VIPs: Vagabundos Impostos ao Povo

Muitos de nós, ao menos a maioria dos membros do BEF, teve o privilégio de assistir o filme “VIPs: Histórias Reais de um Mentiroso”. Longa metragem baseado no livro de Mariana Caltabiano, cuja reprodução às telas incumbiu a Wagner Moura a tarefa de incorporar Marcelo da Rocha, um trapaceiro e vigarista que tinha (desde a adolescência) dificuldades em assumir a sua própria personalidade.

Marcelo, o Picareta, chegou até a conseguir vender duas motos Harley-Davidson pertencentes ao Exército Brasileiro, quando de sua passagem pelo serviço militar obrigatório. Aprontou tantas estripulias que, dentre de seus golpes, conseguiu ludibriar pessoas da alta sociedade, como o colunista Amauri Jr, o acionista da GOL linhas aéreas Henrique Constantino, e diversos atores como Carolina Dieckman e Marcos Frota, para exemplificar o nível da figura.

Preso em Bangu, no Rio de Janeiro, liderou uma das maiores rebeliões carcerárias daquele estabelecimento prisional, fazendo-se passar por líder de uma facção criminosa (PCC).  Tudo na base a malandragem, assumindo personificações falsas de personalidades influentes. E convencia!

Nessa “brincadeirinha” de enganar as pessoas, Marcelo Rocha comeu, bebeu e se envolveu com pessoas da alta sociedade. Tudo isso sem gastar nenhum centavo e aproveitando-se da peculiaridade do homem médio influente: bajular aqueles que lhe parecem importantes – independente de que estes tenham ou não referências anteriores.


Agora, de volta a nossa realidade, tendo como parâmetro o narrado anteriormente, vemos a tropa Alagoana (a nossa tropa) ser duramente sugada e vilipendiada por uma dupla de picaretas que transcende a malícia de Marcelo Rocha: Os irmãos Dário e Dimas.

Faz pouco mais de 4 anos que o caldo entornou entre a Tropa e o Comando. Especialmente quando da propagada oxigenação aos setores de mando da tropa. Coincidentemente, há dois anos a caserna transformou-se em um barril de pólvora temperado de dissabores e insatisfações, concernentes a inépcia para tratar de assuntos internos e administrativos comuns de ambos, além da crescente desvalorização interna corporis.

Atrelada a isto, tivemos uma movimentação popular derivada à discórdia salarial agravada pelo Governo Teotônio Vilela. É unânime entre todos os círculos de Praças e ao Oficialato subalterno e intermediário: o que ganhamos é uma miséria.

Entretanto, a realidade é diversa quando mencionamos os altos cargos – e nisso inclua-se a Polícia Militar de Alagoas –, onde os que diretamente gerenciam os serviços locupletam-se de altíssimos salários, com o mínimo de prestação de serviço a comunidade.

Citando apenas os “irmãos Cavalcante”, temos que o primeiro (Dário César) aufere somente em salários o equivalente à mais de R$ 30.000,00 (trinta mil) reais por mês, valor superior ao recebido até mesmo pelo Governador do Estado (cerca de R$ 17.000,00 reais), o que fere a própria Constituição Alagoana. Tudo pago por debaixo dos panos, fruto de um irregular acúmulo da aposentadoria como coronel “fechado”, associado ao salário comissionado, devidamente maquiado no Portal da Transparência Ruth Cardoso. Isso, fora as diárias...

Já nosso Comandante Geral, o esperto Dimas, aufere bem menos: cerca de R$ 16.000,00 reais ao mês, fora as diárias (com as quais ele tem o costume gostar fora da finalidade a que se destinam, a exemplo do que fez, quando da sua ida ao Rio Grande do Sul).

Ao que se vê, o Estado de Alagoas gasta com estes dois pesos mortos o equivalente a quase R$ 50.000,00 reais todos os meses. Considerando-se que o salário médio de um soldado com 0 ano é o correspondente bruto a R$ 2.244,00 reais, poderíamos disponibilizar para a sociedade o quantitativo aproximado de 25 soldados todos os meses; o que implicaria em um incremento motorizado de 8 viaturas compostas por 3 homens – e ainda sobraria um para supervisionar os demais.

Mas os problemas também são outros. A tropa encontra-se há vários anos em uma escala insuportável, trabalhando em seu limite. O resultado é que o efetivo próximo a 20% (cerca de 1.400 policiais) encontram-se dispensados por estafa (ou outros problemas associados), ou com restrições a atividade fim.

Alheios às reinvindicações de melhores condições de serviço e de flexibilização da carga horária necessárias – ou ao menos à sua normatização, pelo que disciplina a Constituição Federal – os super-remunerados, Comandante Geral e Secretário de Defesa Social, estão ali para servirem de instrumento de controle da Tropa, impedindo que a sua crescente insatisfação chegue ao Palácio de Vidro.

Seus tentáculos já se esgueiram ao CONSEG, onde ao invés de servir como Conselho Deliberativo em busca de melhorias para a questão problemática da segurança, servem a interesses menores do governo, onde até mesmo a proposta visando a dificultar a aquisição de licenças médicas – cujo caráter originário é a incapacidade física para o serviço – é amplamente discutida. Enfim: querem legislar sobre o estado de saúde do PM, proibindo-o de adoecer.

Com seus salários faraônicos e locupletando-se de picaretagens, os irmãos Cavalcante vão seguindo manchando suas páginas na História da nossa PM, com seu trabalho reduzido – escalas de 6 horas diárias de segunda a sexta – e deleitando-se em noites de sono diariamente, são o antagonismo da tropa, que do soldado ao major concorrem as escalas ordinárias deteriorando seus corpos nas noites violentas do Estado.

Os irmãos Cavalcante comem, bebem, dormem e envolvem-se com figuras da alta sociedade, com espeque na malandragem e transpassando a estas a falcatruas do seu mister, aplicam seus golpes perante as demais autoridades, certos de que a impunidade para incompetência lhes será amplamente recompensada ao final de cada mês.

Os finais de semana para nós são tortuosos, pois deixamos a nossa família em casa, adentramos às perigosas e superfaturadas viaturas locadas e saímos às ruas para fazer a nossa greve branca, a nossa vista grossa de cada dia. Doutro bordo, nossos comandantes fazem basicamente o mesmo: enganam a população comparecendo ao seu serviço diário de “seis horinhas” e aos finais de semana, seguem para pilotar as suas lanchas (?!) pelos balneários mais badalados de Alagoas.

Seguindo a esteira do descomprometimento, ante a explosão da violência – anteriormente restrita ao final de semana, mas que agora já avança assustadoramente para os dias ordinários – o senhor secretário continua em Brasília, envolvendo-se em questões avessas à nossa situação atual, demonstrando com isso estar cada dia menos interessado num resultado prático que vise a frenar nossos funestos índices de mortandade violentos e cada dia mais perdido na administração da pasta.

Tudo na base da “Ousadia e Alegria”!

Não podemos continuar a acender velas por nossos mortos e por isso precisamos
eleger um deputado estadual para representar os nossos interesses!

20 comentários :

Anônimo disse...

Deixem os Coronéis em paz bando embromadores fuleiros(BEF).

Anônimo disse...

Deixem os Coronéis em paz bando embromadores fuleiros(BEF).

Anônimo disse...

meu caro montana, suas postagens, são de níveis excelentes, e sempre entro aqui, para externar algum comentário, e sempre falo o nome do sgt braz do copom, pois já tive informações que o mesmo já está filiado a um partido politico, mas, até agora, não vimos manifestações do nobre companheiro bráz, se ele realmente é candidato, pois quero levantar a bandeira para um homem de bem, pergunto ao nobre montana, tem alguém de sua amizade que conhece o sgt bráz, para confirmar se ele será pretenso candidato a deputado ? pois ouço falar nele, em vários lugares que passo, e até trabalhei com ele nos meados dos anos 95 ou 97, são miguel dos campos, quando o mesmo foi convidado pelo cap erivan hj cel, para comandar a cidade de campo alegre, o qual fez uma limpeza na cidade, e tirou todas as regalias de vários presos que tinha no gpm, é de uma pessoa de atitudes, que precisamos eleger para deputado. muito grato e parabéns por vossa postagem. att. cb costa

Anônimo disse...

meu caro montana, suas postagens, são de níveis excelentes, e sempre entro aqui, para externar algum comentário, e sempre falo o nome do sgt braz do copom, pois já tive informações que o mesmo já está filiado a um partido politico, mas, até agora, não vimos manifestações do nobre companheiro bráz, se ele realmente é candidato, pois quero levantar a bandeira para um homem de bem, pergunto ao nobre montana, tem alguém de sua amizade que conhece o sgt bráz, para confirmar se ele será pretenso candidato a deputado ? pois ouço falar nele, em vários lugares que passo, e até trabalhei com ele nos meados dos anos 95 ou 97, são miguel dos campos, quando o mesmo foi convidado pelo cap erivan hj cel, para comandar a cidade de campo alegre, o qual fez uma limpeza na cidade, e tirou todas as regalias de vários presos que tinha no gpm, é de uma pessoa de atitudes, que precisamos eleger para deputado. muito grato e parabéns por vossa postagem. sem lutar, não somos e nunca seremos ninguém.... att. cb costa

Anônimo disse...

PARA SE TER UMA IDÉIA DO MASSACRE A QUE A TROPA É SUBMETIDA,NO JOGO DE ONTEM CSAXCRB, TIRAMOS UM P.O DE APROXIMADAMENTE 8h SEM TER DIREITO A SEQUER SENTAR PARA COMER AQUELE LANCHE AZEDO COM REFRIGERANTE QUENTE, NUM TOTAL DESRESPEITO AOS PPMM QUE ALI ESTAVAM PARA CONTER AQUELA TURBA FANÁTICA DE TORCEDORES.

Anônimo disse...

Gostaria de saber porque a sindicância apurada pelo Cel Lima júnior não foi encaminhada para o MP, onde um agente penetenciário usava um arma ponto 40 da PM no presídio. Sabemos que as armas ponto 40 da PM não podem ser usada por agentes de presídio e que a referida sindicância está arquivada na corregedoria da PM, pois o resultado desta sindicância implica em improbidade administrativa por parte do senhor Dário Cesar e Luciano. Com a palavra a MP.

Um admirador das postagens do Briosa Em Foco disse...

Vei, na moral. Tuas matérias só sabem criticar as pessoas. Não que elas não mereçam, muito pelo contrário, merecem sim. Mas tu só sabe fazer isso. Eu vejo as matérias da pessoas que assina com o nome de "Soldado Ana", que também ataca, e algumas vezes até erra, mas ela tem sutileza, e na maioria das vezes os testos dela são coerentes e de grande reflexão. Ela cria uma atmosfera que nos faz pensar. Ao contrário de você, que só sabe criticar, criticar, criticar, sem trazer algo de significativo quanto a isso. Eu tenho acompanhado as suas matérias, e por mais que elas tenha um bom número de comentários, o que presumo seja confundido com o número de acessos, mas na verdade não passa de críticas, ofensas, e nada mais que isso. Companheiro, se é que posso chama-lo assim, reflita sobre os seus valores. Acho que você se perdeu, ou então está descarregado indiscriminadamente a sua fúria, devido a alguma frustação pessoal. Repito: as pessoas atacadas por você até que merecem o ataque, mas desde quando você faz disso o seu foco de postagens, então a meu ver você perdido.

Sócio da Assomal disse...

Você não precisa apelar para atrair a atenção dos leitores, Senhor Monanta. O Blog de vocês tem mais de 60 mil acessos por mês, sem precisar de apelação. Reveja a sua forma de atuação e modifique os seus textos, pois assim você até pode conseguir leitores para as suas matérias, mas em contra partida não vai conseguir adeptos, principalmente quando ainda cultivamos a hierarquia e a disciplina como pilares basilares.

Anônimo disse...

Dário & Dimas, mal comparando parece nome de dupla sertaneja. Claro, com todo o respeito aos artistas.

Anônimo disse...

Companheiros, vejo nos comentários de algumas que o pessoal desce a lenha no capitão anaximandro, vulgo Anaxi ou careca, subcomandante do 3ºbatalhão(sub???). Amigos vocês esquecem do real culpado pelas irregularidades ocorridas no 3ºBPM, o Ten-cel "Bonzinho" Bittencourt, um injusto, um traira, safado, enganador, que vive rindo e dando tapinhas nas costas das praças, com isso leva todos no papo.
Muitos reclamam que o capitão Anaximandro é quem manda na unidade, mas ele tem todo o direito de mandar e desmandar, o comando do batalhão é dele. Do subcomandante? Como assim? Respondo. O capitão Anaximandro, vulgo Anaxi, comprou o comando do 3ºBPM, comprou e pagou, ou melhor, com dinheiro de origem ilícita(FURADAS, VENDA DE POLICIAMENTO PARA EVENTOS PARTICULARES, etc.)vem pagando mensalmente ao Ten-cel "Psicólogo Bonzinho" Bittencourt. Ora. se subcomandante comprou e pagou, então o comando é dele. Alguém discorda? Todos os meses o Ten-cel Bonzinho Bittencourt, bonzinho para algumas praças idiotas que se deixam enganar com um sorisso e tapinhsa nas costas, recebe religiosamente um pacotinho (PROPINA) das mãos do Anaxi.
Não tenham raiva do Anaxi, ele não vive posando de bonzinho pra ninguém; tenham ódio do Ten-cel Bonzinho Bittencourt que tem a imagem de queridinho da tropa e por trás apoia todas as safadezas do careca. Na verdade nem sei se posso afirmar que o Ten-cel Bonzinho Bittencourt sabe do que acontece no 3ºBPM, visto que ele vive eternamente de férias, passa semanas sem aparecer, e, quando dar as caras, sabe como é, ne? Parece garoto propaganda creme dental, sorrisos para todos os lados. E o fumo entrando nas praças! Há, mas isso é besteira, o Ten-cel Bonzinho dispensou a minha continência, apertou minha mão sorrindo e deu tapinhas nas minhas. Qual é o outro oficial que faz isso. Ele é gente boa, gosta de praças. Gosta de praças, é??? O Ten-cel Psicólogo Bonzinho Bittencourt vive rindo porque recebe o subsidio de ten-coronel sem trabalhar, raramente aparece no BPM, e por fora tem o pacotinho sagrado recebido religiosamente todos os meses das mãos do Anaxi. Eu chamando o subcomandante de Anaxi, vocês podem pensar que sou oficial de posto igual ou superior, mas não sou oficial, chamo de Anaxi porque algumas do 3ºBPM se dirigem desta forma quando vão falar com ele, é Anaxi pra lá, você pra cá, tem muita promiscuidade na relação hierárquica do 3ºBPM. Também pudera,começa pelo comando, quem manda é o subcomandante. Perai, ele comprou e pagou! Quem compra e paga, é dono.
Bem pessoal, no batalhão que o subcomandante comprou o comando ao comandante é assim, e tem muito mais.
Companheiros não se deixem enganar com sorrisos e tapinhas nas costas, o Ten-coronel Bonzinho Bittencourt é psicólogo e sabe muito bem negociar com o vento, só lábia. e as praças se ferrando o tempo todo. Esse o comandante mais picareta da história do 3ºBPM em Arapiraca. Por aqui passaram vários comandantes caxias, a exemplo Coronel Luciano(Ex-comandante Geral) e outros, mas eles não eram falsos, trairas, enganadores, não viviam distribuindo sorrisos e lascando a tropa crocodilagem, como faz o Ten-cel Psicólogo Bonzinho Bittencourt. Os caxias que passaram por aqui iam a frente da tropa,sem falsidade, e diziam pessoalmente, olho no olho, como deveria ser o comportamento de todos no dia-a-dia da unidade.
Outra coisa, esse negócio de SUPERIOR BONZINHO É COISA DE IRRESPONSÁVEL, SUPERIOR TEM DE SER JUSTO, DECENTE. Com superior bonzinho quem leva vantagem é sempre o macetoso, pode obesrvar. No comando do bonzinho o folgado chega atrasado e é liberado antes do final do serviço, falta e não sofre nada, usa a viatura para resolver assuntos particulares, etc, enquanto praça que é responsável, cumpridora das suas obrigações, não ganha nada; até pra conseguir uma permuta é maior dificuldade.
COMPANHEIROS NÃO QUEIRAM SUPERIORES BONZINHOS BITTENCOURT, QUEIRAM SUPERIORES JUSTOS!

Anônimo disse...

Companheiros, vejo nos comentários de algumas que o pessoal desce a lenha no capitão anaximandro, vulgo Anaxi ou careca, subcomandante do 3ºbatalhão(sub???). Amigos vocês esquecem do real culpado pelas irregularidades ocorridas no 3ºBPM, o Ten-cel "Bonzinho" Bittencourt, um injusto, um traira, safado, enganador, que vive rindo e dando tapinhas nas costas das praças, com isso leva todos no papo.
Muitos reclamam que o capitão Anaximandro é quem manda na unidade, mas ele tem todo o direito de mandar e desmandar, o comando do batalhão é dele. Do subcomandante? Como assim? Respondo. O capitão Anaximandro, vulgo Anaxi, comprou o comando do 3ºBPM, comprou e pagou, ou melhor, com dinheiro de origem ilícita(FURADAS, VENDA DE POLICIAMENTO PARA EVENTOS PARTICULARES, etc.)vem pagando mensalmente ao Ten-cel "Psicólogo Bonzinho" Bittencourt. Ora. se subcomandante comprou e pagou, então o comando é dele. Alguém discorda? Todos os meses o Ten-cel Bonzinho Bittencourt, bonzinho para algumas praças idiotas que se deixam enganar com um sorisso e tapinhsa nas costas, recebe religiosamente um pacotinho (PROPINA) das mãos do Anaxi.
Não tenham raiva do Anaxi, ele não vive posando de bonzinho pra ninguém; tenham ódio do Ten-cel Bonzinho Bittencourt que tem a imagem de queridinho da tropa e por trás apoia todas as safadezas do careca. Na verdade nem sei se posso afirmar que o Ten-cel Bonzinho Bittencourt sabe do que acontece no 3ºBPM, visto que ele vive eternamente de férias, passa semanas sem aparecer, e, quando dar as caras, sabe como é, ne? Parece garoto propaganda creme dental, sorrisos para todos os lados. E o fumo entrando nas praças! Há, mas isso é besteira, o Ten-cel Bonzinho dispensou a minha continência, apertou minha mão sorrindo e deu tapinhas nas minhas. Qual é o outro oficial que faz isso. Ele é gente boa, gosta de praças. Gosta de praças, é??? O Ten-cel Psicólogo Bonzinho Bittencourt vive rindo porque recebe o subsidio de ten-coronel sem trabalhar, raramente aparece no BPM, e por fora tem o pacotinho sagrado recebido religiosamente todos os meses das mãos do Anaxi. Eu chamando o subcomandante de Anaxi, vocês podem pensar que sou oficial de posto igual ou superior, mas não sou oficial, chamo de Anaxi porque algumas do 3ºBPM se dirigem desta forma quando vão falar com ele, é Anaxi pra lá, você pra cá, tem muita promiscuidade na relação hierárquica do 3ºBPM. Também pudera,começa pelo comando, quem manda é o subcomandante. Perai, ele comprou e pagou! Quem compra e paga, é dono.
Bem pessoal, no batalhão que o subcomandante comprou o comando ao comandante é assim, e tem muito mais.
Companheiros não se deixem enganar com sorrisos e tapinhas nas costas, o Ten-coronel Bonzinho Bittencourt é psicólogo e sabe muito bem negociar com o vento, só lábia. e as praças se ferrando o tempo todo. Esse o comandante mais picareta da história do 3ºBPM em Arapiraca. Por aqui passaram vários comandantes caxias, a exemplo Coronel Luciano(Ex-comandante Geral) e outros, mas eles não eram falsos, trairas, enganadores, não viviam distribuindo sorrisos e lascando a tropa crocodilagem, como faz o Ten-cel Psicólogo Bonzinho Bittencourt. Os caxias que passaram por aqui iam a frente da tropa,sem falsidade, e diziam pessoalmente, olho no olho, como deveria ser o comportamento de todos no dia-a-dia da unidade.
Outra coisa, esse negócio de SUPERIOR BONZINHO É COISA DE IRRESPONSÁVEL, SUPERIOR TEM DE SER JUSTO, DECENTE. Com superior bonzinho quem leva vantagem é sempre o macetoso, pode obesrvar. No comando do bonzinho o folgado chega atrasado e é liberado antes do final do serviço, falta e não sofre nada, usa a viatura para resolver assuntos particulares, etc, enquanto praça que é responsável, cumpridora das suas obrigações, não ganha nada; até pra conseguir uma permuta é maior dificuldade.
COMPANHEIROS NÃO QUEIRAM SUPERIORES BONZINHOS BITTENCOURT, QUEIRAM SUPERIORES JUSTOS!

GRUPO DE PESQUISA EM SEGURANÇA PÚBLICA - GPSEG disse...

O PROGRAMA SEGURANÇA EM DEBATE, SERÁ EXIBIDO HOJE, ÀS 19H30, NO CANAL 16-TV FAROL (TV ABERTA), NO QUAL SERÁ ENTREVISTADO:

O COMANDANTE GERAL DA PM DE ALAGOAS CORONEL DIMAS CAVALCANTE, debatendo temas gerais inerentes à Segurança Pública, efetivo da PM, corrupção na polícia, plano Brasil mais Seguro, dentre outros assuntos correlatos.

Para quem é assinante da Net, este programa será exibido no Canal 09 (Sem decodificador) ou no canal 08 (Com decodificador).

Existirão reexibições deste programa ao longo da semana, sempre às 19h30.

Anônimo disse...

E O QUE FALAR DOS PRESIDENTES DE ASSOCIAÇÕES, TEOBALDO, SIMAS, FRAGOSO E SOARES, QUE TUDO TUDO SABEM E TUDO VÊM. QUE BEBEM DA AGUA PODRE DO GOVERNO; QUE USAM A TROPA COMO TRAMPOLIM PARA PARA SUAS CANDIDATURAS, QUE CERTAMENTE NUNCA DECOLARÃO. FORAM TODAS ESSAS MAZELAS!

Inscrições abertas - Ciclo 28‏ disse...

Prezado(a) Aluno(a), já estão abertas as inscrições do ciclo 28 dos cursos EAD SENASP. As inscrições vão até as 23h59 do dia 16/05. Alunos novos (não cadastrados) podem se inscrever em um curso e o aluno já cadastrado, que não esteja bloqueado por evasão, poderá solicitar inscrição em até dois cursos até o limite de vagas. Faça já sua inscrição! Atenciosamente, Equipe EAD.

O Observador disse...

CARACTERÍSTICAS DE UM BOM MENTIROSO

Já dizia o doutor House: as pessoas mentem. Algumas, muito mais e muito melhor do que as outras. Por isso, é normal desconfiar das histórias absurdas do amigo ou acreditar que o seu colega de trabalho pode ser um psicopata . Mas não há motivos para a paranoia.

A revista Scientific American mencionou recentemente o trabalho de uma equipe de pesquisadores liderados pelo psicólogo holandês Aldert Vrij, da Universidade de Portsmouth, que listou características típicas de mentirosos convincentes para ajudar a identificá-los:

1 - São manipuladores. Segundo o artigo, manipuladores mentem frequentemente e não têm escrúpulos morais – por isso, sentem menos culpa. Eles também não têm medo de que as pessoas desconfiem e não precisam de muito esforço cognitivo para fazer isso. A coisa meio que acontece naturalmente.

2 - São bons atores. Quem sabe atuar tem mais facilidade em mentir e se sente confiante ao fazer isso, pois sabe que é capaz de fingir muito bem. (Antes que comece a polêmica, não estamos dizendo aqui que bons atores são necessariamente mentirosos. A lógica é oposta: bons mentirosos é que são, geralmente, bons atores)

3 - Conseguem se expressar bem. “Pessoas expressivas geralmente são benquistas”, dizem os pesquisadores. Elas dão uma impressão de honestidade porque seu comportamento sedutor desarma suspeitas logo de início, além de conseguirem distrair os outros facilmente.

4 - Têm boa aparência. Pesquisas já mostraram que pessoas bonitas tendem a ser mais queridas e vistas como honestas, o que ajuda quem curte enganar os outros.

5 - São espontâneos. Para acreditarmos num discurso, ele precisa parecer natural. Quem não tem a capacidade de ser espontâneo acaba parecendo artificial – e fica difícil convencer alguém desse jeito.

6 - São confiantes enquanto mentem. Bons mentirosos geralmente sentem menos medo de serem desmascarados do que as outras pessoas. Então, mantêm uma atitude confiante em relação à sua habilidade de mentir.

7 - Têm bastante experiência em mentir. Assim como nas outras coisas, o treino também leva à perfeição quando se trata de mentir. Quem está acostumado a isso já sabe bem o que é necessário para convencer as pessoas e conseguem lidar mais facilmente com suas próprias emoções.

8 - Conseguem esconder facilmente as emoções. Em algumas situações mais arriscadas, mesmo um mentiroso veterano pode sentir medo e insegurança. Nesse caso, é fundamental conseguir camuflar bem essas emoções. Além disso, já dissemos que mentirosos geralmente são pessoas expressivas, né? Pois é: eles costumam ser bons em fingir sentimentos que não estão realmente sentindo, mas também tendem a manifestar seus verdadeiros sentimentos espontaneamente. Por isso, é necessário ter habilidade em mascará-los para que não venham à tona.

9 - São eloquentes. Pessoas eloquentes conseguem confundir mais facilmente as pessoas com jogos de palavras e conseguem enrolar mais nas respostas caso lhe perguntem algo que exija outras mentiras.

10 - São bem preparados. Mentirosos planejam com antecedência o que vão fazer ou dizer para evitar contradições.

11 - Improvisam bem. Mesmo estando preparado, é preciso estar pronto a improvisar caso alguém comece a desconfiar da história que ele inventou ou as coisas não saiam como esperava.

O Observador disse...

12 - Pensam rápido. Para improvisar bem, é preciso pensar rápido. Quando imprevistos acontecem, e fica fácil desconfiar quando a pessoa fica sem resposta ou tenta ganhar tempo dizendo “ahhn” ou “eee”. Bons mentirosos não têm esse problema e conseguem pensar em uma saída rapidamente.

13 - São bons em interpretar sinais não verbais. Um bom mentiroso está sempre atento à linguagem corporal do seu ouvinte e consegue interpretar sinais não-verbais que possam indicar desconfiança. Caso identifique indícios de suspeitas, ele muda de atitude ou melhora a história.

14 - Afirmam coisas que são impossíveis de se verificar. Por motivos óbvios, bons mentirosos costumam fazer afirmações sobre fatos que sejam impossíveis de se provar e evitam inventar histórias mirabolantes que poderiam ser facilmente desmascaradas.

15 - Falam o mínimo possível. Quando é impossível falar algo que não pode ser verificado, o mentiroso simplesmente não diz nada. Se a "peguete" pergunta ao mentiroso onde estava naquela noite em que não atendeu ao telefone, ele vai preferir responder algo como “honestamente, eu não me lembro”. Melhor do que inventar que teve de levar a avó ao médico. Quanto menos informação fornecer, menos oportunidade ele terá de ser desmascarado.

16 - Têm boa memória. Quem quer desmascarar um mentiroso procura por contradições no seu discurso, porque muitas vezes eles podem simplesmente se confundir ou esquecer detalhes que inventaram. Mas não se impressione se a pessoa conseguir se lembrar e repetir cada vírgula do que lhe contou anteriormente. Bons mentirosos geralmente têm ótima memória.

17 - São criativos. Eles conseguem pensar em saídas e estratégias que você nunca imaginaria. Mas não se deixe levar pelo seu brilhantismo – afinal, é isso o que eles querem.

18 - Imitam pessoas honestas. Mentirosos procuram imitar o comportamento que, no imaginário das pessoas em geral, são típicos de quem só diz a verdade – e evitam se parecer com a imagem que se tem dos mentirosos.

Apesar deste parecer um manual para ajudar as pessoas a mentir melhor, os pesquisadores têm certeza de que essa lista não é capaz de melhorar a capacidade mentirosa de ninguém. Isso porque a maioria dessas características são inerentes à pessoa e têm a ver com aspectos da sua personalidade. Para a ciência, o melhor mentiroso é aquele que nasceu assim.

Cabra de Peia disse...

O HOMEM MAIS MENTIROSO DO MUNDO

Se há uma pessoa que deixou na história um volume de lendas urbanas e mentiras dignas do assombro e a reverência dos políticos do mundo inteiro, esse foi Phineas Taylor Barnum. Uma contradição vivente, um ser desprezível e ao mesmo tempo querido cujo circo ambulante vendeudesde histeria em massa até todo tipo de enganos e mentiras.

Nascido numa família de comerciantes no início do século 19 Barnum descobriu já muito jovem que o trabalho honesto não era para ele, pelo qual depois de um roubo com cupons de loteria em um jornal chamado "The Herald of Freedom" onde a veracidade das notícias era só comparável às promessas de uma campanha eleitoral, terminou muito jovem na cadeia. Não desanimou, ali aprendeu todo tipo de falcatrua, roubo e malandragem e ao sair decidiu que iria ser um "showman".

Sua primeira aquisição foi uma mulher escrava africana cega, à qual apelidou de "Joice a bicentenária" e apresentava-a como a autêntica babá do presidente George Washington. Graças a seu carisma e talento para mentir, e melhor ainda sua memória ao sustentar essas mentiras, logo conseguiu tornar-se o feliz proprietário de um prédio e de uma companhia de espetáculos escalafobética.

Continuou seu show ambulante por todo os Estados Unidos até fundar um museu em 1841 chamado "Barnum’s American Museum", um museu que prometia "500 mil assombros e maravilhas" dos quais absolutamente nenhum era verdadeiro ou correto. Em seu museu só não seriam expostos uma sereia -com a qual causaria histeria entre a população - e uma máquina que ele usava em seus shows mambembes que fazia "desaparecer dinheiro".

Nesta mesma época conheceu um dos maiores astros de seus shows, ele apadrinhou um menino anão de 5 anos que era apresentado como O General Polegar, "O menor general do mundo". Personagem que geralmente também aparecia em cena vestido de Napoleão quando era ovacionado pelo público ao cometer todo tipo de idiotices; ainda que também fazia muito sucesso quando aparecia vestido de Cupido no ato onde um homem chifrudo devia cair apaixonado pela mulher barbada.

Veja a continuação a seguir

Cabra de Peia disse...

Não obstante, suas andanças pelo país deixaram um grande rastro de enganações criando várias recompensas por sua cabeça, sobretudo por suas poções rejuvenescedoras e tônicos sexuais. Barnum então fez as malas e foi para o velho mundo. Ali seria prontamente acolhido como um herói chegando a níveis de fama dignos de uma celebridade. Convidado pessoalmente pela rainha Vitória, Barnum apresentou seu "circo dos horrores" no Palácio de Buckingham. Ali aconteceu a cena que ficaria gravada na memória de muitos: o diminuto Napoleão foi atacado por um dos poodles da Rainha. Nada poderia ser mais prazeroso para a aristocracia inglesa do que ver Napoleão sendo vilipendiado por um diminuto cãozinho. Agradecidos pelo espetáculo Barnum e sua companhia viajariam toda Europa por conta da coroa britânica, chegando a viajar em carruagens de dignitários.

Os anos se passaram e a cada nova temporada um flamante roubo acontecia, e os enganos se acumulavam como as folhas de outono. Em 1871 graças a essa montanha de mentiras e shows bizarros nasceu o "P. T. Barnum’s Grand Traveling Museum, Menagerie, Caravan & Hippodrome". Este circo e os subseqüentes originaram lendas que perduram até os dias atuais como Jumbo "O maior elefante do mundo" ou a gigante Anna Swan, no entanto seria sua representação de um hipódromo romano o que mais dinheiro, imprensa e controvérsia traria para Barnum.

Em 7 de Agosto de 1891, com quatro mansões e uma fortuna gigantesca Barnum morreu luzindo um sorriso na face que surpreendeu a todos que foram a seu funeral. Anos mais tarde uma estátua de bronze foi levantada em sua homenagem no centro do Seaside Park.

Barnum dedicou sua vida toda à mentira e a enganar as pessoas, no entanto morreu feliz e milionário. Domingo à hora de votar lembre-se dos "barnums" da política. Pergunte-se o que aquele candidato fez de bom depois de mais de uma década vivendo como político, ou o quê aquele jovem tem a oferecer. Não escolha um vereador só por ser conhecido ou amigo pessoal, escolha o vereador amigo e comprometido com o seu bairro e a sua comunidade. Talvez assim consigamos acabar com estes malditos fdp que emporcalham a política somente visando o enriquecimento pessoal.

Fonte: http://www.mdig.com.br/index.php?itemid=4003

Bleine Oliveira disse...

Não basta trocar nomes, é preciso alterar o modelo de gestão

O quarteto do controle político-administrativo de um governo é formado pelas secretarias da Fazenda, Educação, Segurança e Saúde.

Ensinam os mais antigos na arte da política que essas pastas são inegociáveis. Nenhum governador deve colocá-la no balcão em busca de apoio e votos.

Assim como o Detran, fonte inesgotável de dinheiro!

Mas isso, creio, foi há pelo menos duas décadas.

Diante do descontrole na área, com provas incontestáveis que, pelo número de homicídios, Alagoas tornou-se o Estado mais violento do Brasil, quem quer ser secretário de Defesa Social?

Angustiada com os dados do Mapa da Violência 2013, que acaba de ser divulgado pelo Instituto Sangari, decidi comentar aqui a orquestração em andamento que, segundo minhas fontes, insistem em derrubar o secretário Dário César Cavalcante.

Minha dúvida é: o que pode mudar na Defesa Social se, ao invés de Dário, o secretário for Alfredo, Francisco, Fernando, Alberto, Daniel, João, Antônio, Cícero?

O que desgasta o coronel Dário César desgastaria qualquer outro secretário, quem quer seja ele.

O problema na Defesa Social é de gestão! É a maneira de fazer segurança pública que não está dando certo.

Lamentavelmente, o governo de Teotônio Vilela não vê a segurança pública como questão social.

Um governo responsável, comprometido com sua população, deve investir na força pública e torná-la capaz de assegurar a ordem e a paz em todos os segmentos da sociedade alagoana.

Não é o que vemos! Ao contrário, sofremos todos os dias com a pouca atenção do governo à situação atual do Estado e de sua população.

Com um assassinato em cada esquina, por que ao invés de propor soluções se investe pura e simplesmente na queda do secretário?

Fonte: Bleine Oliveira

cb.2002 rp na veia. disse...

cb.montana vc é viado.ninguém esqueceu oque vc falou da rp,chamando todo mundo de ladrão.os piores ladrões são esses que vcs e esse aí que deve ser amante do sgt Braz ou certamente ele mesmo defendem,só gatunos!vão tentar ganhar dinheiro de outra forma.telex free,vendendo flau,cavaco,etc...

Postar um comentário

Comente, opine, se expresse. Este espaço é seu!
Não se omita, deixe a sua participação.

Se quiser fazer contato por e-mail, escreva para contatobriosaemfoco@gmail.com

Guarnição da bef

Destaque nos últimos 30 dias

 
Meu Profile: Área Restrita - Somente PESSOAL AUTORIZADO pode ver