, dou-lhe três:

“É Téo, é Téo, é Téo”... “É Téo, é Téo, é Téo...”

Precisamos eleger um Deputado Estadual para representar os nossos interesses!

13 comentários :

Anônimo disse...

Como escreveu certa vez o Gabriel Garcia Marques: "A crônica da morte anunciada"

carlos disse...

Gostei deste texto porque ele explana de forma "nua e crua" uma realidade atual.
Vale a pena ressaltar que o Estado trabalha desta forma em todo Brasil, sendo que aqui o poder de quem deveria fiscalizar não existe, oposição é chupeta de Gasparzinho (não existe) e o povo altamente desprovido de educação (realidade histórica)não sabe valer seus direitos.
Outra coisa, textos assim são verdadeiros e fortalecem pq não "agridem" e nem "denigrem" ninguém de forma direcionada. Acho quem a equipe do BEF deveria seguir nesta direção. Parabéns! Vou compartilhar!

Carlos Burity - Jornalista MTB 1563/AL
Engenheiro Eletricista CREA 3322TAL

Anônimo disse...

Téo vilela é um defunto político,acabou com o pouco que tinha no estado, hoje alagoas nao tem um serviço público que nao seja o pior do Brasil. Lider em analfabetismo,pior educaçÃo nos 3 níveis segundo ideb,lider em mortalidade infantil,pior saÚde pública do Brasil,pior IDH do Brasil comparado a África. Líder nacional em homicídios, estado mais vilento do Brasil,Maceió cidade mais violenta do Brasil e sexta do mundo...e o banho de sangue continua ....

Anônimo disse...

Ha,ha,ha,ha... Essa Ana é demais! É rir pra não chorar. O Único que pode destronar este governador é D'us, clamem por justiça e vocês verão a ação de D'us neste estado falido dos princípios constitucionais.

Anônimo disse...

EU ACHO É TOME,ENQUANTO ISSO OS BABACAS DA RP,BOPE E AGORA SÃO TRÊS AS POLICIAS DIFERENTES DENTRO DA PMAL,TEMOS AGORA O GETAM QUE TODOS OS DIAS NOS PROGRAMAS POLICIAIS MOSTRANDO SERVIÇO,OS PMS DE ALAGOAS NÃO PRECISAM DE AUMENTO,E SIM DE APERTO QUANTO MAIS APERTO LEVAM,MAIS TRABALHO MOSTRAM ENTÃO SE LASQUEM BANDO DE OTÁRIOS;APERTEM MAIS THÉO E DADÁ QUE OS BABACAS TRABALHAM.

Anônimo disse...

Nós que não atestamos esses falsos líderes (Sargento Teobaldo, Maj Fragoso, Cb Simas, Cb Soares, etc.) aproveitamos o texto acima para lembrar aos caros leitores que na equipe do governador temos também o Sargento Teobaldo, esse mesmo, que na campanha para o governador do Estado colocou a ASSMAL (Diretoria) a serviço desse bandido governador. Sargento Teobaldo estamos investigando você e seus comparsas. Nos aguarde! Nos aguarde! Nos aguarde! Vamos colocar a polícia federal na sua cola. Já temos muita coisa ruim a seu respeito. Quem viver vera!

Anônimo disse...

querida Ana, suas postagens, são de níveis excelentes, e sempre entro aqui, para externar algum comentário, e sempre falo o nome do sgt braz do copom, pois já tive informações que o mesmo já está filiado a um partido politico, mas, até agora, não vimos manifestações do nobre companheiro bráz, se ele realmente é candidato, pois quero levantar a bandeira para um homem de bem, pergunto ao nobre montana, tem alguém de sua amizade que conhece o sgt bráz, para confirmar se ele será pretenso candidato a deputado ? pois ouço falar nele, em vários lugares que passo, e até trabalhei com ele nos meados dos anos 95 ou 97, são miguel dos campos, quando o mesmo foi convidado pelo cap erivan hj cel, para comandar a cidade de campo alegre, o qual fez uma limpeza na cidade, e tirou todas as regalias de vários presos que tinha no gpm, é de uma pessoa de atitudes, que precisamos eleger para deputado. muito grato e parabéns por vossa postagem. sem lutar, não somos e nunca seremos ninguém.... att. cb costa

Dr Júlio disse...

Aproveitando a matéria, recomendo aos amigos que assistam ao seguinte filme: Idiocracia: o mundo governado por idiotas... clique aqui.

Anônimo disse...

muito bom o texto ,mais eu acredito no realinhamento pela fé em DEUS chefe deles todos ,amem?

Regina Carvalho disse...

Alagoas registra média diária de 6,33 assassinatos, segundo relatório

759 pessoas foram executadas entre os meses de janeiro e abril deste ano

A Secretaria de Estado da Defesa Social publicou, nesta quinta-feira (16), o Boletim de Estatística Criminal referente ao mês de abril. O balanço aponta que, nos quatro primeiros meses do ano, 759 pessoas foram assassinadas em Alagoas, sendo 183 no mês passado. A média da quantidade de crimes de homicídio registrada este ano é de 6,33 por dia. Em 2012, a média dos doze meses foi de 5,97, registrando-se aumento, portanto, mesmo com a consolidação do programa Brasil Mais Seguro - viabilizado pelo governo federal.

A maioria das vítimas, quase 95%, é de homens com faixa etária entre 18 e 29 anos. Mais de 80% dos casos foram praticados com arma de fogo, seguido de arma branca, com quase 10%. Também chama a atenção o percentual de pessoas mortas por espancamento - quase 5% do total -, com a maioria dos crimes acontecendo em vias públicas.

Das 759 pessoas mortas em Alagoas este ano, 301 foram em Maceió. Já em Arapiraca, segunda maior cidade do estado, foram 64 assassinatos em 2013. Destes, 19 aconteceram em abril, segundo mês mais violento do ano. O município arapiraquense ainda teve a maior média de mortos por dia em 2013.

Brasil Mais Seguro não surte efeito

E nem o programa Brasil Mais Seguro, implantado de forma pioneira em Alagoas, em junho de 2012, tem conseguido conter os números da violência, já tendo se transformado em alvo de severas críticas pelos parlamentares alagoanos. Os deputados estaduais e vereadores por Maceió reclamam que as ações desencadeadas pelo governo estadual não estão surtindo o efeito desejado.

Segundo dados da Defesa Social, à medida que se aproxima o fim de semana, cresce, semanalmente, a quantidade de corpos recolhidos em Maceió e no interior do Estado.

São considerados Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI), alvo da pesquisa da Defesa social, as seguintes formas de violência: homicídio doloso, roubo seguido de morte (latrocínio), lesão corporal com morte, resistência que resulta em morte, além de outros crimes violentos contra a pessoa que também resultem em óbito.

Anônimo disse...

2.1 NP N° 122/2013 SOLUÇÃO DO PROCESSO DISCIPLINAR ORDINÁRIO N° 002/2013 – 8º BPM PORTARIA Nº 051/2012 – PDO – 8º BPM ENCARREGADO: FLAVIA RENATA SILVA DE MOURA – 2º TEN QOC PM ACUSADO: DANÚBIO DOS SANTOS SILVA – 3º SGT PM nº 5803.88 DEFENSORA: CRISTIANE SILVA PINHEIRO – 1º TEN QOC PM MOTIVO: Apurar fatos consoante foto postada em 23 de outubro de 2012, no site EMEGÊNCIA 190, na reportagem “tocha humana” é encontrada em linha férrea. Onde a referida foto mostra o SGT PM Danúbio, usando balaclava e costeleta fora do padrão. Tal conduta, em tese, submete-se ao que prescreve o Art. 30, inciso XXVI, usar quando uniformizado, barba, cabelo, bigode ou costeletas excessivamente compridos ou exagerados, contrariando disposições a respeito; c/c Art. 31, inciso – III – apresentar-se desuniformizado, mal uniformizado ou com uniforme alterado. Dispositivos contidos no RDPMAL.

Anônimo disse...

ENQUANTO TIVERMOS A PIOR EDUCAÇÃO DO BRASIL, PIOR SAÚDE E SEGURANÇA SEM VALORIZAÇÃO, O ESTADO DE ALAGOAS NÃO VAI PROSPÉRAR, POIS O GOVERNADOR SABE DE TODOS ESSES PROBLEMAS E NÃO TOMA NENHUMA SOLUÇÃO, PARA MINIMIZAR PELOS MENOS UMA ARÉA DESSA, MAS O POVO É CULPADO POR VOTAR POR CESTA BÁSICA UM POR MISÉROS REAIS, NÃO TENDO RESPEITO E COMPROMISSO COM A POPULAÇÃO.

Anônimo disse...

Não entendi, o Sgt Danúbio tá certo ou errado. Ou não é pra fazer nada e deixar essa PM pra lá....

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver